Paul McCartney exige à Sony direitos de autor dos êxitos dos Beatles

Capitol Records / wikimedia

O produtor George Martin com John Lennon, George Harrison e Paul McCartney.

O produtor George Martin com John Lennon, George Harrison e Paul McCartney.

O cantor e compositor Paul McCartney comunicou à Sony/ATV, uma das maiores editoras de música do mundo, que quer recuperar os direitos de autor dos êxitos que compôs com os Beatles entre 1962 e 1971.

O autor entregou, na quarta-feira, um processo no Tribunal Federal de Nova Iorque, no qual recorda que comunicou desde 2008, e em várias ocasiões, à Sony/ATV Music Publishing, que possui o catálogo dos Beatles, a intenção de recuperar o controlo legal dessas canções.

A argumentação de McCartney baseia-se na complexa e várias vezes alterada legislação norte-americana sobre os direitos de autor que, segundo a interpretação do compositor britânico, lhe vai permitir recuperar, a partir de 2018, a propriedade das canções escritas com John Lennon.

Entre os temas que formam parte do conjunto estão grandes êxitos como “Love Me Do”, “Can’t Buy Me Love”, “Ticket to Ride”, “Yesterday”, “Hey Jude” o “Let It Be”.

Uma alteração à legislação norte-americana de direitos de autor, realizada em 1976, determinou que os artistas que venderam os seus direitos de autor a terceiros antes de 1978 podem recuperá-los 56 anos depois da criação das obras.

Como as primeiras canções dos Beatles datam de 1962, McCartney considera que a partir de 2018 pode acionar essa cláusula legal.

A Sony/ATV respondeu ao processo do músico britânico, assegurando que tem “o mais alto respeito” pelo artista, mas disse estar “dececionada” com uma decisão que considera “desnecessária e prematura”, noticiou o The Hollywood Reporter.

Em 1985, o cantor Michael Jackson (1958-2009) comprou a ATV Music, que detinha os direitos de todas as canções dos Beatles, e 10 anos depois deu-se uma fusão com a Sony, dando origem ao consórcio Sony/ATV Music Publishing, que controla atualmente um catálogo de mais de três milhões de títulos musicais.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Novo máximo diário. Covid-19 mata mais 849 pessoas em Espanha

Espanha registou, nas últimas 24 horas, 849 mortos com o novo coronavírus, um novo recorde de falecidos num só dia, elevando o balanço total para 8189. Os números do Ministério da Saúde espanhol revelam ainda um …

Termina esta terça-feira o prazo para reclamar das despesas para IRS

O prazo para consultar e reclamar das despesas gerais e familiares apuradas pelo fisco para efeitos de deduções à coleta termina esta terça-feira. Os contribuintes têm até esta terça-feira, 31 de março, para consultar e reclamar …

Ryanair avança com lay-off em Portugal a partir de 1 de abril

A Ryanair vai avançar com o lay-off simplificado, considerando o recurso à medida "indispensável para a manutenção da viabilidade e preservação dos postos de trabalho". Segundo a comunicação da sucursal em Portugal aos sindicatos relativamente à …

Recibos verdes arriscam ficar sem apoio em abril

A Segurança Social só vai disponibilizar o formulário para requerer apoio por paragem total de atividade a partir de 1 de abril. O apoio para minimizar os danos económicos dos trabalhadores independentes que enfrentem paragem …

Ex-benfiquista Jiménez só sai do Wolves por 90 milhões

O Wolverhampton só está disposto a negociar Raul Jiménez por uma verba a rondar os 90 milhões de euros. O antigo jogador do Benfica é perseguido por Arsenal e Manchester United. Raul Jiménez tem dado que …

Mais 1.035 casos de covid-19 em Portugal. Cerco sanitário no Porto rejeitado

A Direção-Geral da Saúde (DGS) dá conta de 7.443 pessoas infetadas com covid-19 até às 11h desta terça-feira, um aumento de 1.035. O número de vítimas mortais subiu para 160. De acordo com o novo boletim …

Reclusos podem ser libertados para evitar "catástrofe" nas prisões

O contágio de covid-19 entre guardas e reclusos nas prisões portuguesas será tão ou mais “catastrófico” do que nos lares de terceira idade. A ministra da Justiça, Francisca Van Dunem, prometeu que vai decidir o …

FNE defende exames em setembro e cancelamento das provas de aferição

A Federação Nacional de Educação (FNE) defende que as provas de aferição e os exames de 9.º ano devem ser cancelados "e que os exames de 11.º e 12.º anos devem ser adiados para setembro". Esta …

Benzema lança críticas a Giroud: "Não confundam um Fórmula 1 com um kart"

"Não vamos confundir um Fórmula 1 com um kart e estou a ser gentil", disse Benzema quando questionado se Olivier Giroud era melhor do que ele. Em quarentena obrigatória, o avançado francês do Real Madrid, Karim …

Afinal, pico da pandemia de covid-19 pode ser já em abril

Ao contrário da última previsão de Marta Temido, que apontava o pico da pandemia para o final de maio, alguns epidemiologistas consideram que pode acontecer já em abril. As mais recentes previsões do Governo, comunicadas pela …