Os jovens de hoje só vão poder reformar-se aos 68

O último relatório da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) sobre pensões prevê que os jovens que entraram no mercado em 2016 só se poderão reformar aos 68 anos.

Portugal está entre os países da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico onde os jovens terão de trabalhar até mais tarde para poderem reformar-se. O relatório Pensions at a Glance 2017, divulgado esta terça-feira, tem por base o que está escrito na lei e a previsível subida da esperança média de vida.

No relatório, a OCDE evidencia que este aumento causa pressão no nível de sustentabilidade das pensões e que irá conduzir a um aumento da idade ativa – para que o financiamento das pensões seja garantido.

A OCDE refere que com a atual legislação a idade normal da reforma em 2060 deverá aumentar em metade dos países da OCDE. Essa subida será, em média, de 1,5 anos no caso dos homens e de 2,1 anos para as mulheres.

Assim, os portugueses que tenham entrado no mercado de trabalho em 2016, poderão reformar-se aos 68 anos, caso a legislação não se altere. A OCDE avança ainda que os 68 anos dos portugueses estão no grupo de idades de reformas futuras mais tardias.

Este ano, a idade de reforma é de 66 anos e três meses. No próximo ano, será de 66 anos e quatro meses e em 2019 prevê-se que seja de 66 anos e cinco meses.

Em 2060, a média de idades de reformas deve rondar os 66 anos. No entanto, há países onde os trabalhadores terão de estar inseridos no mercado de trabalho durante mais tempo. É o caso da Itália, Holanda e Dinamarca, que se prevê que ultrapassem a barreira dos 70 anos.

Por outro lado, a Eslovénia e o Luxemburgo serão os países onde os jovens terão de trabalhar menos tempo: apenas até aos 60 anos.

No relatório, a OCDE refere ainda que um terço dos 35 países que compõem a organização fez um ajustamento nas contribuições para os sistemas de Segurança Social; outro terço alterou os limites dos benefícios para todos ou alguns grupos reformados e três países alteraram a lei para aumentar a idade normal da reforma.

Ainda assim, estas medidas podem não ser suficientes, dado que “o aumento expectável da idade da reforma será superado pelo avanço da longevidade, o que significa que o tempo que as pessoas passam na reforma aumentará em relação à duração da sua vida profissional”.

Mas, segundo o Público, este não é o único problema. Em 2015, havia em Portugal 34,6 pessoas com mais de 65 anos por cada 100 em idade ativa. Este rácio passará para 73,2 anos em 2060.

Ou seja, nos próximos 35 anos, o rácio entre o número de pessoas com mais de 65 anos e as pessoas com idade ativa vai duplicar. Neste ponto, Portugal é o quarto país da OCDE onde essa relação será mais acentuada.

O secretário-geral da OCDE, Angel Gurría, sublinha as mudanças fortes que estão a ocorrer no mercado laboral e defende que “os governantes deverão garantir que as decisões hoje tomadas tenham estas mudanças em consideração e que os sistemas de proteção social não deixem ninguém para trás“.

Gastos com pensões vão atingir os 15% em 2030

O relatório adianta, ainda, que os gastos com pensões em Portugal mais do que duplicaram nas duas últimas décadas, continuando acima da média da OCDE. Entre 2013 e 2015, a despesa com pensões subiu para 13,8%, valor que deverá subir para 15% em 2030. Depois disso, deverá corrigir, mas permanecerá sempre acima dos 13% até 2060.

Entre 2000 e 2013, os gastos com pensões subiram em Portugal 78,4% – a terceira maior subida entre os países que compõem a OCDE. A subida foi apenas ultrapassada pelo México (que aumentou em 175,4% os gastos com pensões para 2,3% do PIB) e pela Coreia (que aumentou em 99,3% para 2,6% do PIB).

Entre 1990 e 2013, a despesa do Estado português em pensões passou de 4,8 do PIB (abaixo da média da OCDE) para 14% do PIB (muito acima da média de 8,2%).

Na média dos países da OCDE, estima-se que os gastos com pensões passem dos atuais 8,9% do PIB para 10,9% em 2060.

ZAP //

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Os jovens que puderem ir embora de Portugal, que não olhem para trás, porque aqui não existe Futuro! É um país sem perspectivas de futuro! Fujam! Estamos num país que os deputados ao fim de 8 anos ficam com umas grandes reformas e o desgraçado desconta uma vida e muitas vezes morre sem gozar a sua reforma! O jovem que tiver oportunidade de sair do país, que fuja e não olhe para trás!!

    • NÃO DEVE TER LIDO O ARTIGO TODO
      Fogem para aonde? Itália? Holanda?Dinamarca? etc……
      Se começam a trabalhar mais tarde, pois estudam até mais tarde e vão viver até mais tarde é óbvio que tem de trabalhar até mais tarde.
      E olhe o que diz dos deputados tb já não é assim. Informe-se antes de fazer comentários que não correspondem à verdade

      Em 2060, a média de idades de reformas deve rondar os 66 anos. No entanto, há países onde os trabalhadores terão de estar inseridos no mercado de trabalho durante mais tempo. É o caso da Itália, Holanda e Dinamarca, que se prevê que ultrapassem a barreira dos 70 anos”

      • Realmente parece não restar para onde fugir, mas está toda a gente a esquecer um pormenor para o qual toda a comunidade ligada à saúde vem alertando: a esperança de vida vai cair drasticamente por diabetes, cirroses e cancros diretamente relacionados com o estilo de vida dos agora jovens que estudam até mais tarde, mas bebem e viciam-se em açúcar e drogas incríveis cada vez mais cedo. Multiplicam-se estudos isentos a dar conta deste drama silencioso (à vista de todos) e quando a queda na esperança de vida vier, vem a pique e num contraste atordoante que não deixará qualquer margem de reação a quaisquer governos… Seria útil perguntar aos jovens até aos 35 se pensam na reforma. A resposta talvez coincida com a vida carpe diem que levam.

    • Gente como o José é que não faz cá falta nenhuma!!
      Se o futuro de Portugal (ou de qualquer parte de mundo) dependesse de cobardes como o sr, estaríamos bem servidos!!
      Para falar/escrever assim, deve ser um cidadão exemplar e deve ser o orgulho da sua família e da sua comunidade!…
      Siga o seu próprio conselho e arranque já hoje (e não olhe para trás!), pois o país dispensa a sua presença, porque de cobardes apalermados (ainda por cima ignorantes) não reza a historia!!

  2. Meus queridos Portugal continua a ser um país corrupto e de altos cargos sempre benefíciados em detrimento da classe mais baixa…. Nada disto teria que ser assim se todos tivessem acesso a mesma reforma…. Ou seja em Portugal só deveria haver uma única reforma de 600 euros seja para o juiz seja para o político ou pra a empregada de limpeza ou operário…. Isto faria com que as pessoas pudessem reformar se aos 55 anos de idade e continuar a trabalhar…. Pois nada evita que fassa um pé de meia para acumular ao sistema de reforma mínima…. O sistema como está andam.os pobres a sustentar os grande e não faz sentido

RESPONDER

Companhia aérea australiana oferece voos de 7 horas (para lugar nenhum)

A companhia aérea australiana Qantas anunciou recentemente planos para um voo panorâmico de sete horas que fará um loop gigante em Queensland e Gold Coast, New South Wales e os remotos centros do interior do …

Barack Obama vai publicar um livro de memórias (mas só depois da eleições de novembro)

O livro de memórias do antigo Presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, só vai ser publicado depois das eleições presidenciais de novembro. Uma enxurrada de livros políticos chegou às prateleiras nas últimas semanas, no final da …

Confrontos em Londres entre polícia e opositores das restrições devido à pandemia

A polícia de Londres, Inglaterra, entrou hoje em confronto com manifestantes que protestavam contra as restrições que visam conter a disseminação do novo coronavírus. De acordo com a agência Associated Press (AP), os confrontos ocorreram quando …

Milhares infetados por bactéria após fuga em fábrica farmacêutica chinesa

Milhares de pessoas no noroeste da China contraíram uma doença bacteriana depois de uma fuga que causou um surto numa biofarmacêutica no ano passado. De acordo com a CNN, que cita relatos dos media locais, mais …

Guardas da Revolução do Irão prometem vingar morte do general Soleimani

O chefe dos Guardas da Revolução, o exército ideológico do Irão, garantiu hoje que a morte do general Qassem Soleimani, alvo de um raide aéreo dos Estados Unidos, será vingada em “todos os seus implicados”. “Senhor …

"O mundo está no momento mais perigoso da história humana", diz Noam Chomsky

O professor norte-americano Noam Chomsky, conhecido como o pai da linguística moderna, advertiu que o mundo está no momento mais perigoso da história da humanidade devido à crise climática, à ameaça de guerra nuclear e …

Portugal com 849 novas infecções por covid-19. Há 20.722 casos activos

Portugal registou 849 novos casos de covid-19 nas últimas 24 horas, mantendo-se a tendência de subida verificada nos dias anteriores. Mas o número de pacientes recuperados também não era tão alto desde Julho. O boletim da …

A Grândola Vila Morena abafou "a maior marcha alguma vez vista" do Chega

Com a Praça do Giraldo, em Évora, dividida por barreiras anti-motim, os participantes da concentração "Pela Liberdade" receberam os apoiantes do Chega de André Ventura ao som de "Grândola Vila Morena" e empunhando cravos vermelhos …

Pandemia assola Irão. EUA com mais 888 mortos. 19 países europeus bateram recorde de casos

Naquele que é o número mais elevado de casos diários desde abril, a Alemanha registou 2.297 novos contágios, 19 países europeus já ultrapassaram o recorde de casos do pico da pandemia. O Irão ultrapassou as …

Rangel "é um turista do carago". SMS atestam que Vieira usou Benfica em "benefício pessoal"

Luís Filipe Vieira é um dos acusados da Operação Lex, com o Ministério Público (MP) a alegar que o presidente do Benfica utilizou o clube em "benefício pessoal" para obter uma cunha do juiz Rui Rangel. O …