/

Único racismo português “é contra os ciganos” (e Portugal devia pedir-lhes desculpa)

74

Mário Cruz / Lusa

O antropólogo e investigador José Pereira Bastos defendeu este domingo que Portugal deveria pedir desculpa aos ciganos e resolver o problema da habitação, apontando que não adianta de nada haver um Dia Nacional do Cigano.

O Dia Nacional do Cigano assinala-se esta segunda-feira, dia 24 de junho, mas o antropólogo José Pereira Bastos entendeu que “não adianta nem atrasa” para os cerca de 85% de portugueses com preconceitos contra os ciganos, “só piora”.

“Para as pessoas que não têm preconceito não melhora nada”, criticou o cofundador do Núcleo de Estudos Ciganos do Centro de Estudos de Migrações e Minorias Étnicas.

José Pereira Bastos considerou “tudo isso uma fraude” porque “nunca ninguém pegou, nem ninguém pega nesta questão”, sublinhando que em Portugal os ciganos “são aquilo que em psicanálise se chama o mau objeto.

Recordou um estudo que fez em 1997 sobre as “Minorias Étnicas em Portugal”, cujo resultado “nunca lhe tinha passado pela cabeça” e veio mostrar que “não há qualquer comparação” entre o racismo de que é alvo a comunidade cigana e qualquer outra comunidade.

“Resulta de um racismo sistemático, estrutural, que vem desde que eles chegaram em 1500 cá e que nenhum governo republicano ou monárquico ou socialista ou liberal fez nada até hoje”, aponta o investigador , que não tem dúvidas em afirmar que em Portugal “o único racismo é dirigido ostensivamente e totalmente aos ciganos”.

Pela forma como os ciganos têm vindo a ser tratados em Portugal ao longo dos séculos, José Pereira Bastos defendeu que o país, com a história dos ciganos na mão, deveria pedir-lhes desculpa. “O que falta é pedir desculpa aos ciganos, por razões históricas”, defendeu.

Por outro lado, entendeu que deve ser feita discriminação positiva em relação a esta comunidade, com políticas específicas para os ciganos, sublinhando que em Portugal há cerca de 100 mil ciganos, “dos quais imensos analfabetos, imensos pobres, imensos à chuva, a passar fome, a ser batidos pela polícia e a serem expulsos pelas populações”.

Na opinião do investigador e antropólogo, a área da habitação deveria ser a primeira a ser alvo dessas políticas de discriminação positiva, recordando uma visita a Bragança, onde viu “pessoas com menos de 10 graus a dormir em ruínas, em casas sem eletricidade, abraçados uns aos outros para se aquecerem, à fome, ao frio, à chuva”.

“E vi a mesma coisa em Mourão, no distrito de Évora, e vi em várias partes do país. Vi com os chamados nómadas, no meio da lama, famílias trigeracionais, a avó, os filhos, os netos, descalços, na lama, a comerem espargos selvagens”, contou.

Relatou também o caso de uma outra família, cuja história foi testemunhada por um aluno do antropólogo, e foi obrigada a “um périplo de 12 concelhos, desde Beja até às Caldas da Rainha” para depois voltar para trás porque era expulsa pela polícia em todos os locais por onde passava.

Pereira Bastos frisou que o “problema da habitação é gravíssimo”, sublinhando que o que não falta no país são casas vazias, principalmente em Lisboa.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

“Assegurar condições humanas de habitação parece-me o ‘bê-a-bá’. Se não querem falar dos ciganos então façam uma lei que proíba a habitação para todas as pessoas que querem habitação e não a têm e não falem dos ciganos”, desafiou.

Relativamente à educação, apontou que é importante, para além de todas as medidas de promoção e incentivo à frequência escolar, que no fim da linha haja empregos para estas pessoas, sob pena de continuarem dependentes da venda ambulante.

O antropólogo defendeu ainda a criação de uma fundação privada que trabalhe diretamente com o tecido empresarial para a contratação de pessoas ciganas pelas empresas nacionais, à semelhança do que acontece em Espanha como a Fundação Secretariado Gitano.

Governo vai atribuir 100 bolsas a estudantes ciganos

Aproveitando o Dia Mundial da Pessoa Cigana, a secretária de Estado para a Cidadania e Igualdade, Rosa Monteiro, vai apresentar várias medidas para apoio a esta comunidade, incluindo cem bolsas de estudo para estudantes e programas de inserção profissional.

Estas medidas integram-se no âmbito da Estratégia Nacional para a Integração das Comunidades Ciganas, cujos parâmetros principais são antecipados pelo Público.

O Governo pretende apostar na promoção da formação e do emprego entre as pessoas da comunidade cigana. Nesse sentido, através do programa Roma Educa, lança 100 bolsas a atribuir a estudantes ciganos que queiram continuar os seus estudos após terem concluído o Ensino Secundário.

Estas bolsas incluem uma verba de 50 euros mensal para suportar despesas de educação durante um ano, bem como a possibilidade de ter um tutor com formação específica adaptada às necessidades do estudante.

Além disso, a estratégia governamental passa também pela criação de projectos locais de integração socio-profissional, com o apoio de um milhão e meio de euros de fundos comunitários.

  ZAP // Lusa

74 Comments

  1. Pedir desculpas aos ciganos?? Mas porque razão devo pedir desculpas a gente que ao fim de 500 anos ainda não se adaptaram a esta sociedade, ainda não cumprem as regras como outros o fazem, que evitam ao máximo o pagamento de taxas e impostos, que continuam a viver ás custas de quem cumpre com as obrigações legais.
    Vamos mesmo no bom caminho com estas ideias…

      • Quem devia pedir desculpas aos portugueses é o pseudo autor das barbaridades escritas aqui…

        Acho que os ciganos são discriminados …. mas na positiva….
        Também acho que existem exceções à regra… ciganos que trabalham e pagam seus impostos como toda gente…

        Respeito-os como pessoas que merecem respeito… agora a escória que vive à margem….

        deve ter o devido tratamento…

        • Os ciganos podem fazer tudo que as autoridades não dizem nada. Alguém já viu um carro de ciganos com cadeirinha para sentar um bébé? Nenhum usa disso…. se um de nós, que tenha um bebé e não o transporte como deve ser apanha uma multa que fica depenado. Pq os ciganos não são obrigados a usar cadeiras para as crianças? Deve ser por terem um por ano e os carros não terem espaço para tantas cadeiras. Há cerca de uns 2 meses estava eu na fila da caixa de um hipermercado atrás de um cigano, que disse à empregada da caixa que o casal recebe cerca de 600€ por mês, depois têm mais quase 200€ para cada filho. A empregada e a colega dela na caixa ao lado que por acaso não tinha ninguém para atender e estava a ouvir a conversa, ficaram ambas de boca aberta. A que estava a falar com ele perguntou-lhe – “vc não quer que eu vá morar consigo?” Ele respondeu que já tinha a mulher dele em casa e ela respondeu – “mas eu não quero ser sua mulher, eu tb tenho marido, vamos todos morar com vcs, eu, meu marido e meu filho, é só para vivermos à grande e à francesa”. Ela estava a ironizar, mas ele pensou que ela estava a falar a sério. Ele explicou que a cada filho que o casal tiver, o valor sobe de criança para criança. O 1º recebe quase 200€, o 2º já recebe um pouco mais, o 3º mais ainda e quanto mais tiverem mais ganham, no entanto os valores de cada filho não são iguais. Por isso eles recebem balúrdios. O casal recebe logo quase o ordenado mínimo para os 2, dp começam a “fabricar filhos” e só param qdo já têm netos grandes, como algumas ciganas que eu conheço. Devia ser proibido juntarem 2 gaiatos aos 14-15 anos, começam cedo a parir e é até terem netos já na escola.

        • ELES são discriminados, ou eles é que se discriminam? Já trabalhei perto de alguns e quando nao querem uma coisa nao vao, nao aparecem, NÃO FAZEM, é óbvio que assim, é dificl manter algum emprego em algum lado. NÃO TENHO NADA CONTRA ELES, MAS QUE SAO DIFÍCEIS DE LIDAR, LA ISSO SÃO. Para eles um não cigano é um gajo, e não aceitam casamentos com gajos. Então quem discrimina quem? Mas os novos ja se integram, vamos ver é se se integram todos. Na verdade integraçao nao lhes convem, casa á borla, subsidios, advogados de familia, e outras regalias, depois vendem nas feiras e não pagam impostos, tudo para ter Mercedes à porta.

    • Nem mais! Disse tudo!
      Os ciganos são uma praga!
      E a culpa desse pseudo racismo de que são alvo, é unicamente responsabilidade deles…

        • Praga são vocês.
          Pedofilia, violam bebés acabados de nascer, pai violou a filha, o filho mata o pai, a mãe participa na violação da filha pelo pai, parem os bebés mete nos caixotes do lixo, assaltam os idosos nas casas fazem se passar por Doutores, eletricistas.
          Vocês a vossa raça é que não devia existir na face da terra!
          É tudo uma cambada de ladrões!..
          vocês na vossa raça acarinham os cães em casa, os pais espetam com eles no lar até que a morte os leve!
          Por isso vocês é que são a vergonha da sociedade.

        • Os ciganos ti assaltaram e to não fãs nada to tes medo de nós cagão o borrado to na vales nada um dia os cigano vai ti assaltaram ou cu. torboleto banana mangá lo de mentiroso

      • DOENÇA HEREDITÁRIA que este e outos governos insistem em patrocinar, como se de boa gente, respeitadora, se trata-se. portugal corre o sério risco de se tornar numa colónia de ciganáda.
        esse ciganólogo que imigre para um acampamento cigano, e que tenha juízo e respeito pelas pessoas.
        se alguém é racista são os ciganos que acham que os outros têm que andar a apanhar o lixo que eles insistem em atirar para o chão.
        não interessam nem ao PAN. BASTA DE SUBGENTE MAL EDUCADA !

    • O burrólogo, antropólogo e investigador José Pereira Bastos que vá ele sozinho pedir desculpa a esses parasitas, mal educados e ressabiados. Esses marginais é que têm de pedir desculpa pela tolerância de um povo que já os aturou demais. E já agora que se torne num deles e meta o seus estudos de alto gabarito pelo c… acima. Só faltava este!
      “apoio de um milhão e meio de euros” a 100% para o saco roto.

      • apoiado! ciganada é igual a lixo. eles que sejam obrigados a repeitar, a não roubar, a pagar impostos, renda e a trabalhar!
        só pode dizer bem dos ciganos quem não tenha que levar com eles no dia-a-dia e veja o lixo que fazem e assistir a todo o tipo de atitudes de falta de respeito e civismo. as autoridades que era suposto zelarem pela nossa segurança,(cidadão que paga impostos e respeita o outro), têm medo deles porque os ciganos dos juízes os protegem. vamos aumentar as exportações: EXPORTEM OS CIGANOS!

    • Tenho orgulho em ser cigano…

      Quando alguém falar do cigano, por favor, escrevam em letras maiúsculas!
      O cigano não é pedófilo!
      O Cigano não mata crianças em aborto!
      O cigano não abandona filhos no lixo nem à porta do vizinho!
      Os ciganos não matam filhos!
      Os filhos dos ciganos não matam os pais!
      O cigano não abandona os seus avós ou pais no Lar de idosos!
      O cigano não abandona os idosos nos hospitais!
      O cigano tem sentimentos, quando morre alguém toda a família está presente!
      O cigano tem compaixão, quando alguém está no hospital da comunidade, toda a família vai dar apoio!
      O cigano tem uma tradição e a respeita até ao fim!
      O cigano respeita os mais velhos, ou seja, tem obediência aos mais velhos!
      Ou seja, porquê tentos comentários racistas contra o povo cigano? Acho que entendi! Existe tanta gente com inveja do povo cigano… Daí a se revoltar contra!
      Não é para generalizar, é só para saberem a linda cultura do povo cigano.

      • Vou a uma loja bengali e estou a ser aviado. Entra um cigano, aí dos seus 27 anos, sem máscara, retira uma cerveja do armário, paga e vai-se embora. Não respeitou a ordem de atendimento de quem já lá estava na loja, nem a recomendação, escrita à porta, de que não se deve entrar sem máscara. Observo isto ao comerciante bengali e ele responde-me, constrangido: “São ciganos…”. Como quem diz, são ciganos, não há nada a fazer, comportam-se como bem entendem, não respeitando nada nem ninguém. Será isto aceitável? Que os ciganos passem por cima de tudo e de todos?

  2. Numa democracia supostamente bastam 51% de opiniões para fazer com que os outros 49%cumpram as vontades maioritárias. Aqui temos 85% de pessoas (que alegam estar todas enganadas e sem razões de descontentamento) e mesmo assim ainda querem artificialmente impôr-lhes a noção de que estão errados, erraram e deviam pedir desculpas pelo que os seus antepassados fizeram de supostamente errado!!!

    Não imagino um único sítio do país em que se as pessoas comprarem e pagarem a sua casa, pagarem os seus impostos, respeitarem as leis e regras e tratarem com cortesia os demais, sejam ostracizadas apenas por terem a pele castanha, ou de outra côr! Vejam o nosso primeiro-ministro: faz algumas asneiras, formou governo tendo perdido eleições e mesmo assim está num dos cargos maiores de Portugal, e não foi, para aí chegar discriminado pela cor da sua pele!
    Quando é o dia do cidadão nacional pagador de impostos e cumpridor??

  3. …existe uma grande diferença entre racismo e revolta, não só contra eles mas também contra quem os patrocina.
    Este tipo de notícias são absurdas e este antropólogo só quer desconto na feira, o estudo tem de ser muito mais profundo e envolver a vontade dos próprios ciganos.
    Quem não respeita as regras da sociedade onde opta por viver não merece ser respeitado.
    Vivo com milhares de vizinhos de etnia cigana e sei bem do que falo, muitos considero amigos com quem já tive esta discussão imensas vezes. É uma cultura que se orgulha do parasitismo, e não será um problema fácil de resolver pois se se queixam (com razão) que ninguém dá emprego a ciganos, também nem eles querem trabalhar (não sentem qualquer orgulho nisso) nem seriam aceites (novamente o bullying cultural, seriam humilhados). São as infracções e o oportunismo que são louvados e agraciados. Lamentavelmente nem a educação é considerada importante pois um ponto de especial orgulho é subsistir sendo analfabeto.
    É revoltante perceber que grande culpa é de quem patrocina este tipo de vida de parasitismo, os sucessivos governos que subsidiam tudo sem fiscalizar devidamente. Literalmente pagamos para que eles vivam desta forma, e eles sabem fazê-lo melhor que ninguém.
    Orgulho-me imenso de vários ciganos que conheço e sei que são seres humanos fantásticos, mas neste país, com a conjuntura actual de subsidiar o parasitismo, eles vão parasitar cada vez mais e orgulhar-se disso.

    • Excelente análise!
      A revolta que eu tenho contra eles não me deixa ser tão simpático assim..
      mas… excelente análise!

      • Os ciganos ti assaltaram e to não fãs nada to tes medo de nós cagão o borrado to na vales nada um dia os cigano vai ti assaltaram ou cu. torboleto banana mangá lo de mentiroso

      • Não me importava de passar lá uns dias…
        Não querendo alimentar o off-topic, mas só para esclarecer: as barracas de Porto/Gaia/Matosinhos foram praticamente erradicadas, e jà à alguns anos, vê lá se descobres onde foi reunida a maioria da comunidade e terás a tua resposta.

  4. Eles trabalham muito… enganar, roubar, vender sem pagar impostos, pois coisas roubadas ou falsificadas nao da pra faturar… a maioria nao paga água, luz… e claro falsificam muitas vezes documentos pra ter subsidios… não acho que sejam burros… mas acham-se superiores aos outros… que trabalham para eles…. ou seja o ze povinho…

    • Os ciganos ti assaltaram e to não fãs nada to tes medo de nós cagão o borrado to na vales nada um dia os cigano vai ti assaltaram ou cu. torboleto banana mangá lo de mentiroso

  5. Parece-me que os comentários acima são esclarecedores e não há qualquer necessidade de acrescentar muito mais a respeito. Parece-me, no meu entender, claro, que Portugal já fez mais que pedir desculpa aos ciganos discriminados: atribuindo-lhes habitações, rendimentos gratuitos, fechando muitas vezes os olhos à criminalidade praticada, desconsiderando o desrespeito a muitas das regras que são impostas aos demais mas que os ciganos discriminados têm o direito e a legitimidade de não as cumprir, etc, etc e etc. Não será esta atribuição de estatuto, rol de direitos e todo este salvo-conduto um pedido de desculpa de todo Portugal aos ciganos discriminados?!

  6. Pedir desculpas? Também podem pô-los a trabalhar como fazem com às outras camadas sociais que deixam de trabalhar e o Centro de Emprego a ocupá-los em vez de ficarem em casa. Os ciganos não trabalham e ganham ainda mais do que os outros trabalhadores em ativo. Os nacionais e os que vieram de fora, os estrangeiros trabalham nas obras, nas fábricas, nos serviços para a suas sobrevivências e ganham pouco. Os ciganos só fazem filhos e muitos deles recebem mais que um salário mínimo. Que país é este? Têm medo dos ciganos.

  7. Pedir desculpas a uma comunidade que não se integra? O autor devia ter vergonha na cara.
    Já sofreu um acidente com um destes senhores? O autor paga impostos como todos nós ou também vive na sombra como eles? Também rouba como eles? Menos senhor autor e faça o favor de se tratar.

  8. Tento não ser preconceituoso (não sou racista), sei que não se deve generalizar, e que nem todos os ciganos se comportam da mesma maneira, mas fica difícil, quando os únicos roubos lá em casa são cometidos por eles. O último foi de fruta, que depois vendem em caixinhas (incluindo a mim próprio), nos terraços dos cafés da vila. Isto não é nada de verdadeiramente pesado, mas se os ciganos querem melhorar a própria imagem, e não querem ser discriminados, que mudem de vida.

  9. Pedir desculpa???Pedir desculpa a quem anda a viver às custas de quem trabalha para estes viveram de um rendimento mínimo sem nada fazerem???
    Pedir desculpa por para além de terem rendimento mínimo sem nada fazerem ainda traficam droga e outras coisas mais sem ninguém fazer nada porque têm medo???
    Trabalhem como os outros, descontem como os outros e passarão a ser respeitados, até lá como é que querem que se respeite malandros criminosos, já bastam os políticos!!!

  10. ..esse espertalhão da dúzias,cuja formação (ou não!) diz tudo, ANTROPÓLOGO, que pegue nos ciganos e leve-os p’ra sua casa… está à espera de quê?..

  11. Quanto estará este “antropologo” a lucrar com esta afirmação?
    Quem está por trás desta noticia?

    Porque andam ciganos que vivem de rendimento de inserção social em grandes BMW, tem casas do estado, prioridade para filhos nas escolas, passam sempre a frente de todos nas filas de espera porque “emprestam” crianças de colo uns aos outros.
    Será que é a venderem algum material contrafeito que dá para os luxos? Contas simples dá para vêr que é impossivel.
    Droga? Sim!!! As casas sociais foram dadas pelos politicos porque a coca e heroina estragam-se com a humidade nas barracas.

    Há Ciganos que são cidadãos exemplares. Pena serem uma minoria que são denegridos pela grande maioria da propria etnia.

    Quanto ao Sr “antropologo”, venha viver para junto deles no bairro social

    (Em caso de dúvida, é só dar uma voltinha por S. João do Estoril)

  12. O José Pereira Bastos quer protagonismo barato á conta dos ciganos. Acredito que não tenha nenhuma comunidade a viver perto da casa.

  13. ‘Discriminação positiva’, bem como ‘justiça social’, são ideias perversas. Não deve haver discriminação, bem como a Justiça deve ser igual para todos. É obrigação dos ciganos de se adaptarem. Não é obrigação dos nativos trabalhar para os ciganos ou discriminá-los positivamente. Actualmente, têm direito a educação e saúde. Estes direitos básicos são o princípio de tudo. Peguem nisso e façam alguma coisa, e deixem-se dos discursos de vítimas. Não sei quem deve o pedido de desculpas.

  14. Mais alguma etnia recebe rendimentos mínimos abundantemente enquanto fazem dinheiro nas feiras e exibem Mercedes à porta das barracas? (ou dos apartamentos que NÓS pagamos!)
    –> isto é PRIVILÉGIO e FRAUDE !

    Mais alguma etnia exibe comportamentos sistematicamente desrespeitosos, bárbaros, agressivos e criminosos em forma de bandos e não é castigada por isso?
    Há poucas semanas mãe e avó dum aluno cigano agrediram selvaticamente a Professora dentro da Escola !!!
    –> isto admite-se? qualquer um de nós que fizesse isso ia logo “bater com os costados” à prisão!!! mas essas pobres “discriminadas” não, que seria “”racismo”!)
    –> havia de acontecer isso ao autor deste artigo … só para aprender … !

    Mais alguma etnia pura e simplesmente NÃO PAGA IMPOSTOS ?
    –> o autor da notícia que me apresente a declaração de impostos DUM cigano !
    Juízo na cabecinha!

    E por fim, se o autor da notícia tiver filhos, quando os enviar à escola sòzinhos, que experimente mandá-los passar por uma zona de ciganos … “À CONFIANÇA” ! que essa gente é toda “muito respeitadora, pacífica e inofensiva” !
    Gostava de ver !!!!! “É o mandas … ” !!!

  15. Até hoje, o único cigano que sei que trabalha e que paga impostos, é o Quaresma.
    Acho que isto diz tudo sobre a cultura do facilitismo e dos penduras.
    Ao fim de tanto tempo, porque razão não se integraram ainda na sociedade?
    Este antropólogo, porque razão não vai viver com eles, para os estudar mesmo a sério, em vez de apontar o dedo a quem lhes paga toda a espécie de subsídios?

  16. Mais alguma etnia recebe rendimentos mínimos abundantemente enquanto fazem dinheiro nas feiras e exibem Mercedes à porta das barracas? (ou dos apartamentos que NÓS pagamos!)
    –> isto é PRIVILÉGIO e FRAUDE !

    Mais alguma etnia exibe comportamentos sistematicamente desrespeitosos, bárbaros, agressivos e criminosos em forma de bandos e não é castigada por isso?
    Há poucas semanas mãe e avó dum aluno cigano agrediram selvaticamente a Professora !!! –> isto admite-se? qualquer um de nós que fizesse isso ia logo “bater com os costados” à prisão!!! mas essas pobres “discriminadas” não, que seria “”racismo”!)
    –> havia de acontecer isso ao autor deste artigo… só para aprender … !

    Mais alguma etnia pura e simplesmente NÃO PAGA IMPOSTOS ?
    –> o autor da notícia que me apresente a declaração de impostos DUM cigano !
    Juízo na cabecinha!

    E por fim, se o autor da notícia tiver filhos, quando os enviar à escola sòzinhos, que experimente mandá-los passar por uma zona de ciganos … “À CONFIANÇA” ! que essa gente é toda “muito respeitadora, pacífica e inofensiva” !
    Gostava de ver !!!!! “É o mandas … ” !!!

  17. Ciganos’??? Pessoalmente tenho tido experiências negativas com praticamente todos os ciganos, pelo que mesmo sem o querer, tenho que estar de pé atrás…Pensava eu que estava a ser “racista”mas a experiência obrigou-me só a ter confiança de um cigano/a se formos amigos, caso contrário, eu não ponho a mão no fogo por nenhum ….Chamem o que quiserem…

  18. Vou contar uma história verídica.
    Eu fiquei desempregado e sou deficiente (mas nos anos que trabalhei descontei como uma pessoa normal porque ninguém me informou dos meus direitos mas isso já é outra história).
    Como as empresas têm alergia aos deficientes depois de procurar emprego durante mais de 2 anos acabaram-se os subsídios, com o estado(iefp) a mandar-me para tudo quanto é formações e se falhasse a uma comparência cortavam-me o subsidio sempre as ameaças, resultado fiquei sem subsidio devido ao tempo e ter saido a PSI mas agora tenho a PSI que na altura era 269€ mensais.
    Ao pagar água,luz,medicamentos pouco sobra. Fui pedir ajuda alimentar e medicamentosa ao dito “Estado” no Centro Paroquial que é uma IPSS financiada pela SS e IEFP(os 2 estado) e nesse dia vejo várias mulheres de etnia cigana que chegaram em mercedes,bmw e etc pelos maridos que se puseram a milhas a ir buscar géneros alimentares incluindo comida acabada de fazer em caixas da cantina. Resultado foi-me recusada ajuda porque já recebia o suficiente, 269€ é suficiente disse-me o “Estado” e eu tive de seguir para casa.
    Felizmente lá veio este ano o complemento da PSI e já não preciso de andar a escolher que conta não pagar para poder comer.

    E agora dizem-me que eu tenho de pedir desculpa aos ciganos.

    • Viva o racismo, viva xenofobia.mas segundo parece não foram esses parasitas que lhe negaram apoio. Mas tudo bem sejam eles bodes expiatórios de todo crime nacional. Morte aos ciganos.

  19. Se for um cigano/a que eu conheça como meu amigo/a naturalmente é meu irmão/ã. Mas se for um qualquer cigano que cruza comigo, peço desculpas, porque sinceramente, não dá para confiar. Com um cigano toda a preocupação é pouca…Não é questão de ser racista qual carapuça..Quem tem que mudar de atitudes e comportamentos são os próprios ciganos, não nós (eu).

    • Praga são vocês.
      Pedofilia, violam bebés acabados de nascer, pai violou a filha, o filho mata o pai, a mãe participa na violação da filha pelo pai, parem os bebés mete nos caixotes do lixo, assaltam os idosos nas casas fazem se passar por Doutores, eletricistas.
      Vocês a vossa raça é que não devia existir na face da terra!
      É tudo uma cambada de ladrões!..
      vocês na vossa raça acarinham os cães em casa, os pais espetam com eles no lar até que a morte os leve!
      Por isso vocês é que são a vergonha da sociedade.
      Quantas violações vocês veem nas notícias sobres os ciganos?
      Nenhuma, porquê estimamos e respeitamos as nossas crianças que são bênçãos de Deus.
      Respeitamos os mais velhos, não os levamos para morrer no lar ou no hospital!….
      Porquê isso são vocês na vossa raça que praticam esses crimes, são como animais come se uns aos outros.
      Que deu tenha misericórdia de ti.

      • Hahahaaaa…
        Fiquei sem perceber se é ironia ou….
        Oposto que todos gostavam de conhecer esse planeta onde a ciganada é civilizada!…
        Só deve existir na tua cabeça porque a ciganada deste mundo, todos os dias rouba, assalta, mata, viola, pratica pedofilia, etc, etc e o pior é que, além disso, não contribuem com nada positivo para a sociedade!!
        É que além de bandidos, são parasitas!…
        Ainda há dias – pedofilia, homicídio, etc, só numa notícia sobre ciganos:
        “Recusa casamento da filha de 13 anos com jovem de 17 e acaba assassinado”
        cmjornal.pt/portugal/detalhe/investigacao-cm–recusa-casamento-da-filha-de-13-anos-com-jovem-de-17-e-acaba-assassinado-as-tradicoes-ciganas-agora-na-cmtv

  20. Ainda se fosse só Portugal, os ciganos têm o mundo todo contra eles. Não sei bem porquê mas onde há fumo há fogo, é o dizer popular.

  21. Epa tenham paciência com este tipo de notícias sobre a descriminalização de certos grupos “étnicos”.
    Então mas eles só querem, a maioria, é viver sem trabalhar e a enganar ao próximo.

    E a trabalhar até maneira deles nem descontos fazem, e logo querem que lhes dêem casas á borlas e o resto das pessoas têm de pagar as casas e senão pagam o banco fica-lhes com a casa.

    Têm direito a um rendimento de inserção social, assistência médica gratuita. E temos de pedir-lhes desculpa. Sim claro. Pois não.
    E a fama que têm os ciganos é já de há muitos anos, e a mesma fama que têm ganharam-na a pulso !!!
    Antes de mais, cumpram com as obrigações da mesma maneira que o resto de portugueses têm que cumprir.

  22. Os mais racistas são aquelas organizações e indivíduos que se auto-proclamam anti-racistas, mas o que fazem é gerar o ódio e o racismo! (convém dar uma volta aos “mandamentos” de Lenine!!!!), Será o caso do autor?!!!!

  23. Hahahahaaaa!…
    Pedir desculpa aos ciganos?!
    É já a seguir….
    Não sei quem é esse palerma chamado José Pereira Bastos, mas quando ele conseguir demonstrar que os ciganos são “vítimas”, pode ser que tenha alguma da minha simpatia; até lá, que os leve para a sua casa e depois que venha cá “publicar” o resultado!!…

  24. O senhor “Antropólogo” enganou-se, onde se lê ciganos deveria ler-se CONTRIBUINTE, esses sim, uma minoria desrespeitada continuamente, discriminada, roubada, e sim, muitos sem casa, sem direitos proporcionais às suas contribuições e esquecidos enquanto humanos e cidadãos. Como contribuinte que sou vou continuar à espera que Portugal me peça desculpa, e me dê os direitos que mereço… dispenso o “Dia do Contribuinte”, são todos os dias, sempre a contribuir…

  25. Sr. Antropólogo, está assim com tanta pena? Leve alguns para sua casa durante uns dias ou vá viver para o meio deles com alguns dos seus pertences e um mês depois partilhe aqui a sua opinião. Em que faculdade tirou o curso? Ou será que escreve e lê em Braille? Há um ditado popular que diz, o pior dos cegos é aquele que não quer ver.

  26. O maior racismo é aquele precisamente propagado pela esquerda e os seus ideólogos, que dividem literalmente para reinar.
    Respeito, educação e reciprocidade são princípios pelos quais sempre me regi e pelos quais faço reger a minha vida.
    Quanto aos ciganos, desde já me terem assaltado família com armas, inclusive com ameaças de morte, a tentativas de burla, têm de mim aquilo que sempre me deram a mim e aos meus. Desprezo e ostracização.
    500 anos e ainda não se integraram? Vão contar histórias para outro lado, comigo não pega.

  27. Já agora sr. Antropólogo, veja as detenções de hoje em S. João da Talha e veja quem são. Quase de certeza aqueles que ainda não foram integrados na sociedade portuguesa, mas não necessitaram de apoios para se integrarem no crime constante. Vá as esquadras para onde foram levados e peça-lhes desculpa.
    Felizmente não são muitos em Portugal, embora até sejam demais, mas imagine o que sería se fossem muitos.

  28. …é a primeira vez que me lembro de ver um painel de comentários tão consensual, e curiosamente, totalmente em oposto à política actual que deveria espelhar a vontade dos portugueses, possivelmente a amostra de opiniões é muito pequena e estamos todos errados.

  29. Eu vou pedir desculpas vou… Por todas as vezes que me assaltaram, ameaçaram e não me deixaram em paz, vou-lhes pedir desculpa levando-os para o fundo do vazio pois essa raça nem o inferno merece… O povo português é maior que essa etnia tão medíocre, tão… Está próximo, vocês vão sentir o que andaram a fazer ao povo português

  30. Boa noite,

    Um pequeno apontamento sobre o status quo que vigorou na rua em que fui criado, nos idos de 80… Tínhamos uma família cigana a viver numa barraca colada a uma casa que entretanto foi derrubada para efeitos de construção de um prédio – por motivos de segurança foi-lhes construída uma casa, presumo que pela autarquia, cerca de 5 metros ao lado da outra. A obra foi concluída, ficaram com as 2 casas, e num ápice colocaram um estendal de roupa entre as 2. Sendo este um ponto de passagem, ou se ia por outro caminho ou se tinha de avançar pelo estendal. Mas isto é apenas um fait diver. Tinham muitos filhos, que andavam completamente “à solta” pela minha rua. Agora, e quem mora perto de ciganos sabe que isto é verdade, sempre foi e sempre assim será, imaginem que um qualquer condutor tinha a infelicidade de atropelar um dos petizes (repito, eles andavam por ali sem contexto, sem regras, tudo completamente imprevisível): para esse pobre infeliz, a sua vida terminava ali. Porque rapidamente apareceriam os familiares sedentos de sangue e de vingança e o resto seria história. Acabou. Fim. Linchamento sem dó nem piedade. Que nem animais.

    E é tudo.

    • por partilhar desse ponto de vista real, digo que estou tão cansado e me sinto injustiçado, por mim e todos os portugueses gozados pela ciganada miserável e abjecta, que só voltarei a votar num partido politico que jure acabar de vez com esse lixo tóxico que intoxica a nossa sociedade.
      ponham camaras de segurança-video para filmar e incriminar com provas essa bicharada piolhósa!
      dêm autoridade às forças de segurança para atuar em conformidade e com a violência necessária para começar a pôr duma vez essa ciganada na ordem e cortem-lhes imediatamente com todo o tipo de subsídios.
      não se sabem comportar vão viver para a china!

      • *Sim, desculpa é o mínimo que poderiam fazer. Porque desde que o cigano entrou em Portugal há mais de 500 anos, por ser diferente na cultura, falar a língua Romani, vestir de forma diferente, lhes eram barradas qualquer tentativa de emprego, não os deixavam se quer trabalhar com gado, no cultivo, na venda nem em qualquer ofício. Mais, foram proibidos por decreto de permanecer no Reino, nem podiam sequer alugar ou comprar casa ou terreno, vários decretos dos reis, a ordem era, assim que vissem os ciganos, as autoridades pegavam neles e os colocavam na cadeia e eram condenados à morte ao degredo ou às Galés e enviados como escravos para as colónias. Os homens separados das mulheres e crianças, que por sua vez enviavam ex: o marido para o Brasil e a esposa para as Africas e as crianças eram colocadas em instituições e a partir dos 9 anos eram colocados como escravos a servir os senhores.

        * Sim, um pedido desculpa já.
        Pelas atrocidades e mortes de milhares de ciganos, pelo roubo que lhes faziam por decreto dos Reis, em que todo aquele que denúncia-se que ali tinha passado um cigano retiravam todos os bens aos mesmos, metade dos bens e móveis para o que denunciou e a outra metade para as misericórdias da terra, simplesmente por serem ciganos, depois de lhes tirarem tudo eram açoitados, condenados ao degredo e às Gales, ou à pena capital.

        * Sim um pedido de desculpas.
        Pelo nomadismo forçado, que levou à cultura de marginalidade, exclusão. Como é que podem dizer que os ciganos é que não se integraram? Se foram sempre proibidos de permanecer no Reino por mais de 24/48horas, deforma a que mesmo aqueles que tentavam ajudar os ciganos, eram condenados a ficar sem os bens e ter a mesma sorte que os ciganos de serem obrigados a ir para as colónias como condenação. Está escrito nos arquivos históricos de Portugal, todas essas ordenações por decreto dos reis, nas leis dos ciganos. (Adolfo Coelho) Podem consultar.

        * Sim desculpas aos ciganos.
        Porque durante mais de 500 anos foram segregados, racializados e empobrecidos a nível inter-dimensional e intergeracional no nível social, nos vários capitais :simbólico, relacional, social, económico, etc…
        * Sim porque nos proibiram de falar a nossa língua em Portugal de forma que quase se perdeu.

        *Sim, devem pedir desculpa,
        porque ocultaram a nossa história em Portugal deforma que até mesmo os ciganos a esqueceram porque a segregaram, e não sabem porque sofrem tanto Racismo e exclusão social, e discriminação racial. Porque se a mesma fosse contada talvez entenderiam muitos entenderiam o porquê do cigano se encontrar como se encontra hoje, na sociedade, e intenderiam que a culpa não é do cigano e que, como o DR. José Gabriel Pereira Bastos, diz que a culpa é da nossa sociedade, e que necessita de começar a reparar, com exemplo
        de algumas políticas positivas para por um pouco de equidade para nos aproximar da igualdade.
        *Sim devem pedir desculpa, é o mínimo que poderiam fazer por serem ingratos e não valorizarem as mortes em batalha por Portugal contra Castela e nas colónias do ciganos Don Geronimo da Costa e os seus 300 cavaleiros ciganos é um dos exemplos que guardavam a fronteira de Portugal. Ou a autoria da primeira fadista portuguesa (severa) que era cigana., etc…, etc….

        • Parabéns (com meses de atraso) pelo comentário fundamentado e por não se sujeitar à maioria de racistas que anda de forum em forum a espalhar palavras de ódio e preconceito. Aliás, julgo que este site deveria ser repreendido por permitir este tipo de expressões boçais.

  31. Ainda que não seja cigano hoje também sou “cigano”. Os tugas de um modo geral são racistas e xenófobos, são contra os ciganos e preferem ser defraudados em largos milhões de euros por colarinhos brancos, aí parecem não se importar. E isto já acontece desde o tempo do marquês de pombal, passando pelo ditador botas e por aí adiante.

    «Carlos 31 Agosto, 2019 at 2:37
    Tenho orgulho em ser cigano…

    Quando alguém falar do cigano, por favor, escrevam em letras maiúsculas!
    O cigano não é pedófilo!
    O Cigano não mata crianças em aborto!
    O cigano não abandona filhos no lixo nem à porta do vizinho!
    Os ciganos não matam filhos!
    Os filhos dos ciganos não matam os pais!
    O cigano não abandona os seus avós ou pais no Lar de idosos!
    O cigano não abandona os idosos nos hospitais!
    O cigano tem sentimentos, quando morre alguém toda a família está presente!
    O cigano tem compaixão, quando alguém está no hospital da comunidade, toda a família vai dar apoio!
    O cigano tem uma tradição e a respeita até ao fim!
    O cigano respeita os mais velhos, ou seja, tem obediência aos mais velhos!
    Ou seja, porquê tentos comentários racistas contra o povo cigano? Acho que entendi! Existe tanta gente com inveja do povo cigano… Daí a se revoltar contra!
    Não é para generalizar, é só para saberem a linda cultura do povo cigano.»

  32. Atendendo a sua idade. Está desculpado seu hipócrita e cínico.
    Leva os para tua casa. Etnia que se rege pelas suas regras, rapazes a violar meninas de 12 e 14 anos, deves estar bem demente ou reforma t velho.

  33. ZAP, relembrando o texto que se encontra nas caixas de comentários antes de neles se escrever: “Serão banidos comentários de teor racista, xenófobo, que apelem ao ódio ou violência (…)”, aconselho a reverem a quantidade de comentários que não cumprem os requisitos para serem publicados e a agirem em conformidade.

  34. Desde que me lembro sempre existiu racismo, seja contra quem for desde etnia a religião, mas as coisas até mudaram mas para pior, quando era criança tive amigos de cor e etnia diferente da minha, consigo ver que em todas as vertentes existem pessoas boas e pessoas más, na minha cidade de alguns anoa a esta parte a comunidade cigana multiplicou-se e até aí tudo bem, todos temos direito a viver onde queremos. mas daí a roubar a destruir a maltratar só porque sim, aí sim eu já consigo ter uma opinião negativa quanto a alguns membros da comunidade nos últimos tempos alem de casas completamente destruídas carros, motos e bicicletas roubadas com prova de quem foram os autores aí sim os verdadeiros ciganos que trabalham por esse pais fora deveriam chegar á frente e condenar os que dão mau nome á comunidade , as vezes é fácil quem está de fora condenar mas o sistema está mal e deveríamos muda-lo, por ex. querem casa, e subsidio então tem de dar algo em troca( não tenho emprego ) tudo certo mas a camara tem serviço para fazer. arranjos limpezas jardinagem ,ajudas e cumpres as regras e tudo bem, se não cumprires então terás de sair e voltar aos acampamentos , eu acho que qualquer pai quer o melhor para os filhos . na realidade as coisas não são assim porque a maioria do povo cigano não gosta de cumprir regras, mas temos pena o mundo está assim e temos de se adaptar, eu ás vezes também não me apetece sair da cama para trabalhar , mas temos pena pois a mim não me dão subsídios nem casa, só me tiram e não é justo tirar aos meus para dar em subsídios aos outros seja de que etnia seja, a culpa não é de quem recebe a culpa é de quem não quer tirar os salto e as gravatas para ir ao terreno ver, é mais simples dar sem ver, por acaso quantas crianças ciganas foram arrancadas aos pais por qualquer tribunal ou segurança social, pois amigos a lei tem que ter um só peso e não dois pois gostar dos filhos não é por os mesmos a pedir a porta dos supermercados para os pais andarem a fumar e a beber como eu vejo muitas vezes. basta de ser hipócrita até mesmo os ciganos cumpridores sabem que isto é verdade e já agora não podemos julgar todos pelos atos de alguns, mas esses alguns não podem estar a margem da lei , no caso da minha cidade a culpa tem nome e cara , Camara, serviços sociais e autoridade policial e judicial, já tivemos alguns munícipes com vontade de fazer justiça pelos próprios meios

  35. O problema actual das comunidades ciganas é a desagregação das hierarquias.Sempre souberam viver à margem da sociedade respeitando a “margem” por assim dizer. Antigamente os Ciganos tinham um membro mais velho respeitado que mantinha as familias dentro da “lei, da ordem e da tradição”. Ultimamente isso já quase não existe, e o que se assiste é ao declinio da cultura e tradição Cigana que a seu tempo se auto implodirá. Isto porque os membro mais jovens já não ouvem conselhos dos mais velhos nem respeitam as tradições. É a própria comunidade que deve promover e insistir na educação dos seus para dentre estes surjam pessoas capazes de os guiar e integrar quer no meio escolar quer na sociedade em geral.

  36. CIGANO: Qualquer indivíduo subsídio-dependente, que nas horas vagas se dedica ao contrabando. Tem por ocupação noturna visitar armazéns, com a ajuda dos seus filhos menores escondidos na caixa da sua Ford Transit. Tem muito cuidado com os seus pertences, estaciona sempre em jardins públicos e os seus carros passam sempre á primeira na inspeção. Quando algum familiar é levado para o hospital vão logo o pai, a mãe,o sogro, a sogra, a nora, o genro, o avô, o neto, o tio, a tia e os primos fazer uma visita. Também demonstram muito interesse na aprendizagem, são tão persistentes que andam para lá de dez anos para aprender a ler a a escrever. São muito ecológicos, e amigos da mobilidade. Têm muita consciência dos seus direitos e nunca se esquecem do RSI. Qualquer um pode ser Cigano, inscreva-se um balcão da segurança social!

  37. O Sr. J.P.Bastos, deve ter um enorme problema de consciência pessoal. Pessoalmente não vou pedir desculpa do que não fiz !……. Mas se o Ilustre Antropólogo tiver problemas ou culpa na consciência, poderá dirigir-se ao Confessionnal da Igreja, sempre saíra com a Alma aliviada. Três Pais Nossos e três Avés Marias e sai limpinho !..

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.