Portugal deverá receber refugiados na próxima semana

Djordje Savic / EPA

Crianças sírias refugiadas num comboio em Presevo, na Sérvia

Crianças sírias refugiadas num comboio em Presevo, na Sérvia

Portugal deverá receber os primeiros refugiados, provenientes de Itália, na próxima semana, na sequência do compromisso assumido pelos 28 estados-membros a 23 de setembro, segundo a Comissão Europeia.

Fontes do executivo comunitário divulgaram esta quarta-feira que os próximos voos de recolocação deverão decorrer na próxima semana, envolvendo um total de 100 pessoas, e que os destinos serão Portugal, Espanha, Finlândia, Alemanha e França.

As mesmas fontes lembraram a obrigação legal, decorrente da última cimeira de chefes de Estado e de Governo, de que todos os países terão de receber refugiados, mas acrescentaram que cinco estados-membros mostraram já interesse e afirmaram-se prontos para o processo.

No final de setembro, o ministro-adjunto e do Desenvolvimento Regional Poiares Maduro tinha anunciado que Portugal iria receber 30 refugiados oriundos de Itália durante a primeira quinzena de outubro, depois de ter sido convidado pela Comissão Europeia para integrar um projeto-piloto, juntamente com um número reduzido de países.

O primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, reforçou hoje que Portugal está “praticamente” pronto para acolher 4.500 refugiados e apelou aos parceiros sociais para que apresentem medidas que ajudem à integração “em termos económicos” dessas pessoas no nosso país.

“Estamos praticamente prontos para receber esse acolhimento. Damos um contributo muito significativo ao receber 4.500 refugiados, é um esforço que está proporcionado aquilo que é a dimensão do país, as suas condições económicas e portanto compara muitíssimo bem com o esforço que outros países europeus estão a fazer”, afirmou Passos Coelho.

“Concordamos que é muito importante ter a oportunidade de envolver também, não apenas as Instituições de Solidariedade Social (IPSS) em Portugal, mas também os próprios parceiros sociais, na medida em que queremos acolher estes refugiados em condições de segurança e é muito importante ver em que medida os próprios parceiros sociais nos podem transmitir mecanismos que possam ajudar à efetiva integração em termos económicos destas pessoas que serão acolhidas por Portugal nos próximos meses”, acrescentou o primeiro-ministro.

Passos Coelho reuniu-se esta quarta-feira com os parceiros sociais, no Conselho Económico e Social (CES), no âmbito do Conselho Europeu de quinta-feira, em Bruxelas, onde será discutida a questão dos refugiados, bem como a União Económica e Monetária (UEM).

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Caso Griezmann. Barcelona paga 15 milhões pelo silêncio do Atlético (e fica com benefício futuro)

Escreve o jornal espanhol El Mundo que Barcelona e Atlético de Madrid já chegaram a acordo no "caso Griezmann". O clube catalão pagou 15 milhões de euros pelo silêncio dos colchoneros, ficando ainda com benefício …

Professor detido depois de ser acusado de agredir aluno “com enorme violência”

Um aluno do 8.º ano da Escola Secundária Rainha Dona Leonor, em Alvalade, em Lisboa, terá sido esta segunda-feira agredido por um professor durante uma aula. Segundo o relato da Associação de Encarregados de Educação dos …

Gabinetes dos novos membros do Governo custam 71 milhões de euros

O novo Governo terá 70 gabinetes no total, que representarão uma despesa anual de, pelo menos, 71 milhões de euros aos cofres públicos, mais sete milhões de euros do que o último. O primeiro-ministro, António Costa, …

Fim do cessar fogo na Síria. Turquia ameaça que milicianos curdos no terreno serão abatidos

O período de cessar-fogo de 120 horas acordado entre a Turquia e os Estados Unidos (EUA) para permitir que as milícias curdas saiam do nordeste da Síria termina esta terça-feira, pelas 19:00 (20:00 em Lisboa), …

Ministro adjunto cabo-verdiano encontrado morto no gabinete

O ministro adjunto do primeiro-ministro de Cabo Verde para a Integração Regional, Júlio Herbert, foi encontrado morto, esta segunda-feira, no seu gabinete, no Palácio do Governo, na Praia, confirmou fonte governamental. Elementos da Polícia Nacional cabo-verdiana …

"Risco de desvio significativo" nas contas do Governo. Bruxelas com reservas sobre esboço do OE2020

A Comissão Europeia (CE) pediu esta terça-feira ao Governo português que apresente uma versão atualizada do projeto orçamental para 2020 “tão cedo quanto possível”, observando que o ‘esboço’ recebido aponta para o risco de um …

Goldman Sachs. Funcionário acusado de divulgar informação em troca de dinheiro

Bryan Cohen, vice-presidente de um dos departamentos do Goldman Sachs, foi acusado de tirar proveito de um esquema que gerou alegadamente cerca de 2,3 milhões de euros em lucros ilegais. Nos últimos 18 meses, dois funcionários …

Encontrada carruagem romana milenar com restos fósseis dos cavalos

Uma equipa de arqueólogos do Museu da Cidade de Vinkovci e do Instituto da Arqueologia de Zagreb, na Croácia, encontrou uma carruagem romanda de duas rodas com os corpos fossilizados de dois cavalos. Os especialistas consideram …

Caos no Chile. Governo anula aumento do preço do metro que iniciou protestos

O Governo do Chile anulou esta segunda-feira o aumento do preço dos bilhetes do metropolitano, depois de a medida ter provocado violentos protestos que se generalizaram no país. Esta terça-feira, com apenas uma linha do metro …

Deputado do PSD apela a Marcelo a que não dê posse a Cabrita até bombeiros receberem pagamentos em atraso

O deputado do PSD Duarte Marques, que costuma tratar dos assuntos da Proteção Civil, apelou esta segunda-feira ao Presidente da República par não dê posse ao ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, enquanto o Estado …