Poluição pode danificar o cérebro e contribuir para Alzheimer

Já se sabe que ambientes poluídos provocam dificuldades respiratórias, problemas cardíacos e até morte prematura. Agora, um novo estudo traz mais um motivo de alerta: as partículas de compostos de ferro oriundas da poluição do trânsito podem chegar ao cérebro.

Amostras do cérebro de corpos de pessoas que viveram e morreram na Cidade do México – um dos lugares mais poluídos do mundo e onde uma grande nuvem cinzenta paira no ar – foram analisados por um laboratório da Universidade de Lancaster, em Inglaterra.

Pequenas demais para serem vistas a olho nu, nanopartículas de um óxido de ferro chamado magnetita foram encontradas nos tecidos cerebrais. As amostras do México foram comparadas com o mesmo tipo de material recolhido em Manchester.

“Identificamos milhões de partículas de poluição no cérebro. Num grama de cérebro humano, haverá milhares de partículas. É um milhão de oportunidades para essas partículas provocarem danos nas células do cérebro”, explica a investigadora Barbara Maher, da Universidade de Lancaster.

A magnetita pode surgir naturalmente no cérebro em pequenas quantidades, mas as partículas ali formadas têm um formato irregular distinto.

Já as partículas identificadas no estudo são bastante mais numerosas e de formato diferente, arredondado e regular, características que somente poderiam ser criadas nas altas temperaturas de um motor de veículos ou sistema de travagem.

“É uma descoberta. É toda uma nova área para ser investigada e compreendida – se essas partículas de magnetita estão a causar ou a acelerar doenças neurodegenerativas”.

Trata-se de partículas inaladas – as maiores são travadas logo no nariz, mas as menores vão parar aos pulmões e à corrente sanguínea. As minúsculas podem-se ligar aos nervos e seguir diretamente para o cérebro, onde foram encontradas neste estudo.

Uma forte suspeita ainda não comprovada empiricamente é que essas partículas são capazes de quebrar ligações entre as células cerebrais, precisamente como acontece em doenças como o Alzheimer. Apesar de o estudo não provar que a poluição no cérebro causa doenças de forma automática, essa possibilidade não está descartada.

As conclusões do estudo foram publicadas na Proceedings of the National Academy of Sciences.

“Este estudo mostra pela primeira vez que as partículas da poluição podem parar no cérebro. Isto é obviamente muito importante, mas ainda não há provas do papel delas no Alzeihmer”, sublinha Clare Walton, da organização Alzheimer Society.

“As causas da demência são complexas e até hoje não houve pesquisas suficientes para dizer se viver em cidades ou áreas poluídas aumenta o risco da doença”, salienta.

Clare Walton reforça que algumas formas práticas de reduzir os riscos de desenvolver demência incluem exercícios regulares, uma dieta saudável e evitar o fumo.

ZAP / BBC

PARTILHAR

RESPONDER

Parlamento aprova na generalidade mudança do TC para Coimbra. Oito socialistas votaram a favor

A proposta passou com votos contra do Chega e PAN, abstenção do PCP, BE, PEV e maioria da bancada do PS e votos favoráveis do PSD, CDS, IL e de oito deputados socialistas. O resultado já …

Escola da Amadora queria proibir minissaias, decotes e chinelos - mas já voltou atrás

Um Agrupamento na Amadora publicou um código de vestuário que acendeu um debate nas redes sociais devido às regras que controlavam mais as raparigas. Entretanto, a escola já voltou atrás na decisão. Segundo escreve o Jornal …

Governo francês vai dar 100 euros a famílias carenciadas para pagar energia

O Governo francês vai entregar um cheque de 100 euros a 5,8 milhões de famílias de menores recursos para ajudar a pagar a fatura energética. A medida anunciada pelo executivo vai ter um custo de 580 …

Incidência e R(t) recuam em dia com mais 1.023 infetados e sete mortes

Portugal registou, esta sexta-feira, 1.023 novos casos e sete mortes na sequência da infeção por covid-19, de acordo com o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). Segundo o último boletim da Direção-Geral da Saúde, Portugal …

Apoiantes de Navalny acusam Google e Apple de "censura" política

Os apoiantes de Alexei Navalny acusaram hoje as empresas Google e Apple de terem suprimido o apelo ao voto "útil" proposto pelo oposicionista através das respetivas plataformas, denunciando "censura" num processo eleitoral em que a …

Presidente da República argentino cancela viagens para impedir que vice assuma Governo

Cristina Kirchner é parceira maioritária na coligação de Governo e exige, entre outras mudanças, a substituição de ários ministros, secretários e presidentes de organismos públicos. Recentemente, tem mostrado em público o seu descontentamento face à …

"Bazuca" europeia não resolve problema da falta de habitação

De acordo com vários especialistas, as 26 mil casas identificadas como prio­ritárias pelo Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) não chegam para as necessidades do país, que podem chegar às 46 mil. A questão da aplicação …

Peça que terá sido usada no batismo de D.Maria II está à venda. Estado não a compra por ser demasiado cara

Há uma semana que está à venda uma peça que pertenceu à coroa portuguesa. Terá pertencido à família real depois do Terramoto de 1755 e, de acordo com o antiquário que agora a comercializa, terá …

"Dupla pancada". Vítimas de violência doméstica são deixadas ao abandono sem indemnização

Mais de 80% das vítimas de violência doméstica, a maioria mulheres, não recebem indemnizações, nem dos agressores nem do Estado. Se as vítimas não tiverem sofrido uma incapacidade para o trabalho por um período igual ou …

Ministério Público declara ilegal eleição de André Ventura

Ministério Público invalidou a mudança nos estatutos do Chega, incluindo a eleição direta de André Ventura. O líder do partido admite um novo congresso. No início do mês, o Ministério Público (MP) pediu ao Tribunal Constitucional …