Cientistas a um passo de clonar o potro siberiano extinto há mais de 42.000 anos

North East Federal University

No ano passado, uma equipa de cientistas encontrou um potro com 42.170 anos na gigante cratera siberiana de Batagaika, também conhecida como o “Portão do Inferno”. Os especialistas, que encontraram o animal congelado no permafrost, acreditam ser possível cloná-lo e dizem estar cada vez mais perto de o fazer.

De acordo com o The Siberian Times, os cientistas que estão a estudar um possível processo de clonagem estão “confiantes” e acreditam que o animal mumificado poderia ajudar a trazer à vida uma espécie pré-histórica de cavalo já extinta.

O pequeno potro ficou conservado em condições tão perfeitas que a equipa de cientistas russos e sul-coreano, liderada pelo especialista Hwang Woo-suk, acredita ser possível extrair células dos restos do animal, permitindo depois clonar a espécie.

Contudo, este não é o único projeto de clonagem em que estão envolvido: a equipa, que trabalha à meses na cidade russa de Yakutsk – a cidade mais fria do planeta – pretende também recuperar células de um mamute lanoso.

“As células são cultivadas num meio nutritivo especial. Inicialmente, o material é triturado e colocado numa incubadora de CO2 durante alguns dias”, explicou a especialista russa Elena Grigórieva. “Três a quatro dias depois, as células são verificadas e o meio nutriente é substituído”, acrescentou.

Só no último mês, o processo foi testado mais de vinte vezes. “Há sete cientistas do lado sul-coreano e todos estão otimistas com o resultado”, afirmou.

“O primeiro mês de trabalho em Yakutia não foi um sucesso”, admitiu a North-Eastern Federal University em comunicado, mas os cientistas “estão a fazer mais tentativas para desenvolver uma célula que será a chave para clonar o potro”, assegurou .

“Os cientistas estão confiantes no sucesso do projeto”, disse uma fonte da universidade russa onde o projeto está a ser desenvolvido.

Os cientistas discutem agora qual variedade equina será utilizada para clonar a espécie extinta. A chave para sucesso, segundo explicou Grigórieva, passará por selecionar uma espécie de cavalo na qual já se tenham implementado uma clonagem bem sucedida.

“O cavalo coreano servirá perfeitamente“, afirmou. “[Esta espécie] já foi utilizada num processo de clonagem e a tecnologia foi perfeita. Além disso, o cavalo coreano é também bastante antigo, é um sucessor do mongol”, rematou.

“Felizmente, o mundo vai encontrar em breve o clone de um potro antigo que viveu há 42.000 anos”, afirmou Michil Yakovlev, do departamento de comunicação da universidade.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Meus caros senhores: No terceiro parágrafo “a equipa, que trabalha à meses…” – Não seria melhor “há meses”??? – Vá lá, é verbo haver!…

RESPONDER

A água é comum nos mundos extraterrestres (mas surpreendentemente mais escassa do que se esperava)

A presença de água em exoplanetas é comum, mas surpreendentemente mais escassa do que se esperava, concluiu uma nova investigação levada a cabo por cientistas da Universidade de Cambridge, no Reino Unido. Para chegar a …

"Encontrei a minha alma gémea". Presidente do Flamengo disposto a (quase) tudo para segurar Jesus

O presidente do Flamengo, Rodolfo Landim, ficou encantado com Jorge Jesus logo quando o conheceu. É o que o dirigente diz numa entrevista, onde admite que encontrou a sua "alma gémea", não revelando dados sobre …

COP25: uma traição ao Acordo de Paris "e às pessoas em todo o mundo"

Organizações não governamentais ambientalistas consideraram que os projetos de resolução que a cimeira do clima da ONU tem para aprovar são "uma traição" do Acordo de Paris e dos milhões de pessoas que sofrem com …

Governo admite novo aumento extra das pensões (com a simpatia das Finanças e de olho na geringonça)

O Governo está a equacionar um novo aumento extraordinário das pensões no âmbito da preparação da proposta de Orçamento do Estado para 2020 (OE2020). A medida agrada a PCP e Bloco de Esquerda e terá …

Na última noite no Porto, Óliver foi sozinho à Ponte D. Luís (e vieram-lhe as lágrimas aos olhos)

O médio espanhol Óliver Torres confessa que a sua saída do Porto foi "emotiva" e que se despediu do clube e da cidade na Ponte D. Luís, de noite e sozinho, com "as lágrimas nos …

Costa e Centeno discutiram no Conselho Europeu (e foi Centeno quem ganhou)

António Costa e Mário Centeno envolveram-se numa "discussão directa" em pleno Conselho Europeu que deixou os restantes membros do Eurogrupo perplexos. Em causa esteve o primeiro orçamento da Zona Euro, com o primeiro-ministro de Portugal …

Sondagens. Livre cai a pique, Montenegro lidera corrida ao PSD

O PS lidera as intenções de voto com 37,1% e um avanço de 10,2 pontos percentuais sobre o PSD numa sondagem em que o Livre surge com metade da votação alcançada nas legislativas em outubro. Num …

ONU chama a atenção para consumo de tramadol (erradamente considerado menos letal que fentanil)

A crise derivada do consumo excessivo de opóides e as mortes daí decorrentes já levaram empresas norte-americanas que os produzem a receber milhares de ações judiciais. Contudo, a Organização das Nações Unidas (ONU) chama a …

Mais de 50 jornalistas subscrevem abaixo-assinado em defesa de Maria Flor Pedroso

Mais de 50 jornalistas, entre os quais Adelino Gomes, Henrique Monteiro, Anabela Neves e Francisco Sena Santos, subscreveram esta sexta-feira um abaixo-assinado em defesa da jornalista Maria Flor Pedroso, diretora de informação da RTP. "Confrontados com …

O maior sítio arqueológico submerso do mundo é no México (e está a surpreender os especialistas)

Uma equipa de especialistas está a explorar há cerca de quatro anos o Grande Aquífero Maia, localizado no México, e tem feito descobertas surpreendentes que vão desde numerosos sítios arqueológicos a vestígios de homens primitivos.  Durante …