ONU envia ajudas para estabilizar falta de alimentos no Líbano

Wadel Hamzeh / EPA

A Organização das Nações Unidas já começou a ajudar o Líbano, através do envio de farinha de trigo. O objetivo é começar a colmatar a falta de alimentos destruído pelas explosões.

Segundo o The Washington Post, a ONU anunciou que vai fazer chegar até o Líbano, dezenas de milhares de toneladas de farinha de trigo para evitar uma escassez de alimentos. As duas explosões no porto de Beirute destruíram o principal silo de grãos e aumentaram a necessidade de uma emergência humanitária mais ampla.

“Devido aos danos causados aos silos de grãos e aos carregamentos no porto, (o Programa Mundial de Alimentos) irá fornecer 50 mil toneladas de farinha de trigo a Beirute para estabilizar o abastecimento nacional e garantir que não haja escassez de alimentos no país,” explica o relatório.

O primeiro carregamento de farinha de trigo deverá chegar nos próximos dias a Beirute, e vai abastecer padarias libanesas durante pelo menos um mês, garantiu a agência de coordenação humanitária da ONU, num relatório. A organização estima que as reservas atuais de farinha de trigo do país asiático, cobrem apenas seis semanas das necessidades do mercado, uma vez que o país enfrenta múltiplas crises.

As explosões, segundo as autoridades locais libanesas, foram causadas pela ignição de 2750 toneladas de nitrato de amónio armazenadas no porto. Foram contabilizados, pelo menos, 171 mortos e mais de 6000 feridos.

As ondas de choque devastaram grandes áreas da capital libanesa, causando avultados danos estimados em 15 mil milhões de dólares. As obras nas instalações portuárias de Beirute são agora urgentes e “essenciais para evitar interrupções nas linhas de abastecimento de alimentos.”

A assistência das Nações Unidas chegou numa altura em que um responsável sénior de ajuda dos EUA, visitou alguns dos locais mais afetados pelas explosões que ocorreram em Beirute. John Barsa mostrou-se chocado com o cenário que encontrou, “é uma crise de cortar o coração, ainda mais quando não é um desastre natural como um tornado, um furacão ou um terremoto”.

Barsa, administrador interno da Agência dos Estados Unidos para o Desenvolvimento Internacional, juntou-se à equipa de resgate pedaços de vidro, colocando-os na parte de trás de um camião. É raro que as autoridades dos EUA façam visitas tão importantes ao centro de Beirute.

“Quando se vê uma devastação como esta causada por atos que não foram das mãos de Deus, isso é ainda mais doloroso”, descreve Barsa. Esta visita coincidiu com o momento de entrega de materiais de socorro, incluindo kits médicos de emergência, afirma a USAID num comunicado.

  ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Há 42 anos, andámos "À Boleia pela Galáxia" - e descobrimos a resposta para a vida, o universo e tudo mais

Assinalam-se este mês os 42 anos da série de livros de ficção científica de Douglas Adams. Mais de quatro décadas depois, a história excêntrica continua relevante e a atrair fãs. Muitos filósofos questionaram-se durante séculos sobre …

F.C. Porto 1-0 Milan | Dragão em fúria banaliza italianos

A fúria do Dragão. O relógio marcava o minuto 65. O nulo perdurava, as tentativas portistas em busca da glória eram imensas – no total, 20 remates contra apenas quatro do AC Milan –, assim …

Veículo autónomo da Waymo

Os carros autónomos da Waymo estão a ser atraídos para uma rua sem saída

Os veículos autónomos da Waymo, detida pela Alphabet que é também a mãe da Google, são constantemente encaminhados para uma rua sem saída em São Francisco, nos Estados Unidos. Para já, ninguém sabe porquê. Nas últimas …

Com as ruas inundadas, casal indiano usa panela de cozinha para se deslocar para o próprio casamento

Um casal indiano foi transportado para o seu casamento por um meio de transporte incomum: uma panela de cozinha. Com as ruas do estado de Kerala inundadas, após chuvas torrenciais, esta foi a única forma …

OE2022: PCP propõe eliminação do adicional de ISP e da “dupla tributação” dos combustíveis

O PCP anunciou hoje que irá propor em sede de Orçamento para 2022 a eliminação do “adicional” ao Imposto sobre Produtos Petrolíferos (ISP) e da dupla tributação dos combustíveis e insistir na fixação de preços …

Besiktas 1-4 Sporting | Tratado leonino deixa turcos KO

O Sporting foi à Turquia somar a primeira vitória no Grupo C da Liga dos Campeões, ao bater o Besiktas por 4-1. Um desfecho fundamental para a equipa de Alvalade continuar a acalentar esperanças de apuramento …

Lei de David. Reino Unido pondera acabar com anonimato online depois de esfaqueamento de deputado

A morte de David Amess está a suscitar um debate no Reino Unido sobre a segurança dos deputados e os insultos de que as figuras políticas são alvo nas redes sociais. Depois do deputado conservador David …

"Não há acordo". Bloco e Governo continuam às turras por causa do OE, mas há mais reuniões previstas

Os bloquistas não se mostraram satisfeitos com o resultado da reunião com o executivo e exigem mais cedências do Governo. Ambos os lados confirmam que ainda se vão encontrar mais vezes para debater o Orçamento. "Não …

Dois mortos e 450 feridos em manifestações para assinalar protestos de 2019 no Chile

Dois mortos e 450 detidos foi o resultado da violência registada em Santiago do Chile, na sequência de uma manifestação para celebrar o segundo aniversário dos protestos de 2019 contra a desigualdade social no país. A …

Votação das leis sobre teletrabalho só para depois do Orçamento

As recentes alterações às propostas têm aproximado os partidos, mas as compensações dadas aos trabalhadores pelos custos adicionais do teletrabalho e o direito a desligar continuam sem consenso. Apesar do calendário inicial apontar que os projectos …