Diretor-geral do Sporting detido. Suspeitas de corrupção também envolvem futebol

Miguel A. Lopes / Lusa

André Geraldes à esquerda de Bruno de Carvalho no banco de suplentes do Sporting:

A Polícia Judiciária está desde o início da manhã a fazer buscas na SAD do Sporting, em Alvalade, relacionadas com suspeitas de atos de corrupção. As buscas envolvem elementos da Unidade nacional de Combate à Corrupção.

Segundo o Correio da Manhã, já há quatro detidos: o diretor de futebol, André Geraldes, Gonçalo Rodrigues, funcionário que ontem suspendeu funções, o “corruptor” Paulo Silva e o intermediário João Gonçalves.

Desde o início da manhã que a PJ está a fazer buscas à SAD leonina, assim como na residência do empresário que denunciou todo o esquema ao jornal, numa operação batizada de Cashball. “A operação, que envolveu 40 elementos da Polícia Judiciária, incluiu cerca de uma dezena de buscas domiciliárias e em clube desportivo”, revela a PJ.

Na terça-feira, a Procuradoria-Geral da República confirmou que o Ministério Público estava a investigar um alegado esquema de corrupção relacionado com a compra de árbitros no andebol, que garantiram o título da modalidade na época passada.

Porém, de acordo com o diário, a investigação ao alegado esquema de corrupção também inclui jogos de futebol. Um dos jogos sob suspeita é o Vitória de Guimarães-Sporting da época passada, que terminou com a vitória leonina por 5-0.

De acordo com o Jornal de Notícias, outros jogos sob suspeita são os realizados com equipas como o Feirense, Chaves, Tondela, Aves e Estoril. Há jogadores que poderão ter sido pagos para facilitar vitórias dos leões em jogos da época passada e do início deste campeonato. Os valores poderão ter atingido 12.500 euros.

O empresário entregou ao MP mensagens em que comenta com os dois interlocutores o comportamento dos jogadores de futebol alegadamente comprados, tendo sido dadas instruções no sentido de darem “espaço ao Bas Dost”, cita o JN.

Esquema no andebol

Segundo a edição desta terça-feira do CM, o alegado esquema de corrupção no andebol envolvia “a compra de equipas de arbitragem, quer para os leões ganharem, quer para o Futebol Clube do Porto, com o qual disputaram o campeonato até ao fim, perder” e abrangeu a época de 2016/17, ganha pelo Sporting.

O CM citava conversas e trocas de mensagens de voz entre empresários, no WhatsApp, e que segundo o jornal “mostram como André Geraldes, hoje diretor de futebol do Sporting, coordenava toda a batota”.

O jornal publicou ainda uma entrevista com Paulo Silva, que confessou ter alinhado no esquema de corrupção “ao serviço do seu clube do coração” e disse que recebia 350 euros por cada árbitro de andebol que corrompia.

A Federação de Andebol de Portugal (FAP) também anunciou que ia denunciar ao Ministério Público a alegada corrupção a equipas de arbitragem por parte do Sporting, remetendo ainda o processo para o Conselho de Disciplina (CD).

A FAP emitiu um esclarecimento sobre a notícia avançada pelo Correio da Manhã a propósito do alegado esquema de corrupção para favorecer os leões na época 2016/17, quando o Sporting conquistou o título de campeão nacional, após 16 anos de jejum.

Gonçalo Rodrigues autossuspendeu-se

Por sua vez, o Sporting apelou à celeridade das autoridades, considerando-se um “alvo a abater” por continuar a “lutar e a querer transparência e verdade desportiva”.

“O Sporting confia na Justiça e no Estado de Direito e deseja que a alegada investigação anunciada pelo Ministério Público seja célere e que vá até às últimas consequências no apuramento da verdade“, lê-se no comunicado.

Nesta mesma nota, o clube diz tratar-se do “primeiro capítulo de uma campanha, mais uma, que visa exclusivamente denegrir a imagem da instituição Sporting”.

“Não nos revemos em qualquer prática que desvirtue a verdade desportiva ou que sejam ética, moral e socialmente censuráveis”, prosseguem os leões, que dizem desconhecer agentes e empresários citados e admitem tomar medidas para “que sejam responsabilizados nas instâncias competentes”.

No mesmo dia, fonte oficial do clube disse à Lusa que a “a administração chamou o funcionário Gonçalo Rodrigues sobre o seu alegado envolvimento neste caso, que respondeu que nada tinha feito, estava de consciência absolutamente tranquila”.

“A administração decidiu abrir um processo de inquérito para apurar qual o seu envolvimento no que veio publicado no Correio da Manhã. Na sequência disso, Gonçalo Rodrigues autossuspendeu-se de funções enquanto durar o processo de inquérito”.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. Segundo os “Senhores verdes” e não só era o benfica…
    Agora vê-se… compram e elementos do clube afirmam…
    e com sorte o que se viu ontem até foi encomenda de algum dirigente do clube para desviar uma vez mais o “foco” do senhor que se diz maluco …

  2. Não páram… O futebol assim é um cancro para a sociedade. Um foco infeccioso. Metam os jogadores a ganhar ordenados justos de acordo com o que eles contribuem para a economia do país, metam os clubes a não poderem facturar mais do que x por ano, e vão ver se isto não acaba logo tudo.

    Onde quer que haja dinheiro “a mais”, há crime. Crime porque o ser humano não consegue deixar de ser um cancro ganancioso. O mal tem de ser cortado sempre pelo dinheiro. Acabem-se com grandes acumulações de dinheiro e acaba-se o impulso para a corrupção.

    A riqueza é finita. Cada um que enrriquece ilegítimamente, está a tirar a alguém. Até certo ponto, é normal haver discrepâncias. Nem todos somos igualmente trabalhadores, dedicados, competentes, etc… Por isso é normal haver diferenças de riqueza. Mas se não há um tecto, riqueza gera mais riqueza até a um ponto que perde toda a legitemidade. Compra-se a justiça, compram-se mais direitos do que os outros, compra-se influência, compra-se criminalidade, compra-se o direito de privar os outros dos seus direitos. E isto não se pode continuar a permitir na sociedade do amanhã.

    Tudo o que está a acontecer seja no futebol ou na política, vem desse impulso humano de abusar dos seus direitos em noma da ganância.

    Não é preciso perceber nada de futebol para entender isto.

  3. Neste país existe uma casta de pessoas que julgam que criando um sound bite como por exemplo os vouchers e outras calúnias e que as repetindo muitas vezes, as mentiras com o tempo passem a ser verdadeiras.
    Apesar dos esforços do Fuinha da comunicação, a verdade é como o azeite, vem sempre à superfície, desmascarando quem na verdade anda a parasitar a nossa sociedade, mostrando à evidência as mentiras que andaram propagar, sujando quem com muito trabalho tem sucesso.
    Além das mentiras, temos um clube que em trinta anos ganhou a enormidade de 2 campeonatos, ou seja, existem hoje alguns jovens em que a última vez que foram campeões ainda usavam fraldas e por isso o ódio que ontem libertaram em cima deles mesmos.
    Fico satisfeito por ver que apesar da quantidade de trampa que puseram na ventoinha dirigida a gente honrada, a trampa agora cai em cima deles mesmos. Bem haja.

    P. S. Já agora aguardem pelo momento em que vão começar a ter de indemnizar os alvos das suas calúnias, vai ser bonito ver-los a sentirem o colarinho a apertar.
    A justiça é dura mas é linda quando é concretizada.

  4. Sempre disse que em Portugal o único clube limpo dos 3 grandes é o PORTO!
    Os outros dois já percebemos bem como é que ganham os campeonatos. Nós ganhamos com trabalho, mérito, esforço! Somos os maiores! PORTO! PORTO! PORTO!

RESPONDER

Quem quer casar com o chimpanzé? Bonobos acasalam por causa das mães

Este tipo de chimpanzé tem um comportamento muito próximo do dos humanos. Mas se acha que a sua mãe se intromete demasiado na sua vida sexual, saiba que, pelo menos, não é um bonobo macho. As …

A colisão com um planeta anão pode ter "estragado" o lado oculto da Lua

Da Terra, vemos sempre o mesmo da Lua. Contudo, esse lado é bem diferente do lado oculto do nosso satélite natural. O contraste entre as duas partes da Lua tem intrigado os astrónomos. Se se …

Fugitivo promete entregar-se se tiver 15.000 "gostos". Polícia dos EUA aceita

A Polícia de Connecticut, nos Estados Unidos, informou esta quarta-feira que um fugitivo com vários mandados de prisão concordou entregar-se, mas com uma condição insólita: arrecadar 15.000 "gostos" no Facebook. De acordo com a Esquadra …

Há um pequeno satélite a revolucionar o setor espacial. Chama-se CubeSat

Apesar das pequenas dimensões do CubeSat, o satélite é capaz de efeitos extraordinários que estão a revolucionar o setor espacial. Os avanços da microeletrónica das últimas décadas permitiram desenvolver sistemas espaciais eficazes, de forma mais rápida …

Guardiola já terá chegado a acordo com a Juventus

O treinador espanhol Pep Guardiola já terá chegado a acordo com a Juventus para ser o próximo treinador dos bianconeri, avança a agência italiana AGI.  De acordo com a mesma fonte, Guardiola, de 48 anos, prepara-se …

Porto quer declarar guerra às gaivotas. "É uma questão de saúde"

Vários organismos reclamam que é necessário tomar medidas para controlar o excesso de gaivotas nas zonas urbanas, que se tem tornado num problema de saúde pública. São várias as queixas na zona do Porto por incidentes …

Esta cigarra é a mais ameaçada em Portugal. Só existe em dois ou três sítios do Alentejo

A Euryphara contentei - há quem lhe chame só cigarrinha e há quem diga cigarrinha-verde - resiste apenas em alguns locais exíguos da planície alentejana. É a mais ameaçada das 13 espécies de cigarras que …

EUA anunciam ajuda de 16 mil milhões de dólares a agricultores prejudicados pela disputa comercial com a China

A administração Trump disponibilizará 16 mil milhões de dólares (cerca de 14 mil milhões de euros) para manter os agricultores à tona durante a guerra comercial entre os Estados Unidos (EUA) e a China, anunciou …

Perdeu a família e foi violada. Quase duas décadas depois, recebeu a maior indemnização de sempre na Índia

Na primavera de 2002, uma jovem de 19 anos, grávida de cinco meses, foi violada por 11 homens que lhe mataram a família. Teve que fingir-se de morta para escapar. Agora, 17 anos depois, o …

Ivo Rosa questiona legalidade de provas da ​Operação Marquês

O juiz de instrução criminal da Operação Marquês, Ivo Rosa, tem dúvidas sobre a legalidade de algumas provas recolhidas na investigação, tendo assinado um despacho que enviou para os advogados dos arguidos para se pronunciarem. Segundo …