Portugueses devem 15,5 mil milhões ao Fisco

Caza_No_7 / Flickr

A dívida que as Finanças não conseguem cobrar voltou a subir em 2015, atingindo quase 8.350 milhões de euros, o valor mais elevado desde 2007, de acordo com dados da Autoridade Tributária e Aduaneira (AT).

Segundo o Relatório de Combate à Fraude e Evasão Fiscais e Aduaneiras, no ano passado a carteira de dívida gerida (fiscal e não fiscal) pelo Fisco atingiu 15.543 milhões de euros, o valor mais alto registado desde 2006.

Desse montante, 8.348 milhões dizem respeito à chamada “dívida suspensa“, ou seja, dívida que “não é suscetível de ser tramitada, estando a AT legalmente inibida de praticar qualquer ato de coerção tendo em vista a sua cobrança”.

Este valor é o mais elevado desde 2007, o último ano incluído para este indicador no Relatório de Combate à Fraude e Evasão Fiscal da AT, quando a dívida suspensa representava 1.875 milhões de euros.

Segundo o mesmo relatório, que foi publicado na página oficial da AT, estão nestas situações “as dívidas que estão em contencioso judicial ou administrativo, ou a ser pagas em prestações”, bem como as declaradas insolventes.

Assim, sobram 7.195 milhões de euros em dívida que é suscetível a operações de cobrança pelos serviços da AT, abaixo dos 7.293 milhões de euros em “dívida ativa” que as Finanças tinham em carteira em 2014.

“No decurso do ano de 2015, constata-se que o valor da dívida ativa diminuiu e o valor da dívida suspensa aumentou. Este aumento da dívida suspensa deveu-se, fundamentalmente, à evolução crescente dos processos com contencioso associado e garantidos e aos processos suspensos por processos de insolvência”, explica a autoridade liderada por Helena Borges.

Em 2014, a carteira de dívida gerida pelo Fisco atingia os 14.726 milhões de euros, dos quais 7.434 milhões de euros eram considerados dívida suspensa.

No ano passado, a AT conseguiu recuperar, no total, 1.286,2 milhões de euros, dos quais 983,1 milhões de euros diziam respeito a dívidas fiscais, mais 23,7 milhões (ou 2,5%) do que os 959,3 milhões cobrados em 2014.

Foi no Imposto sobre o Rendimento das pessoas Singulares (IRS) que foi recuperado o maior montante de dívida (319,1 milhões de euros), seguido do Imposto sobre Valor Acrescentado (IVA), onde foram cobrados 269 milhões de euros, e do Imposto sobre o Rendimento das pessoas Coletivas (IRC), com 207,1 milhões de euros retomados.

Em 2015, a administração fiscal recuperou um total de 301 milhões de euros a 12.253 devedores que constavam na “lista negra” do Fisco, valor superior aos 253 milhões cobrados em 2014, mas que diziam respeito a 19.795 devedores.

No relatório, a AT destaca ainda que em 2015 o valor de correções resultantes do combate à fraude e evasão fiscais atingiu os 1.439 milhões de euros e que foram realizadas 78.173 ações de inspeção a nível nacional.

Em 2015, as Finanças detetaram também cerca de 92 mil senhorios sem rendas declaradas ou comunicadas por valores inferiores aos reais.

O instrumento de fiscalização da AT cruza os dados do cadastro predial, do registo de contribuintes com a “comunicação electrónica, de três em três meses, dos dados dos contratos de fornecimento de energia eléctrica, gás, água e telecomunicações”.

/Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Mas porque raio os rendimentos que tenho são taxados de impostos, tudo o que compro é taxado de impostos e de taxas acrescidas de impostos em cima das referidas taxas outras que por serem proibidas a cobrança de taxas passaram-lhe a chamar de tarifa de isto tarifa daquilo, onde se é proibido cobrar taxa continuou-se a cobrar tarifa mas sempre a subir.
    Há uns anos instalou-se a CRISE e fizeram crer ao povo que a divida e a crise era culpa dos portugueses que gastaram o que não deviam e agora volta a mesma conversa?
    Quando se assumem e dizem que governaram isto mal ou melhor governaram bem mas foi para o lado deles e dos amigos e cagaram-se para os que os elegeram.
    JÁ É TEMPO DE PRENDEREM AS DEZENAS, CENTENAS DE SÓCRATES QUE FICARAM POR ENFIAR LÁ DENTRO

RESPONDER

"Acho ridículo que sejam feitas obras, portas ou não", diz Ventura

O CDS que não quer o líder do Chega no meio dos seus deputados e a solução pode mesmo passar por abrir uma porta especial para o deputado. "Acho ridículo", comenta André Ventura. Na última conferência …

Duas vitórias em 14 jogos. Benfica quer travar o calvário da Champions

O Benfica recebe esta quarta-feira o Lyon, estando praticamente obrigado a ganhar para seguir em frente na competição milionária. Apesar de reconhecer a dificuldade, Rúben Dias acredita os encarnados vão voltar aos bons resultados. A …

Barcelona-Real Madrid oficialmente adiado para 18 de dezembro

O Comité de Competições da Real Federação Espanhola de Futebol (RFEF) concordou, esta quarta-feira, em marcar o FC Barcelona-Real Madrid, que se deveria disputar no sábado, para 18 de dezembro, "por motivos excecionais". A data inicial …

Embaixador dos EUA em Kiev confirma chantagem de Trump para forçar investigação a filho de Joe Biden

O processo de impeachent a Donald Trump conheceu um testemunho que pode ser determinante. O embaixador dos Estados Unidos em Kiev, na Ucrânia, Bill Taylor, foi ouvido no Congresso norte-americano na terça-feira e apontou o …

Hospital de Évora fez pagamentos indevidos a médicos

O Tribunal de Contas detetou pagamentos ilegais a médicos com funções de gestão de 2015 a 2018 e concluiu que dois técnicos superiores foram nomeados administradores do Hospital de Évora sem reunirem os requisitos legais …

"Infortúnios" vão chegar "mais cedo do que o esperado". Marcelo pede mais crescimento económico

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, diz que o país precisa de mais crescimento económico. "Este que temos não chega", porque "os infortúnios" vão chegar mais cedo do que o previsto. Esta terça-feira, o …

Arqueólogo encontra dezenas de sítios maia graças a um mapa online gratuito

Um arqueólogo norte-americano descobriu 27 sítios maias com 3.000 anos graças a um mapa online gratuito, escreve o jornal The New York Times. Takeshi Inomata, arqueólogo da Universidade do Arizona, nos Estado Unidos, utilizou um mapa …

39 pessoas encontradas mortas dentro de um camião no Reino Unido

Um camião foi encontrado, esta quarta-feira, em Essex, no Reino Unido, com 39 pessoas sem vida no seu interior. O condutor já foi detido. Segundo o The Guardian, as autoridades britânicas já iniciaram uma investigação, depois …

Hospital das Forças Armadas não operou um único doente do SNS

O Hospital das Forças Armadas (HFAR) ainda não apresentou qualquer candidatura para ser “convencionado pelo Serviço Nacional de Saúde”. No ano passado, os ministérios da Defesa e da Saúde assinaram um acordo para que o Hospital …

Chuvas torrenciais fazem um morto em Espanha e inundações em França

Em Espanha, uma pessoa morreu e pelo menos outras duas estão desaparecidas. No sul de França, a tempestade Dana também já causou várias inundações. Segundo o jornal La Vanguardia, as chuvas torrenciais registadas, esta madrugada, na …