Orquestra da Ópera de Paris deu concerto na rua para protestar contra Macron

A orquestra da Ópera da Paris realizou um concerto em plena rua nesta terça-feira, como forma de protestar contra a reforma das pensões proposta pelo governo de França, presidido por Emmanuel Macron, uma semana depois de bailarinas também fazerem um ato público, ao apresentar o “Lagos dos Cisnes”.

Os músicos aderiram, dessa forma, ao 27º dia de manifestação da greve geral, que abrange vários setores do país. Os artistas, na Praça da Bastilha, denunciaram que os líderes políticos estão a impor as alterações e fazem “teatro” nas mesas de diálogo com a sociedade civil e sindicatos.

Negamo-nos a entrar na paródia das negociações“, dizia panfleto entregue pelos integrantes da orquesra, que executaram obras de Hector Berlioz e “Romeo e Julieta”, de Serguei Prokofiev, antes de concluirem a apresentação com o hino nacional de França, “A Marselhesa”. Atrás dos músicos, numa enorme faixa estendida, era possível ler a frase “A Ópera de Paris em greve“.

Os integrantes da Ópera contam com um dos regimes de pensões mais antigos de França, já que, assim como a Comédia Francesa, se beneficiam de uma concessão dada pelo rei Luis XIV, em 1698, que permite reformar-se aos bailarinos aos 42 anos, e aos músicos aos 60.

Desde a adesão à greve geral, há quatro semanas, mais de 50 apresentações da Ópera de Paris foram canceladas. As perdas estimadas da instituição chegam a 8 milhões de euros.

// EFE

PARTILHAR

RESPONDER

Bolsonaro mais moderado. "A minha preocupação sempre foi salvar vidas”

O Presidente brasileiro adotou um tom mais moderado naquele que foi o seu quarto discurso ao país sobre o novo coronavírus, mas voltou a insistir na importância de a população manter os empregos durante a …

Diabéticos representam 9% das mortes por covid-19

Os doentes da diabetes são um grupo de risco, representando “mais de 9% das pessoas falecidas com covid-19”, mas não têm mais probabilidades de ser infetados pelo novo coronavírus. A informação foi avançada esta quarta.feira pelo …

Covid-19: Infarmed diz que nenhum medicamento provou eficácia no tratamento

O Infarmed assegurou, na terça-feira, estar a acompanhar todos os esforços nacionais e internacionais para o desenvolvimento de potenciais tratamentos e vacinas para a covid-19, mas insistiu que nenhum fármaco provou ainda a sua eficácia …

Adolescente de 13 anos morre no Reino Unido devido a Covid-19

Um adolescente britânico de 13 anos morreu na segunda-feira depois de testar positivo para o novo coronavírus, informou na terça-feira o hospital. Segundo a família, o jovem não sofria de nenhuma outra doença. Segundo noticiou a …

"Por favor, não venham". Autarca de Vila Real apela a emigrantes que não regressem a Portugal

O presidente da Câmara de Vila Real, Rui Santos, apela aos emigrantes para que, "por favor", não regressem agora ao país e nesta Páscoa "fiquem nas terras" que os "acolheram em segurança". "Este vírus infernal que …

84 pessoas detidas por desobediência ao estado de emergência

A PSP e a GNR detiveram, até esta terça-feira, 84 pessoas pelo crime de desobediência e encerraram 1600 estabelecimentos, no âmbito do estado de emergência. Em comunicado, o Ministério da Administração Interna (MAI) refere que, entre as …

Há creches, ATL e colégios privados a cobrar valores indevidos na quarentena

Há creches, ATL e colégios privados a cobrarem valores indevidos referentes a alimentação, transporte e atividades extracurriculares. O alerta foi dado pela Associação de Defesa do Consumidor (Deco). De acordo com a jurista da Deco, Carolina …

Pedro Proença acredita que "vai ser possível jogar na presente temporada"

O Presidente da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP) admitiu, esta terça-feira, a possibilidade de realizar jogos à porta fechada e ainda esta temporada. Em entrevista à rádio TSF, Pedro Proença disse acreditar que ainda "vai …

Centeno deixa aviso à Zona Euro. Futuro da UE depende da resposta que der à pandemia

Mário Centeno escreveu aos ministros das Finanças da Zona Euro para os alertar que o futuro da União Europeia depende da forma como conseguir lidar com a crise económica devida à pandemia de Covid-19. Uma …

Governo quer desempregados e trabalhadores em lay-off a reforçar lares e hospitais

O Governo criou uma medida de Apoio ao Reforço de Emergência de Equipamentos Sociais e de Saúde com o objetivo de apoiar as entidades do setor social e solidário. De acordo com o ECO, o Governo …