Polícia foi buscar dois motoristas a casa para irem trabalhar

Miguel A. Lopes / Lusa

Dois motoristas foram esta tarde detidos na zona de Aveiras de Cima (Lisboa) e foram escoltados, detidos, para a empresa de transportes em que trabalham para realizar os serviços decretados pelo governo, declarou aos jornalistas o porta-voz do Sindicato Nacional de Motoristas de Matérias Perigosas, Pardal Henriques.

“Foram detidos em casa para virem às instalações da empresa, senão seriam levados para a esquadra. Vieram falar com a empresa”, afirmou este responsável sindical, dizendo que tem informações que a lista de trabalhadores que pode estar sob perigo de detenção chega aos 50 nomes.

Ao terceiro dia de greve, o Sindicato Nacional de Motoristas de Matérias Perigosas (SNMMP) lançou “um desafio público” à Antram. “Queria lançar um desafio público ao dr. André Almeida, à Antram, para que amanhã às 15h00 possa estar na DGERT (Direção Geral do Emprego e das Relações de Trabalho) para falar connosco, para que nos sentemos à mesa e encontremos uma proposta que agrade às duas partes para fazer terminar isto”, disse o advogado que representa o SNMMP, Pardal Henriques que falou numa “conciliação”, mas sem cancelar a greve.

A proposta do porta-voz do sindicato para que haja o retomar das negociações foi lançada aos patrões esta quarta-feira, junto à Companhia Logística de Combustíveis, em Aveiras de Cima, onde está concentrado um piquete de greve. Para Pardal Henriques, é preciso “terminar com esta palhaçada”.

Aos jornalistas, referiu que se não se encontrar “uma solução para resolver o problema, a tendência é para piorar, é para o caos aumentar” porque “os postos de gasolina vão começar a ficar secos e a revolta das pessoas vai aumentar”. Defende que a possibilidade de alargar a requisição civil, assumida pelo Governo esta quarta-feira, é “acabar completamente” com o direito à greve.

O ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, afirmou que um eventual incumprimento dos serviços mínimos, como ameaçado pelo sindicato, obrigará o Governo alargar a requisição civil.

O Ministério do Trabalho disse que a Direção-geral do Emprego e das Relações de Trabalho (DGERT) está “naturalmente disponível” para acolher uma eventual reunião na quinta-feira entre os sindicatos dos motoristas e a associação patronal Antram.

O Ministério do Ambiente e da Transição Energética anunciou há momentos que os serviços mínimos “foram genericamente cumpridos” até às 19h00 desta quarta-feira e que, por isso, não é necessária, “neste momento, a revisão dos termos da requisição civil em vigor”.

Segundo o ministério tutelado por Matos Fernandes, “os únicos casos de incumprimento dos serviços mínimos registados prendem-se com o transporte de JET para os aeroportos de Lisboa e de Faro, situações que já estão abrangidas pela requisição civil em vigor”.

Neste momento, segundo o MATE, há 18 equipas das Forças de Segurança e das Forças Armadas a fazer o transporte de combustível para o aeroporto de Lisboa e seis equipas da GNR a fazer serviço idêntico para o aeroporto de Faro.

Rio acusa Governo de dramatismo

O líder do PSD, Rui Rio, manifestou-se esta quarta-feira sobre a “gestão política do Governo face à greve dos motoristas, que já dura há três dias, numa publicação no Twitter.

De acordo com o presidente social-democrata, o Executivo de António Costa “em lugar de ajudar a resolver o conflito, optou por o dramatizar, na esperança de, através dele, conseguir dividendos políticos”.

Na mesma mensagem, Rui Rio faz saber que o seu vice-presidente, David Justino, irá dar uma conferência de imprensa, às 18h00, sobre a greve dos motoristas, que se iniciou esta segunda-feira.

O PSD tem sido criticado pelo silêncio nos últimos dias face ao protesto dos motoristas e aos últimos desenvolvimentos, com a requisição civil decretada pelo Governo, o incumprimento de serviços mínimos e o extremar de posições.

ZAP //

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Qual país? O da família, amigalhaços e correlegionários?!
    Eu nesse não quero viver!
    Até agora as greves eram…
    Enfim. Até me dá asco escrever.
    Honestamente.

  2. então mas a polícia trabalha para os senhores da Antram ??
    nãp deviam ter levado os motoristas à presença de um juíz para se averiguada a o terem incurrido de um crime de desobidiência ??
    Grande país, este mesmo…

    • Ah?!
      Foi lhes dada a hipótese de, ou irem trabalhar ou a tribunal – escolheram ir trabalhar, portanto tudo correcto!
      A ideia é resolver os problemas, não os agravar!…

RESPONDER

A polícia holandesa achava que tinha em mãos o mafioso mais procurado da Europa. Afinal, era só um fã de F1

Um homem de Liverpool de 54 anos pensava que o grande evento da sua viagem aos Países Baixos seria assistir ao Grande Prémio de Fórmula 1, mas acabou detido numa prisão de alta segurança por …

Cobertura global de corais caiu para metade desde 1950, revela relatório

A cobertura global de recifes de coral caiu para metade desde 1950, cenário originado pelo aquecimento global, pesca excessiva, poluição e destruição de habitats naturais, revelou uma análise divulgada esta sexta-feira. Desde a Grande Barreira de …

O sonho de Christo concretizou-se, 60 anos depois. O Arco do Triunfo foi embrulhado como um presente

Já desde o início dos anos 60 que Christo imaginava como seria cobrir o Arco do Triunfo em tecido. A sua visão foi finalmente concretizada e pode ser visitada entre 18 de Setembro e 3 …

Holanda. Ministra da Defesa renuncia devido à crise de evacuação do Afeganistão

Após a ministra das Relações Externas holandesa, Sigrid Kaag, renunciar devido ao desastre da evacuação do Afeganistão, esta sexta-feira foi a vez da ministra da Defesa, Ank Bijleveld. Segundo relatou o Guardian, acredita-se que os ministros …

Tribunal da África do Sul recusa anular pena de prisão do ex-Presidente Jacob Zuma

O mais alto tribunal da África do Sul rejeitou o pedido do ex-Presidente Jacob Zuma para anular a sua sentença de 15 meses de prisão por não comparecer a uma sessão de inquérito por corrupção. Em …

EUA. Advogado planeou o próprio assassinato para o filho receber seguro. Foi detido por fraude

Um influente advogado norte-americano, cuja esposa e um dos filhos foram assassinados, foi acusado de fraude contra uma empresa de seguros e falso testemunho por organizar o seu próprio assassinato. Segundo avançou a agência France-Presse, …

Norberto Mourão conquista bronze nos Mundiais de canoagem adaptada

Norberto Mourão já tinha conquistado o bronze nos Jogos Paralímpicos de Tóquio e junta agora mais uma medalha à colecção, desta vez nos Mundiais de canoagem adaptada. O atleta de canoagem adaptada Norberto Mourão conquistou hoje …

Caso George Floyd. Polícia condenado a 22 anos de prisão pode ver a sentença revertida

A intervenção do Supremo Tribunal do Minnesota num outro caso de violência policial para reduzir a pena de um agente pode abrir um precedente para que haja alterações na sentença de Derek Chauvin. Segundo avança a …

Futebol português contra Campeonato do Mundo de dois em dois anos

O futebol português está contra a intenção da FIFA de aumentar a periodicidade do Campeonato do Mundo, passando de quatro para de dois em dois anos, refere um comunicado conjunto divulgado hoje. O documento, assinado pela …

Governo quer proibir empresas de recorrer ao 'outsourcing' após despedimento coletivo

O Governo quer proibir as empresas que façam despedimentos coletivos de recorrerem ao 'outsourcing' (contratação externa) durante os 12 meses seguintes, disse hoje a ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho. No final …