Linguagem anti-animal. PETA quer acabar com o pau e atirar o peixe ao gato

E se fosse proibido dizer “agarrar o touro pelos cornos”? A associação de defesa dos animais PETA quer eliminar da linguagem quotidiana expressões que ofendem várias espécies, dando alternativas de expressões pet-friendly.

Há várias expressões que envolvem animais usadas, muitas vezes inconscientemente, no nosso quotidiano. “Agarrar o touro pelos cornos” ou “matar dois coelhos de uma cajadada só” são exemplos comuns de como invocamos expressões animalescas em vão. Será um pecado?

Para a associação não-governamental para a defesa dos animais, sim. A PETA considera que este tipo de expressões e ditados são pouco simpáticos para os animais e, por esse motivo, pretende acabar com eles – ou matá-los de uma cajadada só.

A organização partilhou a sua intenção no Twitter, sublinhando que “as palavras importam” e que a linguagem também deve evoluir, acompanhando a evolução da compreensão da justiça social. Por esse motivo, a associação apresentou algumas alternativas a expressões comuns em inglês para evitar usar “linguagem anti-animal”.

“As palavras importam. E à medida que o nosso entendimento de justiça social evolui, a nossa linguagem evolui também. Vejamos como podemos remover o especissismo das nossas conversas diárias”, escreveu a PETA num tweet que rapidamente se tornou viral, dividindo as reações em três extremos: contestação, humor e manifestações de apoio.

Há alguns ditados que têm correspondência para português. A PETA sugere que em vez de se dizer “pegar o touro pelos cornos”, se diga “pegar nas flores pelos espinhos“, por exemplo. Além disso, em vez de se “matar dois pássaros [o equivalente aos coelhos em português] de uma cajadada só”, a PETA pede a substituição desta expressão por “alimentar dois pássaros com um scone“.

Segundo o Público, aproveitando a boleia, podemos adaptar uma infinidade de frases comuns na língua portuguesa. É o caso de “gato escaldado”, que poderá ser substituído por “gato esfriado”.

No entanto, esta alteração de expressões não é recente, nem sequer em Portugal. Pelo mesmo motivo que a associação invoca, já foram criadas alternativas a algumas músicas infantis. Para o popular “atirei um pau ao gato”, sugere-se que se atire um peixe ao felino.

Será o peixe a solução pet-friendly para esta popular música ou será um exagero considerar que o “pau” torna esta letra numa linguagem anti-animal? Nas redes sociais, o assunto já está a ser debatido. Por aqui, ficamos com a certeza de que, pelo menos nesta versão da música, o gato não passa fome.

LM, ZAP //

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

  1. Respeito pelos animais, sem dúvida! SEMPRE!

    Mas mudar expressões linguísticas com séculos de existência, faz-me rir. Evidentemente já não têm mais nada para fazer em defesa do s animais….

  2. Vergonhoso a nova ditadura dos que fingem ser pessoas de bem mas umas , pessoas maldosas e invejosas , que tudo querem destruir, doa a quem doer. Tenham vergonha e percam tempo com outras coisas, olhem , vão semear batatas, vão roçar mato, ajudem as as pessoas frágeis. Tenham juizo !!!

  3. Por acaso eu e os meus amigos sempre aprendemos uma letra diferente que era de resto aquela que cantávamos. Em vez de gato considerávamos jafo. O resto era igual.

  4. colectivismo em acção….

    quanto mais se permite a esta gentinha mais querem.

    daqui a pouco não há linguagem, não poderemos comunicar uns com os outros….

    é uma mistura de “1984” e “admirável mundo novo”.

RESPONDER

Físico diz que Marte é o único planeta para onde humanos podem fugir

Segundo o físico Brian Cox, o Planeta Vermelho pode ser a única opção caso os humanos tenham de abandonar o planeta Terra. O cientista diz que "não podemos ficar aqui para sempre". O professor e apresentador …

Décadas de estudos sobre "genes da depressão" podem estar errados

A ideia de um "gene da depressão" capturou a imaginação de cientistas durante décadas. Nos últimos 20 anos, centenas de estudos sugeriram que pessoas com a variação de determinados genes têm um maior risco de …

Formação da Lua trouxe água para o planeta Terra

A formação da Lua trouxe para a Terra condritos carbonosos, que são fonte provável da água no nosso planeta e de elementos altamente voláteis, como carbono, nitrogénio, hidrogénio e enxofre. A Terra é o único planeta …

Greve na limpeza vai parar Hospital de São João no Porto

Os trabalhadores da limpeza do Hospital de São João, no Porto, entraram em greve este sábado. As desinfeções em ambulatório ou a limpeza de consultórios e da urgência não estão a ser feitas. Na …

Há um enorme buraco na atmosfera de Marte (e a água está a escapar)

Uma vez a cada dois anos, um gigantesco buraco abres-e na atmosfera marciana, deixando escapar para o Espaço uma parte das escassas reservas de água do Planeta Vermelho. O estranho mecanismo meteorológico, nunca visto na Terra, …

Musk vai construir um túnel de alta velocidade em Las Vegas

A Boring Company conseguiu um contrato de 48,7 milhões de dólares para construir um sistema subterrâneo, chamado LVCC Loop, em Las Vegas. A empresa Boring Company, de Elon Musk, foi a escolhida para construir um túnel …

Fernando Pimenta conquista duas medalhas de ouro na Taça do Mundo

O português Fernando Pimenta conquistou este sábado duas medalhas de ouro na Polónia, nas provas de K1 1000 e K1 500 metros. O canoísta do Benfica juntou na tarde deste sábado a medalha de ouro na …

Cientistas podem ter descoberto a verdadeira origem da canábis

A origem da canábis é um mistério, mas a análise de pólen antigo sugere que a planta evoluiu cerca de três quilómetros acima do nível do mar no planalto tibetano. Documentos que datam da Idade Média …

Sporting vs FC Porto | Um ano depois, a Taça para os leões

O Sporting venceu o FC Porto, mais uma vez nas grandes penalidades, e arrecadou a 17ª Taça de Portugal. Num jogo muito disputado no Estádio do Jamor, que terminou empatado 1-1 no tempo regulamentar, o Porto …

Marcelo pede aos portugueses para votarem. "Ficar em casa é um erro enorme"

O Presidente da República pediu hoje aos portugueses que façam o "pequeno sacrifício" de votar nas eleições para o Parlamento Europeu e não deixem "nas mãos de 20% ou de 25% a decisão que é …