Padrões migratórios revelam “Éden” para humanos e animais antigos

Uma equipa de investigadores descobriu por que motivo os primeiros humanos e herbívoros se mantiveram tanto tempo num paraíso ecogeológico, na atual África do Sul.

Pinnacle Point, na Planície de Paleo-Agulhas, é um conjunto de sítios arqueológicos na África do Sul e uma das localidades mais importantes do mundo para o estudo das origens humanas modernas, era tanto um Éden para os animais quanto para os primeiros seres humanos.

O Pinnacle Point é uma zona atualmente totalmente submersa onde os primeiros humanos viveram e caçaram há 170 mil anos.

De acordo com o EurekAlert, a equipa, liderada por Jamie Hodgkins, perfurou antigos dentes de herbívoros para descobrir por que motivo muitos animais permaneceram naquele ecossistema. A mesma razão poderia explicar a permanência dos seres humanos no mesmo local.

Hoje atualmente submersa, a Planície de Paleo-Agulhas é o lar de algumas das mais ricas evidências do comportamento e cultura dos primeiros humanos. O investigador Curtis Marean trabalha há décadas para reconstituir este local tal como era no tempo do Pleistoceno.

Nesta investigação, cujos resultados foram publicados recentemente no Quaternary Science Reviews, os cientistas quiseram entender melhor os padrões migratórios e, para isso, estudaram os isótopos de carbono e oxigénio no esmalte dental de grandes herbívoros, incluindo uma espécie de antílope.

O esmalte dentário pode revelar o padrão de migração rastreando níveis variáveis de carbono das plantas que um animal come à medida que os dentes crescem. Ambientes mais húmidos e frios costumam ser a “casa” das plantas C3, enquanto que ambientes mais quentes e secos abrigam plantas C4.

Segundo os cientistas, os animais gostam de vegetação exuberante, o que significa que tendem a seguir os padrões de chuva: leste para chuva de verão (gramíneas C4) e oeste para chuva de inverno (gramíneas C3). Se os animais estivessem a migrar entre as zonas de chuva do verão e do inverno, o esmalte dentário registaria essa rotação anual das plantas C3 e C4 como uma curva sinusoidal à medida que os dentes cresciam.

No entanto, a equipa descobriu que o esmalte dos animais que migram não apresentava nenhum padrão migratório, o que significa que a grande parte dos animais parecia feliz naquele paraíso ecogeológico.

“Era uma ótima localização, em termos de recursos. Durante a época interglacial, quando a costa se aproximou das cavernas, os humanos tinham mariscos e outros recursos marinhos. Quando a costa se expandiu na época glacial, os caçadores tinham acesso a um ambiente rico e terrestre“, escreveram os instigadores.

Ainda assim, os cientistas admitem ser possível “que os padrões de migração animal tenham mudado à medida que a linha costeira se retraiu e se expandiu durante os ciclos glaciais e interglaciais”.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

PCP quer Costa no Parlamento de 15 em 15 dias (e não vai contribuir para acabar com os debates quinzenais)

O PCP não concorda que será o fim da democracia caso os debate quinzenais passem a mensais. No entanto, não vai contribuir para acabar com este modelo. Ao Expresso, o deputado comunista António Filipe Duarte garantiu …

"Espero contar tudo o que sei". Cientista chinesa fugiu da China para alertar que "não temos muito tempo"

A virologista chinesa Li-Meng Yan, que fugiu para os Estados Unidos, deu uma segunda entrevista à Fox News, na qual alertou que "não temos muito tempo".   Li-Meng Yan, especialista em virologia e imunologia, era uma …

Galp perde 60 milhões de euros em negócios não autorizados

A Galp perdeu 60 milhões de euros em negócios não autorizados com licenças de CO2. A petrolífera já avançou com ações disciplinares e uma auditoria. A Galp informou que foram identificadas transações, não autorizadas pela empresa, …

"Bandeira vermelha". Tóquio em alerta máximo após aumento de novas infeções

A capital do Japão, Tóquio, com 14 milhões de habitantes, está no nível mais alto de alerta para o novo coronavírus após um aumento dos casos registados. “Os especialistas disseram-nos que a situação das infeções está …

Operação Saco Azul. Empresas "zombie" terão desviado 1,8 milhões do Benfica

O presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira, e a SAD do clube lisboeta foram constituídos arguidos pelo crime de fraude fiscal, no âmbito da operação ‘saco azul’, confirmou esta terça-feira à agência Lusa fonte oficial …

Maçãs com preços em alta, menos vinho e cerveja a estragar-se (os efeitos da pandemia)

A pandemia de covid-19 está a levar milhares de litros de cerveja a estragar-se, enquanto os produtores de vinho temem uma quebra na produção e, logo, nos lucros. Enquanto isso há menos maçãs e mais …

TAD anula sanção de cinco jogos à porta fechada ao Benfica

O Tribunal Arbitral do Desporto (TAD) deu provimento ao recurso do Benfica e revogou a sanção de cinco jogos à porta fechada imposta pela Federação Portuguesa de Futebol (FPF) ao clube, pelo apoio prestado a …

Costa vira à esquerda, mas Catarina Martins diz que "não pode ser só conversa"

Esta quarta-feira, António Costa lança as negociações para o Orçamento do Estado para 2021 com os partidos que, até aqui, foram seus aliados. O primeiro-ministro insiste que o caminho da sua governação passa por entendimentos à …

No novo ano letivo, a Educação Física continua a ser maior incógnita

No início de julho, o Ministério da Educação anunciou algumas orientações sobre o próximo ano letivo que não contemplavam a Educação Física e o futuro da disciplina continua a ser uma incógnita.  Nas escolas, a falta …

FC Porto já só sonha com o título, mas Amorim não faz vida fácil aos "dragões"

O FC Porto só precisa de empatar com o Sporting CP para ser campeão. Rúben Amorim quer estragar a festa dos portistas, embora não lhe interessem quer acabe por vencer o campeonato. O SL Benfica manteve …