Paquistão vai deportar afegã que foi capa da National Geographic

d.r. Steve McCurry / National Geographic

Sharbat Gula, refugiada afegã, capa da National Geographic em 1984, a primeira "Mona Lisa do Terceiro Mundo"

Sharbat Gula, refugiada afegã, capa da National Geographic em 1984, a primeira “Mona Lisa do Terceiro Mundo”

A afegã Sharbat Gula, que em criança foi capa da revista National Geographic e foi recentemente detida com documentos de identificação falsificados no Paquistão, vai ser libertada e deportada, indicou esta sexta-feira o embaixador afegão em Islamabad.

“Anuncio que Sharbat Gula já está livre dos problemas legais das últimas semanas. Em breve, vai ser libertada”, escreveu o embaixador Omar Zakhilwal no Facebook.

Zakhilwal referia-se à pena de prisão de 15 dias que Sharbat Gula vai cumprir antes de ser deportada para o Afeganistão.

Moshin Dawar, membro da equipa legal de Gula, disse à agência EFE que um tribunal especial anticorrupção de Peshawar (noroeste do Paquistão) condenou hoje a afegã a 15 dias de prisão, depois de Gula se ter dado como culpada de todas as acusações. A refugiada já cumpriu a maioria da pena.

A condenada vai ter de pagar uma multa de 100 mil rupias paquistanesas (860 euros) e deverá sair do Paquistão logo depois da libertação.

Gula foi detida a 26 de outubro por ter obtido documentos de identificação paquistaneses para si e dois alegados filhos, depois de subornar três funcionários. A lei paquistanesa prevê uma pena de até 14 anos de prisão para este crime.

A refugiada, de 40 anos, mãe de quatro filhos e doente com hepatite C, vai regressar na segunda-feira ao Afeganistão, onde será recebida pelo chefe de Estado, Ashraf Gani, informou Zakhilwal.

De acordo com o diplomata, Gula vai receber ajuda governamental para começar uma nova vida no país natal.

O fotógrafo norte-americano Steve McCurry imortalizou a afegã em 1984, quando tinha 12 anos e vivia num campo de refugiados em Peshawar. Um ano depois, a fotografia na capa da revista tornou-se numa das imagens mais icónicas do século XX.

O Paquistão registava, até há pouco tempo, de 1,4 milhões de afegãos legalizados e cerca de 900 mil em situação ilegal. A comunidade de refugiados, uma das maiores e mais antigas do mundo, começou com a invasão soviética em 1979.

Até ao início deste mês, mais de meio milhão de refugiados tinha regressado ao Afeganistão, na sequência do ultimato do governo de Islamabad para saírem do Paquistão.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

"Mário Centeno está a perder influência no Governo". Os (maus) sinais para o Orçamento de Estado 2020

A proposta de Orçamento do Estado para 2020 [OE 2020] vai ser apresentada daqui a uma semana e alguns economistas antecipam os riscos do documento, falando de uma "situação potencialmente perigosa para as contas públicas" …

Utilizadores russos do Reddit terão divulgado documentos comprometedores sobre o Brexit

A rede social Reddit anunciou ter concluído que utilizadores russos estiveram na origem da divulgação de documentos confidenciais do governo britânico sobre as negociações comerciais do Brexit. O Reddit anunciou, num comunicado citado pela Associated Press, …

Concorrência quer novas regras para fidelizações nas telecomunicações

A Autoridade da Concorrência (AdC) quer mudanças nas regras impostas pelas operadoras de telecomunicações nos contratos de fidelização. Segundo um relatório da AdC, ao qual o Jornal de Negócios teve acesso e que será esta segunda-feira …

Se Trump fosse julgado perante um júri, seria condenado "em três minutos"

Caso o processo de impeachment avance, e Trump seja apresentado perante um júri, Jerry Nadler acredita que o presidente norte-americano seria considerado culpado "em três minutos". O presidente da comissão de Justiça da Câmara dos Representantes, …

Sangue, lágrimas e crianças escoltadas na primeira despromoção da história do Cruzeiro

O Cruzeiro desceu de divisão pela primeira vez na sua história. O último jogo do campeonato, que selou a despromoção, ficou marcado por episódios violentos entre adeptos e polícia. O cenário vivido no 'Mineirão', este domingo, …

Movimento "Convergência" prepara moção para convenção do Bloco (mas rejeita cisão)

Largas dezenas de elementos do Bloco de Esquerda (BE) estiveram reunidos para preparar uma moção para apresentar na próxima convenção do partido, mas rejeitam estar a criar uma nova tendência ou a preparar uma cisão. João …

Empresário lesou Fisco em 60 milhões, mas não tem de devolver nada

Um empresário do setor do ouro condenado a sete anos de prisão por fraude fiscal agravada não terá de devolver nenhuma parte dos 60 milhões de euros de prejuízo que deu ao Estado por não …

Maioria das pistolas Glock roubadas da PSP pode ter estado sempre com a polícia

Luís Gaiba defende que a contagem do armamento não estava atualizada e que, por isso, a maioria das armas alegadamente desaparecidas pode nunca ter saído da posse da polícia. O agente Luís Gaiba, suspeito do roubo …

Rússia banida dos Jogos Olímpicos e Mundiais por quatro anos

A Rússia foi banida, esta segunda-feira, de Jogos Olímpicos e Mundiais por quatro anos, na sequência de uma decisão, tomada por unanimidade, do comité da AMA que avalia o cumprimento dos regulamentos. A Rússia foi excluída dos …

Governo chinês bane compras públicas de computadores e software estrangeiros

O Governo chinês ordenou que todos os escritórios governamentais e instituições públicas removam computadores e software estrangeiros, ao longo dos próximos três anos, depois da decisão de Washington de banir aquisição de equipamentos da Huawei. A …