/

“Mal posso esperar”. As primeiras palavras de Ronaldo no regresso ao United

(dr) Manchester United

Cristiano Ronaldo oficializado no Manchester United.

Cristiano Ronaldo já foi oficializado no Manchester United e falou pela primeira vez aos adeptos. “Mal posso esperar por me juntar à equipa”, disse o jogador.

O regresso de Cristiano Ronaldo a Old Trafford já estava mais do que certo, mas, para dissipar todas as dúvidas, a sua contratação foi esta terça-feira oficializada pelo Manchester United.

O internacional português assina um contrato válido por duas temporadas, com mais um de opção. O United pagou 15 milhões de euros mais 8 milhões por objetivos.

Já como jogador dos red devils, Ronaldo falou sobre as expectativas para o regresso a Manchester, revelando-se emocionado com o apoio recebido.

“O Manchester United sempre teve um lugar especial no meu coração e fiquei muito emocionado com todas as mensagens que recebi desde o anúncio, na sexta-feira. Estou desejoso por jogar em Old Trafford e voltar a ver os adeptos. Mal posso esperar por me juntar à equipa após os jogos da Seleção e espero que possamos ter uma época recheada de sucessos”, disse CR7.

“Cristiano, cinco vezes vencedor da Bola de Ouro, ganhou até agora mais de 30 troféus durante sua carreira, incluindo cinco títulos da Liga dos Campeões, quatro Mundiais de clubes, sete títulos da Liga em Inglaterra, Espanha e Itália e o Euro-2016 com o seu país natal, Portugal. Cristiano é o primeiro jogador a vencer ligas em três países diferentes, também foi o maior marcador da Série A da temporada passada e conquistou a bota de ouro no Europeu deste ano. Na sua primeira passagem pelo Manchester United, marcou 118 golos em 292 jogos”, lê-se no comunicado do clube inglês.

Ole Gunnar Solskjaer, treinador do Manchester United, também já reagiu à contratação de Ronaldo, tecendo largos elogios ao português.

“Faltam palavras para descrever Cristiano. Não é apenas um jogador maravilhoso, mas também um grande ser humano. É preciso ser uma pessoa especial para ter o desejo e a capacidade para jogar ao mais alto nível durante tanto tempo. Não tenho dúvidas de que vai continuar a impressionar-nos a todos. A experiência dele também vai ser vital para os jovens do plantel. O regresso de Ronaldo demonstra que este é um clube único e estou encantado por regressar a casa onde tudo começou”, disse o treinador norueguês, antigo colega de equipa de Cristiano.

Também a Juventus aproveitou para se despedir do astro português, partilhando uma série de fotos juntamente com um comunicado nas redes sociais.

“No dia 10 de julho de 2018, dois ícones do futebol europeu e mundial cruzaram-se. A 10 de julho de 2018, Cristiano Ronaldo tornou-se jogador da Juventus, criando um vínculo esplêndido. Hoje, depois de três anos, 133 jogos, 101 golos e 5 troféus, esse capítulo termina. Hoje os caminhos do CR7 e da Juventus separam-se”, lê-se na nota divulgada pelo emblema de Turim.


  Daniel Costa, ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE