Penalties são uma questão de sorte? Estudo português diz que não

Miguel A. Lopes / Lusa

Rui Patrício defendeu o penalty que deu o apuramento de Portugal para as meias-finais do Euro 2016 frente à Polónia

Rui Patrício defendeu o penalty que deu o apuramento de Portugal para as meias-finais do Euro 2016 frente à Polónia

Cristiano Ronaldo coloca a bola na marca fatal e distancia-se da bola, o guarda-redes não sabe para onde é que o craque vai chutar. Ou será que sabe? Um grupo de investigadores portugueses garante ter desenvolvido um algoritmo que acaba com o mito de que os penalties são uma questão de sorte.

O projeto de inteligência competitiva no desporto, que ainda não tem nome, começou a ser testado durante a Taça das Confederações – competição na qual a seleção portuguesa foi eliminada nas meias-finais pelo Chile, precisamente nos penalties – para aperfeiçoar o algoritmo, e até agora “deu resultados muito bons”, disse à EFE o coordenador do estudo, Alexandre Real.

A ideia surgiu durante o Euro 2016, disputado em França, no qual o investigador, especialista em liderança e gestão de equipas, trabalhou como comentador num programa de rádio, durante o jogo dos quartos-de-final em que Portugal derrotou a Polónia na disputa de penalties.

O investigador começou a perguntar-se sobre como os técnicos preparavam as equipas para esta parte do jogo: “Era feito através do ‘chutómetro’, com vídeos e a intuição do guarda-redes”, explica Real.

A partir daí, o investigador decidiu realizar um projeto para desenvolver uma ferramenta que, com base científica, permitiria aos técnicos preparar os seus guarda-redes para melhorar a eficiência nesse quesito.

Com a coordenação científica de João Fialho, professor da American University of Middle East, o grupo de investigadores reuniu milhares de vídeos de penalties numa base de dados para criar um algoritmo que permitisse prever o comportamento dos jogadores nesses lances.

“Agora mesmo está em 80%, antes do final do ano vai estar desenvolvido a 100%”, detalhou Real, garantindo que até ao momento não existia nenhum algoritmo deste tipo no mundo do futebol.

O projeto conta com dados das principais competições, como a Liga dos Campeões, o Mundial, o Euro e os campeonatos nacionais de países como Espanha, Portugal, Inglaterra e Itália, e já permitiu obter resultados concretos.

“Chegámos à conclusão de que Cristiano Ronaldo é mais eficiente do que Messi nos penalties, ainda que tenha um ponto fraco: bater no meio da baliza”, revelou o coordenador do projeto.

O atacante português converte 83% das penalidades máximas que tenta: 89% à direita do guarda-redes e 85% à esquerda, mas apenas 58% dos chutos são no meio da baliza.

Há sempre um conjunto de vícios que todos os jogadores têm conforme o lado em que batem o penalti. Por exemplo, há um jogador da seleção do Chile que faz sempre um certo tipo de simulação quando vai bater no lado direito e outra diferente quando vai para o esquerdo”, apontou Real, sem revelar o nome do jogador.

O algoritmo tem sempre associada uma margem de erro que depende do jogador e do contexto da jogada.

O projeto deverá começar a ser comercializado a partir de dezembro aos “principais clubes do futebol europeu”, ainda que com uma regra básica: só uma equipa por país e por competição.

“A informação que damos é tão precisa que se a oferecermos a mais de um clube por país, anula o benefício do serviço“, defendeu o coordenador, que estima que uma equipa pode ter entre três e 12 pontos a mais por temporada graças a este estudo.

Além disso, o grupo descarta oferecer o serviço a outros mercados complementares, como sites de apostas esportivas ou estatísticas dirigidas aos meios de comunicação. O grupo ainda revela que a iniciativa não ficará só pela marcação de penalties.

“Identificámos oportunidades de desenvolvimento de mais algoritmos, principalmente no caso de jogadas de bola parada, como faltas e cantos“, concluiu.

ZAP // EFE

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Mas alguma vez alguem no seu perfeito juizo achou que era sorte ?????
    Era o mesmo que eu dizer que o ronaldo marca mais golos do que eu… por sorte
    Tem calhado

RESPONDER

João Félix coloca Benfica nas meias-finais da Taça

Um golo de João Félix, aos 14 minutos, bastou para o Benfica garantir hoje o apuramento para as meias-finais da Taça de Portugal em futebol, no encontro dos quartos de final com o Vitória de …

Hernâni marca no final do prolongamento e apura FC Porto para as 'meias' da Taça

O FC Porto, da I Liga, apurou-se hoje para as meias-finais da Taça de Portugal em futebol, após derrotar no prolongamento o Leixões, da II Liga, por 2-1, com Hernâni a fazer o golo do …

Eleito o destino turístico mais barato para 2019 (e Portugal fica à espreita)

O complexo Sunny Beach, na Bulgária, foi eleito o destino mais barato para turistas em 2019, de acordo com um estudo levado a cabo pela British Post Office, que analisou preços dos 42 pontos turísticos mais …

Netflix está a ser processada por causa de "Bandersnatch"

O episódio interativo de Black Mirror, que estreou no final do ano passado, não agradou à Chooseco, a editora responsável pela série de livros Escolhe a tua Aventura. A 28 de dezembro estreou o mais recente …

Piloto belga "admitiu" ter assassinado o secretário-geral da ONU em 1961

Dag Hammarskjöld, secretário-geral da ONU, morreu na queda de um avião quando tentava negociar a paz no Congo, e o desastre continua a ser investigado até hoje É um mistério com mais de cinco décadas cujo …

Acordo para o Brexit chumbado. Plano de May esmagado no Parlamento

O Parlamento britânico chumbou, por uma esmagadora maioria, o acordo de saída da União Europeia negociado pela primeira-ministra Theresa May. O líder da oposição, o trabalhista Jeremy Corbyn, aproveitou a derrota histórica de May para …

Senador italiano chamou “orangotango” a antiga ministra e foi condenado a pena suspensa

A justiça italiana condenou esta segunda-feira o senador da extrema direita Roberto Calderoli a 18 meses de prisão, com pena suspensa, por comparar, em 2013, a ministra da Integração, Cécile Kyenge, com um "orangotango". O tribunal …

Num restaurante do Dubai, deixar comida no prato dá multa (e é mais cara que a refeição)

Com o Dubai a tornar-se mais consciente do desperdício de alimentos, um restaurante lembrou-se de uma maneira de fazer com que os clientes não deixem comida no prato. O restaurante Gulou Hotpot, em Al Barsha, uma …

Roma e a Igreja em guerra milionária por causa das moedas da Fontana di Trevi

As moedas que os turistas lançam à Fontana di Trevi, um dos rituais mais populares entre quem visita Roma, está a causar problemas na relação entre a Igreja e a capital italiana. A câmara de Roma …

Frente Comum marca greve nacional da função pública

Os sindicatos da Frente Comum da Administração Pública decidiram marcar uma greve nacional para o dia 15 de fevereiro, anunciou Ana Avoila no final de um plenário realizado esta terça-feira em Lisboa. “Foi decidido marcar um …