/

Os peluches são tão perigosos como Hitler

LHL / Kitchen

Campanha norueguesa de prevenção contra a asma infantil compara peluches a Hitler.

Os famosos ursos de peluche estão entre os maiores culpados por alguns casos de asma – tendo-se tornado por isso o alvo de uma campanha de prevenção contra a asma infantil, que os compara a Adolf Hitler e a outros ditadores.

Para evidenciar como os peluches sujos podem ser perigosos para a saúde das crianças, a LHL – Associação Norueguesa do Coração e do Pulmão lançou uma peculiar campanha, com a ajuda criativa da agência de publicidade Kitchen.

Os peluches são comparados a ditadores como Adolf Hitler, Muammar Khaddafi e Kin Jong Il, numa ideia que pretende que a prevenção da asma e das alergias comece pelos quartos das crianças.

Assim, está-se a atacar o problema ainda antes de começar a desenvolver-se, frisam os criativos da campanha.

LHL / Kitchen

-

A LHL recomenda que os peluches sejam lavados, pelo menos, quatro vezes por ano, a uma temperatura de 60 graus centígrados.

Além disso, a associação também menciona a importância de banir o tabaco, realçando que aumenta o risco de infecções respiratórias e que estas, por sua vez, podem provocar complicações semelhantes à asma.

Há uma semana, a Associação de Médicos da Noruega propôs a proibição da venda de tabaco a todos os nascidos depois do ano de 2000, com o intuito de criar uma geração livre deste vício.

Na Noruega, segundo dados da LHL, 20% das crianças são asmáticas, número que quadruplicou desde os anos de 1970.

SV, ZAP

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE