Os telemóveis reduzem a capacidade do cérebro mesmo desligados

Basta ter um smartphone por perto, e a nossa atenção parece diminuir. Embora o fenómeno seja consensual quando estamos a usar o aparelho, uma equipa de cientistas acaba de descobrir que o problema se repete mesmo quando mantemos o telemóvel desligado.

Um novo estudo sugere que os smartphones reduzem a capacidade do cérebro – mesmo quando estão desligados. Mas calma, não precisa de ir a correr deitar o telemóvel pela janela e mudar-se para as montanhas. Basta colocá-lo em outra divisão da casa – e deixar o aparelho desligado ou em modo de silêncio.

Para chegar a esta conclusão, uma equipa de cientistas da McCombs School of Business, liderada pelo professor Adrian Ward, da Universidade do Texas, conduziram uma experiência com cerca de 800 utilizadores de smartphones. Os resultados do estudo foram publicados no Journal of the Association for Consumer Research.

A experiência era simples, e consistia em pedir aos participantes que escolhessem entre deixar o telemóvel na mesa com a face virada para baixo, no bolso, na mochila ou em outra divisão da casa. Todos os aparelhos deveriam ficar em silêncio enquanto as “cobaias” realizavam testes que mediam as suas capacidades cognitivas.

Os resultados de quem escolheu deixar o aparelho desligado em outra sala foram incrivelmente melhores do que os dos restantes utilizadores.

Numa outra experiência, a equipa de cientistas escolheu que pessoas deveriam deixar o smartphone noutra sala, e quais delas deveriam mantê-los no bolso, na mochila ou na mesa. Desta vez, foram instruídos a desligar o telefone. Adivinhe o que aconteceu?

O resultado foi exactamente igual ao do primeiro teste: quem tinha o telemóvel noutra sala, teve resultados incrivelmente melhores nos testes cognitivos.

Então será que nossos smartphones estão a deixar-nos mais burros? Para os cientistas, não se trata disso, mas do facto de a mera prespectiva de aceder ao dispositivo, ainda que esteja desligado, já ocupa uma parte da nossa atenção.

Basicamente, as pessoas não conseguiam concentrar-se tão bem por ter o telemóvel por perto durante os testes cognitivos, e acabavam por ter um desempenho pior do que os que tinham deixado o aparelho noutra sala.

Então, a solução é simples: de vez em quando, dê descanso ao telemóvel – noutra sala.

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

Responder a Sousa Cancelar resposta

NASA rebatiza Ultima Thule. Antigo nome foi associado ao nazismo

O nome do Ultima Thule deu polémica e a NASA decidiu mudá-lo. A controvérsia surgiu pelo nome dado inicialmente ao mundo gelado do Cinturão de Kuiper estar vinculado à ideologia nazi. O anúncio foi feito esta …

Vídeo mostra orcas a perseguirem tubarões-brancos na África do Sul

O tubarão-branco é visto como o maior predador dos oceanos. Mas um novo vídeo mostra que nem este animal está assim tão seguro, sendo na verdade uma presa para outras espécies. De acordo com o Science …

Descoberta a primeira vespa polinizadora da época dos dinossauros

Uma equipa de cientistas encontrou a primeira vespa polinizadora (prosphex anthophilos), que conviveu com dinossauros há cerca de 100 milhões de anos. O animal foi encontrado num fragmento de resina fossilizada em Mianmar, na Birmânia, segundo …

China está a vender drones assassinos ao Médio Oriente

A China está a vender drones capazes de matar automaticamente, sem necessidade de controlo humano. Os seus principais clientes serão a Arábia Saudita e o Paquistão. Segundo o site Defense One, uma empresa chamada Ziyan está …

Aumento da temperatura pode vir a matar 1,5 milhões de indianos por ano

Se as emissões globais de gases de efeito de estufa não forem interrompidas, cerca de 1,5 milhões de indianos podem vir a morrer anualmente até 2100 devido ao aumento das temperaturas. Os números contam de …

O vencedor do Tour de France, Egan Bernal, pode ter beneficiado de uma vantagem genética

O ponto de viragem da Tour de France deste verão ocorreu no alto de uma montanha nos Alpes franceses. Foi o resultado de anos de treinamento e, de acordo com um estudo divulgado na segunda-feira, …

Mina Chang utilizou uma capa falsa da Time no CV e conseguiu chegar ao Governo de Trump

Mina Chang, vice-secretária adjunta do Gabinete de Operações de Conflitos e Estabilização do Departamento de Estado dos Estados Unidos, mentiu no seu currículo para conseguir alcançar um lugar no Governo de Donald Trump. De acordo com …

Jovem norueguesa controla 450 perfis no Instagram para tentar evitar suicídios

Uma norueguesa de 22 controla 450 perfis privados no Instagram para tentar evitar suicídios, conta a emissora britânica BBC, revelando ainda que a jovem recebeu já o apelido de "salva-vidas" devido ao trabalho que leva …

Espanha vai tentar exumar 31 corpos que se encontram no Vale dos Caídos

As autoridades espanholas vão tentar exumar 31 dos milhares de corpos de pessoas enterradas no Vale dos Caídos, um grande mausoléu onde esteve enterrado o ditador Francisco Franco até ao mês passado. Segundo a agência Associated …

Holanda reduz velocidade máxima nas autoestradas em prol da qualidade do ar (e deixa o primeiro-ministro "muito infeliz")

O Governo holandês vai baixar os limites de velocidade nas autoestradas do país para travar as emissões de monóxido de nitrogénio, que contribui para a degradação da camada de ozono. O primeiro-ministro holandês, Mark Rutte, anunciou …