Porto perde em Guimarães com enorme erro de Casillas

FCPorto / Facebook

Iker Casillas

Iker Casillas

Um golo de Bouba Saré, aos quatro minutos, garantiu o triunfo do Vitória de Guimarães sobre o FC Porto por 1-0, em jogo da 18.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol.

Os vimaranenses, que concretizaram uma das três ocasiões de golo que tiveram nos primeiros 10 minutos e defenderam, depois, o resultado frente aos dragões, que, apesar dos lances de golo que criaram, sentiram muitas dificuldades em furar a muralha defensiva vitoriana.

Com esta derrota, a segunda na I Liga, a formação azul e branca ficou, com 40 pontos, mais distante do líder, o Sporting, que tem 45, e do segundo, o Benfica, que está agora três pontos à frente, depois do triunfo com o Estoril (2-1).

Do lado do Guimarães, que subiu ao 6º lugar, com 26 pontos, o técnico Sérgio Conceição, desprovido dos titulares Otávio e Licá, ambos emprestados pelo FC Porto, colocou Xande Silva no onze, tendo ainda estreado na equipa principal do Vitória o extremo, Tyler Boyd, de 21 anos, que esteve a milímetros do primeiro golo na I Liga, logo aos 15 segundos de jogo.

Xande Silva, no lado direito, desmarcou Ricardo Valente, que, na linha final, cruzou atrasado para a área, com o neozelandês a falhar a emenda para a baliza de Casillas por muito pouco.

Mas, aos quatro minutos, os vimaranenses colocaram-se mesmo na frente do marcador, com Casillas, após um disparo de Cafú que ressaltou em Pedro Henrique, a não conseguir agarrar uma bola fácil na pequena área e Bouba Saré a atirar a bola para o fundo das redes.

Os dragões, que entraram em campo com a mesma equipa da jornada anterior, frente ao Boavista, começaram muito inseguros na retaguarda e quase sofreram novo golo, quando Henrique Dourado, junto à linha final, atrasou a bola para o coração da área, com o remate de Ricardo Valente a bater num adversário, quando se dirigia para a baliza deserta.

A partida apenas mudou de dinâmica após o minuto 10, com os minhotos a recuarem e os azuis e brancos a assumirem a posse de bola, criando as duas primeiras ocasiões de golo aos 16 minutos, com Corona, primeiro, e André André, depois, a rematarem para defesas difíceis de Miguel Silva.

A turma de Rui Barros circulou a bola por largos períodos do primeiro tempo, mas esbarrou quase sempre na bem organizada muralha vitoriana – excepto nos últimos cinco minutos, com Maxi Pereira, aos 43 minutos, e Danilo, aos 44, a colocarem novamente à prova o guardião vimaranense.

O FC Porto, após quase ter sido surpreendido por Ricardo Valente no primeiro minuto, num lance semelhante ao de Tyler Boyd no início do jogo, começou o segundo tempo mais pressionante e, aos 61, esteve perto do golo, quando Aboubakar acertou mal na bola, em posição frontal à baliza.

A entrada de Varela, que rematou para defesa de Miguel Silva, aos 66 minutos, transmitiu dinâmica à ala direita azul e branca, e, aos 70, Maxi Pereira, nesse lado, cruzou para Brahimi a milímetros do poste.

O golo voltou a rondar a baliza vitoriana num remate de Martins Indi, em lance confuso na área, aos 76 minutos, com a bola a morrer nas mãos de Miguel Silva, e noutro de Varela, ligeiramente ao lado, aos 83, mas os vimaranenses mantiveram a baliza inviolável até ao fim.

Futebol 365

PARTILHAR

RESPONDER

A segurança da Casa Branca pode estar em perigo (e a culpa é da bicicleta estática de Biden)

Na quarta-feira, Joe Biden assumiu a presidência dos Estados Unidos, o que significa que, a partir de agora, viverá na Casa Branca. Porém, os hábitos do novo Presidente podem ameaçar a segurança das informações de …

Rio acusa Costa de desgoverno: Só fechou as escolas por "pressão da opinião pública"

O presidente do PSD considerou que o Governo não fechou as escolas mais cedo porque não estava preparado para o fazer, acusando o primeiro-ministro de “desgoverno” e de só ter decidido perante “pressão da opinião …

Lei da eutanásia aprovada na especialidade. PS, BE e PAN votaram a favor

A lei da morte medicamente assistida foi esta quinta-feira aprovada, na especialidade, na comissão de Assuntos Constitucionais, com os votos favoráveis do PS, BE e PAN, o voto contra do CDS-PP e PCP e abstenção …

MP abre inquérito à morte de idoso que esperou três horas em ambulância em Portalegre

O Ministério Público (MP) abriu um inquérito sobre a morte de um idoso, de 87 anos, na passada segunda-feira, no hospital de Portalegre, depois de estar quase três horas numa ambulância. Questionada pela agência Lusa através …

AHRESP pede revogação da proibição de venda de bebidas em take away

A Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal (AHRESP) defendeu, na quarta-feira, a revogação da proibição da venda, no 'take away' de qualquer tipo de bebidas, alertando que o que se pretende impedir é …

Governo garante que Portugal terá todas as vacinas para cumprir plano de vacinação

O Ministério da Saúde garantiu que Portugal terá todas as vacinas necessárias para cumprir o plano de vacinação estabelecido, tendo já assegurado mais de 31 milhões de doses, suficientes para vacinar mais de 18 milhões …

Galp compromete-se a falar com cada um dos 401 trabalhadores da refinaria de Matosinhos

A petrolífera anunciou que irá realizar, entre fevereiro e março, conversas individuais com cada um dos 401 trabalhadores afetados pela decisão de fechar a refinaria de Matosinhos. No final de dezembro do ano passado, a …

RTP anuncia intérpretes do Festival da Canção 2021. Final acontece em estúdio sem público

A RTP anunciou, esta quarta-feira, os intérpretes e as 20 canções a concurso na edição deste ano do Festival da Canção. Na conferência de imprensa, decorrida online, ficou também a saber-se que a final do …

França disposta a reconhecer erros do passado colonial na Argélia

O Presidente francês Emmanuel Macron vai adotar "atos simbólicos" destinados a reconhecer os erros da era colonial francesa na Argélia, mas não está a considerar um pedido de "desculpas" oficial pretendido por Argel, indicou esta …

Sporting avança com nova proposta por Paulinho

O Sporting avançou com uma nova proposta pelo avançado português Paulinho, ao serviço do SC Braga, depois de as partes não terem conseguido chegar a acordo na janela de transferências do verão passado.  De acordo com …