Pegadas fossilizadas desafiam a teoria da evolução humana

(dr) Andrzej Boczarowski

As pegadas, encontradas em Trachilos, Creta, são atribuídas a um antepassado do Homem que terá vivido há 5.7 milhões de anos

A descoberta de pegadas fossilizadas, na ilha de Creta, na Grécia, entra em conflito com a teoria que defende que a humanidade teve origem em África.

Um conjunto de pegadas com quase seis milhões de anos descobertas recentemente na ilha de Creta, na Grécia, pode pôr em causa a visão de África como “mãe” da raça humana. A descoberta foi publicada na revista Proceedings of the Geologists Association.

Até agora, a maioria dos investigadores situaram a origem geográfica dos hominídeos no continente africano. Esta teoria sobre a evolução da linhagem humana baseou-se no conhecimento dos primeiros restos fósseis de australopitecos no sul de África em 1924.

Na altura, consolidou-se de imediato a descoberta das pegadas no local Laetoli em 1976. De acordo com os especialistas, essas pegadas pertenceram a hominídeos que caminharam verticalmente há cerca de 3,7 milhões de anos.

A recente descoberta das pegadas tão antigas na ilha de Creta, realizada por uma equipa internacional juntamente com a Universidade de Uppsala, na Suécia, pode por à prova a popular teoria e plantar uma realidade mais complexa.

As pegadas encontradas em Trajilos, na Creta ocidental, têm a inconfundível forma do pé de um hominídio precoce, especialmente na parte dos dedos, ainda que se trate de um espécie ainda mais pimitivo do que o de Laetoli, segundo o relatório da universidade sueca.

As pegadas de Creta foram marcadas sobre uma costa arenosa, possivelmente na foz de um rio, enquanto que a de Laetoli foram feitas sobre cinzas vulcânicas. “O que faz com que isto gere controvérsia é a idade e a localização destas pegadas“, explica o professor Per Ahlberg, da Universidade de Uppsala e um dos autores da investigação.

Estas pegadas, de aproximadamente 5,7 milhões de anos, são mais jovens do que o fóssil do hominídeo mais antigo conhecido, o “Sahelanthropus tchadensis“, mas quase um milhão de anos mais velho que o “Ardipithecus ramidis”, um primata com pés similares aos dos símios.

(dr) Bennett et al / Science Direct

Descobertas pegadas fossilizadas na Grécia

Assim, a descoberta entra em conflito com a hipótese de que o “Ardipithecus” seja um ancestral direto dos primatas posteriores. Até agora todos os fósseis de hominídeos com mais de 1,8 milhões de anos foram encontrados em África, o que levou a maioria dos investigadores a acreditar o grupo tinha começado a evoluir naquele continente.

O professor Ahlberg assinala que a descoberta em Creta “desafia a narrativa aceite” sobre a evolução precoce da humanidade e que é provável que gere muito debate.

Fica por saber se “a comunidade de investigadores da origem humana” aceita estas pegadas fossilizadas como “prova conclusiva da presença de primatas no mioceno, a quarta época da era geológica Cenozoica, e a primeira época do período Neogeno, de Creta”, conclui o académico.

(dr) Bennett et al / Science Direct

Descobertas pegadas fossilizadas na Grécia

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. “A descoberta de pegas fossilizadas, na ilha de Creta, na Grécia (…)”. Não é por acaso que a prostituição é a profissão mais antiga do mundo!

RESPONDER

Caçadores admitem criar partido político contra uma aliança PS-PAN

Um cenário de aliança entre PS e PAN depois das eleições de Outubro próximo originará o aparecimento de um novo partido político em Portugal. A promessa é da Fencaça — Federação Portuguesa de Caça que …

Governo ignorou recomendação parlamentar na auditoria feita ao Novo Banco

Mário Centeno e António Costa ignoraram a recomendação aprovada em Parlamento na sua auditoria ao Novo Banco. Os socialistas defendem que seria inconstitucional avaliar o desempenho do Banco de Portugal. Uma proposta do PSD aprovada em …

Avarias param 9 das 20 novas ambulâncias do INEM

Só entraram em serviço em abril, mas as novas ambulâncias do INEM já estão a dar problemas. Dos 20 novos veículos, apenas 11 estão a circular normalmente. As sirenes e as luzes desligam-se em andamento e …

Máfias e milícias responsáveis por incêndios da Amazónia, conclui relatório

As queimadas associadas aos desmatamento da Amazónia resultam em grande parte da ação violenta de redes criminosas, conclui um relatório da Human Rights Watch. Divulgado esta terça-feira, um relatório da Human Rights Watch conclui que as …

Benfica lança-se à 'Champions' com Lage a admitir mexer no ataque

O Benfica estreia-se hoje diante dos alemães do Leipzig na edição 2019/20 da Liga dos Campeões de futebol, competição em que tentará ultrapassar os 'fracassos' das duas anteriores épocas, nas quais foi eliminado na fase …

Itália. Matteo Renzi abandona o Partido Democrata e anuncia formação de novo partido

O ex-primeiro-ministro italiano Matteo Renzi anunciou que vai deixar o Partido Democrata (PD), do qual era secretário-geral, para criar a sua própria formação, mas garantiu que o grupo continuará a apoiar o Governo de Giuseppe …

Tribunal Arbitral reduz suspensão de Neymar na Champions

O Tribunal Arbitral do Desporto (TAS) reduziu a suspensão imposta pelo Comité de Disciplina da UEFA de três para dois jogos a Neymar. O Tribunal Arbitral do Desporto (TAS) decidiu esta terça-feira reduzir a suspensão imposta …

Jerónimo admite "um ou outro descontente" interno e ataca arrivismo do PAN

Jerónimo de Sousa admitiu haver militantes descontentes com a participação na denominada "geringonça", embora frisando que o sentimento geral é de satisfação, e atacou algumas posições do PAN, defendendo que "Os Verdes" são o verdadeiro …

Brexit. Juncker recorda a Johnson que cabe ao Reino Unido apresentar propostas

O presidente da Comissão Europeia recordou na segunda-feira ao primeiro-ministro britânico que cabe ao Reino Unido apresentar "soluções legalmente operacionais" e compatíveis com o Acordo de Saída, reiterando a disponibilidade europeia para apreciar se estas …

"Quem manda nas seleções são os agentes, para valorizar jogadores, interesses"

Carlitos relembra a altura em que foi chamado à seleção de sub-21 pela mão do empresário José Veiga. O antigo jogador do Benfica diz que "quem manda nas seleções são os agentes". Aos 37 anos, Carlitos …