Portugal perde 2-1 em França na estreia de Fernando Santos

DR Francisco Paraíso / FPF

Danny num lance do França-Portugal

Danny num lance do França-Portugal

A seleção portuguesa de futebol sofreu hoje a nona derrota consecutiva frente a França, ao “cair” por 2-1, na estreia do selecionador Fernando Santos, num encontro em que a equipa lusa deixou boas indicações na segunda parte.

No Stade de France, Benzema abriu o marcador para os gauleses logo aos três minutos e Pogba aumentou a vantagem da formação da casa aos 69, enquanto Ricardo Quaresma, de grande penalidade aos 77, ainda reduziu para a seleção nacional.

Além do resultado, Portugal acabou por mostrar muitas debilidades defensivas, principalmente durante a primeira parte, mas na segunda metade do jogo acabou por deixar uma imagem interessante e ficou mesmo perto de sair de Paris com um empate, naquele que foi o 23.º embate entre as duas seleções.

No seu primeiro “onze”, Fernando Santos apresentou os regressados Tiago e Danny e apostou numa 4-4-2 que de se desdobrava para 4-3-3 sempre que Portugal tinha a bola, aparecendo o jogador do Zenit São Petersburgo como unidade mais avançada, enquanto Nani e Cristiano Ronaldo trocavam constantemente de ala.

Destaque ainda para as estreias absolutas de Cedric, que foi titular, e João Mário, que foi determinante na segunda parte ao sofrer a falta que resultou na grande penalidade convertida por Quaresma.

Não podia ter iniciado pior a experiência de Fernando Santos como selecionador nacional, quando Karim Benzema, logo aos três minutos, colocou a França em vantagem no marcador.

Numa lance em que a defensiva portuguesa esteve completamente a “dormir”, Sagna rematou à entrada da área para defesa incompleta de Rui Patrício, acabando o avançado do Real Madrid por aproveitar e encostar a bola para as redes.

Portugal teve mesmo um início de partida bastante difícil, com a França a acercar-se com facilidade da baliza portuguesa, muito devido ao “abandonados” Cedric e Eliseu, que não tinham qualquer ajuda do meio-campo a defender nas laterais.

Depois de Griezmann ter ficado perto do segundo golo dos gauleses, Portugal até protagonizou uma boa oportunidade para marcar, quando Danny apareceu completamente solto na área rival, acabando por atirar por cima.

Com a passagem dos minutos, a formação de Fernando Santos até foi equilibrando o encontro, apesar dos muitos passes falhados de João Moutinho e das inúmeras perdas de bola do “caloiro” André Gomes (cumpriu a segunda internacionalização).

Nani até podia ter empatado o encontro, aos 21 minutos, num lance em que roubou a bola na defensiva francesa e, isolado, atirou a bola a poucos centímetros da baliza à guarda de Mandanda, mas até ao Portugal voltaria a denotar falhas graves na defesa.

Desta vez, com a equipa toda subida, Eliseu deixou-se desarmar por Benzema ainda no meio-campo luso, mas o avançado, depois chegar ao pé de Rui Patrício, acabou por ser atrapalhar com o esférico.

No arranque da segunda parte, Portugal regressou ao relvado com Ricardo Carvalho – de regresso após três anos de ausência – e William Carvalho no “onze”, nos lugares de Bruno Alves e André Gomes, respetivamente, e mostrou logo melhorias, com Cristiano Ronaldo a ter uma excelente oportunidade para marcar, mas Mandanda respondeu com excelente defesa.

A seleção lusa cresceu no encontro, aproximou-se com maior frequência e facilidade da baliza francesa, embora sem grande perigo real, mas contra a corrente do jogo sofreu novo golo, novamente com novo erro defensivo.

Aos 69 minutos, Evra entrou como quis pelo lado direito, cruzou e, depois de um pequeno toque de Benzema, Pogba não deu hipóteses a Patrício com um “tiro” rasteiro à entrada da área.

O segundo tento gaulês aconteceu no lance exatamente após Fernando Santos ter arriscado com a entrada do ponta de lança Eder para o lugar de Tiago e a troca de Nani por Ricardo Quaresma.

Ironia do destino, Portugal reduziu a desvantagem no marcador logo também de uma substituição, desta com vez com João Mário a render Cristiano Ronaldo, e o médio estreante acabou por ser determinante.

O jogador do Sporting, logo na sua primeira intervenção, foi derrubado por Pogba e Ricardo Quaresma converteu com sucesso a grande penalidade, aos 77 minutos.

Até final, Quaresma e João Mário ainda causaram perigo junto da defensiva francesa, mas o resultado permaneceu inalterado.

Futebol 365

PARTILHAR

RESPONDER

Parker Solar Probe lança nova luz sobre o Sol

Em agosto de 2018, a Parker Solar Probe da NASA foi lançada para o espaço, tornando-se pouco tempo depois a sonda mais próxima do Sol. Com instrumentos científicos de ponta para medir o ambiente em …

Encontrado no mar das Malvinas navio alemão da I Guerra Mundial 105 anos depois de naufragar

O naufrágio de um cruzador alemão da I Guerra Mundial foi identificado nas Ilhas Malvinas, onde foi afundado pela Marinha britânica há 105 anos. O SMS Scharnhorst foi o principal ativo da esquadra alemã na Ásia …

Boavista 1-4 Benfica | Águia goleia no xadrez do Bessa

O Benfica deu o pontapé de saída da 13ª jornada com uma vitória competente na visita ao Boavista, por 4-1. Num jogo potencialmente perigoso para as aspirações “encarnadas”, frente a um adversário com somente uma derrota …

Cientistas desenvolvem técnica para determinar o humor através da caligrafia

Uma equipa de cientistas estudou a biomecânica dos movimentos das mãos a escrever e a desenhar, e desenvolveu um método para avaliar as propriedades individuais da velocidade de escrita e da pressão do lápis no …

Quase seis mil denúncias de agressões sexuais em viagens da Uber nos EUA

A plataforma de transporte de passageiros Uber divulgou na quinta-feira um relatório, revelando quase seis mil denúncias de agressões sexuais a utilizadores, motoristas e terceiros nos Estados Unidos (EUA), em 2017 e 2018. No relatório de …

Polícia de Los Angeles vai usar dispositivo "ao estilo Batman" para prender suspeitos

A polícia de Los Angeles, nos Estados Unidos, vai adotar, no início do próximo ano, um novo dispositivo, conhecido como BolaWrap 100, que dispara um cinto de fibra sintética a uma velocidade de 200 metros …

Corriere dello Sport defende-se das acusações e garante ser "inimigo do racismo"

O jornal desportivo italiano Corriere dello Sport afirmou esta sexta-feira ser “inimigo do racismo”, defendendo-se das críticas motivadas pela manchete de quinta-feira, com o título “Black Friday” e ilustrada com os futebolistas negros Romelu Lukaku …

Alisadores e tintas para cabelo podem aumentar o risco de cancro da mama

Alisadores e tintas para cabelo são dois produtos comummente utilizados por mulheres. Um novo estudo sugere que estes podem aumentar o risco de cancro da mama, especialmente em mulheres negras. Muitos produtos capilares contêm compostos que …

Black Friday. Marca de cosméticos oferece por engano desconto de 96% e perde 10 milhões em duas horas

Uma falha no site oficial da marca de produtos cosméticos Foreo fez com que o seu artigo mais caro fosse vendido com um desconto de 96%, fazendo com que a empresa sueca perdesse 10 milhões …

Camisola usada por Pelé no seu último jogo foi vendida por 30 mil euros em leilão

Uma camisola usada por Pelé no seu último jogo com a seleção brasileira foi vendida por 30 mil euros num prestigiado leilão de objetos desportivos, realizado na quinta-feira em Turim, Itália. A camisola com o número …