Pinguim deu uns mergulhos à procura de comida (e gravou um vídeo espantoso)

Mesmo a tempo do Dia da Consciencialização dos Pinguins, o programa Wildlife Conservation Society (WCS) da Argentina divulgou um vídeo recentemente captado debaixo de água por um pinguim.  

O pinguim, um Gentoo macho, foi equipado com uma câmara fotográfica especial. A filmagem mostra o pinguim a mergulhar e a passar através de cardumes de sardinhas, com uma velocidade e agilidade surpreendentes.

A filmagem foi feita no Canal Beagle, perto da Isla Martillo, na Tierra del Fuego, na Argentina, onde a WCS tem apoiado a conservação dos pinguins há mais de 20 anos.

Segundo a Phys Org, a câmara, doada pelo Projeto Tawaki, foi instalada no pinguim Gentoo por uma equipa de CADACI-CONICET, como parte de um estudo colaborativo sobre ecologia alimentar, realizado pela WCS Argentina, em conjunto com a Antartic Research Trust, e o Projeto Tawaki.

O estudo está a estudar a ecologia da alimentação dos pinguins Gentoo da Argentina (Pygoscelis papua) e do pinguim de olhos amarelos da Nova Zelândia (Megadyptes antipodes).

Os pinguins-gentoo normalmente procuram a sua comida perto do fundo do mar, mas as filmagens revelaram que se encontrarem um cardume de peixes pelo caminho, não perderão a oportunidade de se alimentarem deles.

“Ficámos fascinados por ver a comunidade de aves marinhas do Canal Beagle alimentar-se deste cardume espantoso de sardinhas”, conta Andrea Raya Rey, investigadora associada da WCS Argentina e membro da equipa da CADIC-CONICET.

Escrevemos em muitos jornais que a comunidade de aves marinhas no Canal Beagle depende das sardinhas, mas esta é a verdadeira prova, e agora está confirmada e com uma estrela atrás da câmara: o pinguim”, diz a cientista.

O dispositivo foi instalado para uma só viagem de procura de alimentos. “Quando o pinguim voltou, desinstalámos o dispositivo e observámo-lo a tratar do seu ninho. O Gentoo continuou com os seus deveres parentais e a cuidar da descendência”, comentou Raya Rey.

  Inês Costa Macedo, ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE