Primeira criança a receber transplante duplo de mãos já joga basebol

Keith Allison / Flickr

Zion Harvey, a primeira criança a receber um transplante de duas mãos já joga basebol

Aos oito anos foi submetido a uma operação que durou onze horas. Zion Harvey sofreu uma septicemia, uma infeção geral grave no organismo causada por germes patogénicos, que lhe “levou” as mãos e os pés. Passados dois anos da operação, com está a primeira criança a receber transplante duplo de mãos?

O menino americano fez história ao tornar-se na primeira criança a receber um transplante duplo de mãos e agora já consegue segurar num taco de basebol. Zion Harvey, agora com dez anos, “ganhou” o par de mãos há dois anos e os médicos que o acompanham dizem-se impressionados com o progresso.

Os profissionais acabaram de publicar um artigo sobre a história de Zion na publicação médica The Lancet Child and Adolescent Health Journal, segundo a BBC.

A criança já consegue escrever, alimentar-se e vestir-se sozinho, além de jogar basebol. Mas o processo pós-operatório não foi fácil: houve momentos em que o corpo parecia rejeitar as mãos, mas o problema foi resolvido com algumas mudanças na medicação.

Os médicos surpreenderam-se, entretanto, com a resposta do cérebro de Zion “apesar da ausência de mãos durante o período de desenvolvimento motor entre as idades de dois e oito anos”.

No ano passado, o cirurgião-chefe Scott Levin disse que “o cérebro está a comunicar com as mãos, está a mandar que elas se mexam, e elas mexem-se, o que por si só já é extraordinário”.

Hoje, segundo Sandra Amaral, membro da equipa que cuida de Zion no Hospital Infantil da Filadélfia, a criança “é capaz de segurar um taco com muita coordenação e consegue escrever o seu nome com clareza. A sua sensibilidade continua a evoluir, é incrível. Agora consegue fazer carinhos na mãe e sentir isso”, completou.

Zion teve septicemia – também conhecida como sepse – uma infecção generalizada que pode levar à morte. O menino teve que amputar as mãos e as pernas abaixo do joelho e sofreu também falência nos rins.

Aos quatro anos de idade e depois de dois anos de diálise, recebeu um transplante de rim doado pela mãe, Pattie Ray. Quatro anos mais tarde, o menino de Baltimore ganhou mãos novas. “Eu não fui sempre assim. Quando eu tinha dois anos, tive que tirar as minhas duas mãos porque estava doente“, conta.

Zion teve de se adaptar à infância sem as mãos e aprendeu a comer e até a jogar videojogos sem precisar de ajuda. Mas o menino optou pela cirurgia porque queria muito um dia poder segurar a sua irmã mais nova. Nas pernas, usa próteses.

Foi assim que, aos oito anos, se tornou na pessoa mais jovem a receber um transplante duplo de mãos. Cerca de 40 médicos participaram da operação no Hospital Infantil na Filadélfia, num procedimento que durou mais de dez horas e foi considerado bem sucedido.

Os cirurgiões garantiram, logo após a operação, que Zion teria agora “tudo para crescer como uma criança normal“, e que as mãos acompanhariam o seu crescimento.

“Sinto-me muito feliz com as minhas mãos e não me sinto diferente das outras crianças”, afirma Zion. “Agora consigo lançar a bola mais longe do que quando não tinha mãos“.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Advogado das famílias das vítimas do Meco diz que universidades não devem ser desresponsabilizadas

O advogado das famílias dos seis jovens que morreram na praia do Meco em 2013 defendeu esta sexta-feira que as universidades “não devem ser desresponsabilizadas só por chutarem os alunos para a rua para fazerem …

Pontapés, murros e chicoteamento. Mais 4 instrutores dos Comandos acusados de agressões

Mais quatro instrutores dos Comandos foram acusados de abuso de autoridade por ofensas à integridade física. Os dois sargentos e dois cabos estão no total acusados de 14 crimes de abusos de autoridade por ofensas …

Já foi o "Dono de Lisboa Toda". Agora complica vida a Medina (e embaraça Costa)

A "Operação Olissipus" tem o arquitecto Manuel Salgado, ex-vereador da Câmara de Lisboa e primo de Ricardo Salgado, no centro de uma teia de suspeitas. Na antecipação das autárquicas deste ano, o processo complica a …

Vacinação alargada a diabéticos, obesos e doentes oncológicos. Portugal vai dar vacina da Johnson

Marta Temido, ministra da saúde, Graça Freitas, directora-geral da Saúde, e Gouveia e Melo, coordenador da task force de Vacinação, fazem o balanço da primeira fase de vacinação contra a Covid-19 em Portugal, revelando mudanças …

Barcelona quer convencer Messi a ficar (e Grimaldo pode ser um trunfo)

Para convencer Messi a ficar no clube, o Barcelona quer recuperar antigos jogadores. Álex Grimaldo e Thiago Alcântara são as escolhas de Joan Laporta. O presidente do Barcelona, Joan Laporta, está interessado em recuperar alguns dos …

"O maçon nasceu para não confessar que era maçon". Grão-mestre avisa que membros vão desobedecer à lei

Esta terça-feira, na Comissão de Transparência e Estatuto dos Deputados, o grão-mestre do Grande Oriente Lusitano avisou que nenhum maçon irá cumprir uma lei que os obrigue a declarar se são ou não elementos da …

“As vacinas não têm nacionalidade”. Costa pressiona avaliação da Sputnik V

O primeiro-ministro atacou as políticas de fecho de fronteiras para impedir a saída de vacinas e as "guerras nacionais" em função do país de origem dessas vacinas, defendendo em contrapartida mais prevenção e regulação global. Esta …

Já há dois clubes interessados em José Mourinho

Celtic e Valência estão a sondar a possível contratação de José Mourinho, que rescindiu contrato com o Tottenham esta segunda-feira. José Mourinho ainda há pouco tempo rescindiu contrato com o Tottenham, mas já há clubes interessados …

TAP vai ter de dispensar ainda mais trabalhadores, revela secretário de Estado Santos Mendes

A TAP não tem mais meios disponíveis para ajudar a Groundforce, pelo que existe a "possibilidade" de os trabalhadores ficarem sem os salários de maio. Em entrevista ao Tudo é Economia, da RTP3, Hugo Santos Mendes, …

PSD reúne-se com generais contra a lei do Governo para reforma das Forças Armadas

Os sociais-democratas vão receber os mais altos representantes dos oficiais generais na reserva que têm criticado publicamente a proposta de lei do governo para reformar o comando superior das Forças Armadas que visa reforçar o …