Diretor-geral do Sporting detido. Suspeitas de corrupção também envolvem futebol

Miguel A. Lopes / Lusa

André Geraldes à esquerda de Bruno de Carvalho no banco de suplentes do Sporting:

A Polícia Judiciária está desde o início da manhã a fazer buscas na SAD do Sporting, em Alvalade, relacionadas com suspeitas de atos de corrupção. As buscas envolvem elementos da Unidade nacional de Combate à Corrupção.

Segundo o Correio da Manhã, já há quatro detidos: o diretor de futebol, André Geraldes, Gonçalo Rodrigues, funcionário que ontem suspendeu funções, o “corruptor” Paulo Silva e o intermediário João Gonçalves.

Desde o início da manhã que a PJ está a fazer buscas à SAD leonina, assim como na residência do empresário que denunciou todo o esquema ao jornal, numa operação batizada de Cashball. “A operação, que envolveu 40 elementos da Polícia Judiciária, incluiu cerca de uma dezena de buscas domiciliárias e em clube desportivo”, revela a PJ.

Na terça-feira, a Procuradoria-Geral da República confirmou que o Ministério Público estava a investigar um alegado esquema de corrupção relacionado com a compra de árbitros no andebol, que garantiram o título da modalidade na época passada.

Porém, de acordo com o diário, a investigação ao alegado esquema de corrupção também inclui jogos de futebol. Um dos jogos sob suspeita é o Vitória de Guimarães-Sporting da época passada, que terminou com a vitória leonina por 5-0.

De acordo com o Jornal de Notícias, outros jogos sob suspeita são os realizados com equipas como o Feirense, Chaves, Tondela, Aves e Estoril. Há jogadores que poderão ter sido pagos para facilitar vitórias dos leões em jogos da época passada e do início deste campeonato. Os valores poderão ter atingido 12.500 euros.

O empresário entregou ao MP mensagens em que comenta com os dois interlocutores o comportamento dos jogadores de futebol alegadamente comprados, tendo sido dadas instruções no sentido de darem “espaço ao Bas Dost”, cita o JN.

Esquema no andebol

Segundo a edição desta terça-feira do CM, o alegado esquema de corrupção no andebol envolvia “a compra de equipas de arbitragem, quer para os leões ganharem, quer para o Futebol Clube do Porto, com o qual disputaram o campeonato até ao fim, perder” e abrangeu a época de 2016/17, ganha pelo Sporting.

O CM citava conversas e trocas de mensagens de voz entre empresários, no WhatsApp, e que segundo o jornal “mostram como André Geraldes, hoje diretor de futebol do Sporting, coordenava toda a batota”.

O jornal publicou ainda uma entrevista com Paulo Silva, que confessou ter alinhado no esquema de corrupção “ao serviço do seu clube do coração” e disse que recebia 350 euros por cada árbitro de andebol que corrompia.

A Federação de Andebol de Portugal (FAP) também anunciou que ia denunciar ao Ministério Público a alegada corrupção a equipas de arbitragem por parte do Sporting, remetendo ainda o processo para o Conselho de Disciplina (CD).

A FAP emitiu um esclarecimento sobre a notícia avançada pelo Correio da Manhã a propósito do alegado esquema de corrupção para favorecer os leões na época 2016/17, quando o Sporting conquistou o título de campeão nacional, após 16 anos de jejum.

Gonçalo Rodrigues autossuspendeu-se

Por sua vez, o Sporting apelou à celeridade das autoridades, considerando-se um “alvo a abater” por continuar a “lutar e a querer transparência e verdade desportiva”.

“O Sporting confia na Justiça e no Estado de Direito e deseja que a alegada investigação anunciada pelo Ministério Público seja célere e que vá até às últimas consequências no apuramento da verdade“, lê-se no comunicado.

Nesta mesma nota, o clube diz tratar-se do “primeiro capítulo de uma campanha, mais uma, que visa exclusivamente denegrir a imagem da instituição Sporting”.

“Não nos revemos em qualquer prática que desvirtue a verdade desportiva ou que sejam ética, moral e socialmente censuráveis”, prosseguem os leões, que dizem desconhecer agentes e empresários citados e admitem tomar medidas para “que sejam responsabilizados nas instâncias competentes”.

No mesmo dia, fonte oficial do clube disse à Lusa que a “a administração chamou o funcionário Gonçalo Rodrigues sobre o seu alegado envolvimento neste caso, que respondeu que nada tinha feito, estava de consciência absolutamente tranquila”.

“A administração decidiu abrir um processo de inquérito para apurar qual o seu envolvimento no que veio publicado no Correio da Manhã. Na sequência disso, Gonçalo Rodrigues autossuspendeu-se de funções enquanto durar o processo de inquérito”.

ZAP ZAP // Lusa

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. Segundo os “Senhores verdes” e não só era o benfica…
    Agora vê-se… compram e elementos do clube afirmam…
    e com sorte o que se viu ontem até foi encomenda de algum dirigente do clube para desviar uma vez mais o “foco” do senhor que se diz maluco …

  2. Não páram… O futebol assim é um cancro para a sociedade. Um foco infeccioso. Metam os jogadores a ganhar ordenados justos de acordo com o que eles contribuem para a economia do país, metam os clubes a não poderem facturar mais do que x por ano, e vão ver se isto não acaba logo tudo.

    Onde quer que haja dinheiro “a mais”, há crime. Crime porque o ser humano não consegue deixar de ser um cancro ganancioso. O mal tem de ser cortado sempre pelo dinheiro. Acabem-se com grandes acumulações de dinheiro e acaba-se o impulso para a corrupção.

    A riqueza é finita. Cada um que enrriquece ilegítimamente, está a tirar a alguém. Até certo ponto, é normal haver discrepâncias. Nem todos somos igualmente trabalhadores, dedicados, competentes, etc… Por isso é normal haver diferenças de riqueza. Mas se não há um tecto, riqueza gera mais riqueza até a um ponto que perde toda a legitemidade. Compra-se a justiça, compram-se mais direitos do que os outros, compra-se influência, compra-se criminalidade, compra-se o direito de privar os outros dos seus direitos. E isto não se pode continuar a permitir na sociedade do amanhã.

    Tudo o que está a acontecer seja no futebol ou na política, vem desse impulso humano de abusar dos seus direitos em noma da ganância.

    Não é preciso perceber nada de futebol para entender isto.

  3. Neste país existe uma casta de pessoas que julgam que criando um sound bite como por exemplo os vouchers e outras calúnias e que as repetindo muitas vezes, as mentiras com o tempo passem a ser verdadeiras.
    Apesar dos esforços do Fuinha da comunicação, a verdade é como o azeite, vem sempre à superfície, desmascarando quem na verdade anda a parasitar a nossa sociedade, mostrando à evidência as mentiras que andaram propagar, sujando quem com muito trabalho tem sucesso.
    Além das mentiras, temos um clube que em trinta anos ganhou a enormidade de 2 campeonatos, ou seja, existem hoje alguns jovens em que a última vez que foram campeões ainda usavam fraldas e por isso o ódio que ontem libertaram em cima deles mesmos.
    Fico satisfeito por ver que apesar da quantidade de trampa que puseram na ventoinha dirigida a gente honrada, a trampa agora cai em cima deles mesmos. Bem haja.

    P. S. Já agora aguardem pelo momento em que vão começar a ter de indemnizar os alvos das suas calúnias, vai ser bonito ver-los a sentirem o colarinho a apertar.
    A justiça é dura mas é linda quando é concretizada.

  4. Sempre disse que em Portugal o único clube limpo dos 3 grandes é o PORTO!
    Os outros dois já percebemos bem como é que ganham os campeonatos. Nós ganhamos com trabalho, mérito, esforço! Somos os maiores! PORTO! PORTO! PORTO!

RESPONDER

Pela primeira vez em 45 anos, uma casa vitoriana "flutuou" pelas ruas de San Francisco

A manhã de 21 de fevereiro em San Francisco, nos Estados Unidos, foi um pouco diferente do normal: uma casa vitoriana passou a "flutuar" pelas ruas da cidade. De acordo com o BuzzFeed News, uma equipa …

Nação Cherokee pede à Jeep que deixe de usar o nome da tribo nos seus carros

"É hora de a Jeep reconsiderar chamar os seus SUVs Cherokee e Grand Cherokee". Pela primeira vez, a tribo norte-americana Nação Cherokee pediu diretamente à Jeep para parar de usar o seu nome nos seus …

PCP quer apoios a 100% para pais "imediatamente e com efeitos retroativos"

O secretário-geral do PCP pediu ao Governo, este sábado, apoios a 100% para os trabalhadores que estão em casa com os filhos, pagos "imediatamente e com efeitos retroativos", e defendeu um plano de desconfinamento "setor …

Naufrágio grego que levava partes do Partenon está a revelar os seus segredos

A última expedição de mergulhadores ao navio grego Mentor, que naufragou perto da ilha Citera em 1802, recuperou várias peças do cordame, moedas, a sola de couro de um sapato, uma fivela de metal, uma …

Chega vai reagir "muito veementemente" na rua à tentativa de ilegalização

O líder do Chega disse, este sábado, que o partido vai responder "muito veementemente" e com "presença na rua", já em março, à tentativa de ilegalização da estrutura promovida por Ana Gomes. "Quero deixar claro aqui, …

Procura-se candidato para dormir. Site oferece 1650 euros e uma noite num resort

Este pode ser, literalmente, um emprego de sonho: fazer dinheiro enquanto se dorme, incluindo uma noite num resort de 5 estrelas. O site Sleep Standards, que se dedica a dar informação sobre pesquisas e produtos relacionados …

Catarina Martins faz apelo a Costa. "Moratórias têm de ser estendidas já"

A coordenadora do Bloco de Esquerda fez um apelo direto ao primeiro-ministro, este sábado, para que não espere que "seja tarde demais" e decida já estender as moratórias, evitando assim uma vaga de despejos e …

Toronto apresenta providência cautelar contra projeto que constrói "casas" para os sem-abrigo

Um carpinteiro canadiano decidiu construir abrigos para as pessoas que vivem nas ruas de Toronto. A autarquia considerou que são perigosos e apresentou uma providência cautelar. De acordo com a empresa de media Vice, Khaleel Seivwright, carpinteiro …

Trinta anos depois, MI6 pede desculpa por ter banido espiões gays

Richard Moore pediu desculpa " pela forma como colegas e concidadãos LGBT+ foram tratados", tendo-lhes sido negada a oportunidade de servir o país no MI6. O chefe do MI6, o serviço secreto de inteligência do Reino …

Já foram administradas 837.887 vacinas em Portugal

Um total de 837.887 vacinas contra a covid-19 foram administradas em Portugal desde 27 de dezembro, quando foi dada a primeira dose, indicou o Ministério da Saúde este sábado. Num comunicado de balanço do processo de …