Papa Francisco “gostou” da fotografia de uma modelo brasileira em lingerie. Vaticano pede explicações ao Instagram

catholicism / Flickr

O papa Francisco

O Vaticano disse estar à procura de explicações por parte da rede social Instagram, depois da conta oficial do Papa Francisco ter colocado um “gosto” numa fotografia provocativa de uma modelo brasileira em lingerie.

De acordo com o jornal britânico The Guardian, não se sabe quando é que o “gosto” – que ainda era visível no dia 13 de novembro, mas que foi entretanto retirado – terá aparecido na foto de Natalia Garibotto.

“Pelo menos vou para o céu”, reagiu a modelo brasileira Natalia Garibotto nas redes sociais quando soube que a conta oficial do pontífice no Instagram tinha gostado de uma fotografia sua.

A empresa responsável pela carreira da modelo, que soma 2,4 milhões de seguidores, também aproveitou ao máximo a publicidade e partilhou a imagem na sua própria conta de Instagram na sexta-feira passada, dizendo que a empresa tinha “recebido a bênção oficial do Papa”.

O incidente levou a que fosse lançada uma investigação entre os funcionários da Santa Sé que trabalham para as redes sociais, segundo a Agência Católica de Notícias.

Ao The Guardian, um porta-voz excluiu a hipótese de alguém do microestado ter feito aquela inadvertida ação: “Podemos excluir que o ‘gosto’ tenha vindo da Santa Sé, e solicitaram-se explicações ao Instagram.”

O Papa argentino tem 7,4 milhões de seguidores naquela rede social e 18,8 milhões no Twitter. Mas o diretor da edição em inglês do La Croix, Robert Mickens, lembra que “o Papa Francisco não é como Donald Trump, não se senta a usar o telemóvel ou o computador para escrever tweets o dia todo”.

“Ele aprova, por exemplo, os tweets – mas não os ‘gostos’ – e em ocasiões muito raras disse que gostaria de tweetar algo devido a uma situação em desenvolvimento ou de emergência”, explica Mickens. “Portanto, ele não tem nada a ver com isto, mas sim o departamento de comunicações. Como isto aconteceu… vá-se lá saber“, conclui.

  ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.