As ondas sonoras são uma forma de antigravidade

O heavy metal, conhecido por ser um tipo de música pesado é, na verdade, o oposto. As ondas sonoras têm massa, mas negativa. Por outras palavras, o som flutua para cima.

Um grupo de cientistas escreveu um artigo científico no qual explicam que as ondas sonoras têm massa, o que significa que o som é afetado pela gravidade.

Angelo Esposito, da Columbia University, nos Estados Unidos, explica que a recente investigação baseia-se em estudos anteriores que sugerem que os fotões têm massa em superfluidos. No entanto, este artigo mais recente leva a investigação a outro patamar e adianta que os fotões podiam ter massa noutros tipos de materiais também – como líquidos, sólidos regulares e até no próprio ar.

A massa real dos fotões é, provavelmente, muito pequena, mas grande o suficiente para ser mensurável. No entanto, fazer essa medição revelaria lago muito estranho: a massa dos fotões seria negativa – isto é, em vez de cair, os fotões “cairiam para cima”.

Esta queda “ao contrário” significa que os fotões se afastariam de uma fonte gravitacional como a Terra.

“Se a massa gravitacional fosse positiva, os fotões cairiam para baixo”, afirma um físico, citado pelo Interesting Engineering. À semelhança dos objetos com massa positiva, a “agressividade” da queda depende do material pelo qual estas partículas estão a passar.

Por exemplo, em movimentos sonoros de água a 1,5 quilómetros por segundo, a massa negativa do fotão provocaria um desvio de cerca de 1 grau por segundo. Mas quebrar este desvio é quase impossível de medir, uma vez que se trata de uma mudança de apenas 1 grau ao longo de 15 quilómetros.

Mas há uma forma mais viável de fazer esta medição – num meio em que o som viaja muito devagar. O hélio superfluido poderia ser a chave, dado que neste ambiente o som da velocidade pode ser tão lento quanto centenas de metros por segundo (ou menos).

Além disso, os cientistas sugerem que uma outra forma de tentar medir a massa pode passar por procurar sinais óbvios de fotões portadores de massa, examinando ondas sonoras extremamente intensas. Neste caso, precisaríamos de um evento que gerasse um tremendo som, como um terramoto.

De acordo com os dados de Esposito, um terramoto de magnitude 9 libertaria energia suficiente para que os relógios atómicos pudessem ser usados para medir a mudança na aceleração gravitacional da onda sonora do sismo. No entanto, esta experiência não passa da teoria, já que esta tecnologia sensível ainda não existe.

Apesar de não afetar o nosso quotidiano, esta descoberta é intrigante para a comunidade científica, e prova que há sempre algo a aprender sobre o mundo que nos rodeia. As descobertas foram publicadas recentemente no Physical Review Letters.

“Até agora, pensávamos que as ondas sonoras não transportavam massa“, afirmou a cientista Ira Rothstein, da Universidade Carnegie Mellon. “Neste sentido, é um resultado realmente notável.”

ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Os cientistas podem te-lo só descoberto agora mas o ser humano já o sente desde sempre ; por isso a música nos transmite tantas emoções e ate serve de terapia. Há muitas coisas que sendo ,pelo menos para já, impossiveis de ser medidas ou descobertas pela ciência que o ser humano sente no corpo e na alma.

  2. Quanto a matéria “As ondas sonoras são uma forma de antigravidade”, está escrito fotões onde deveria ser fonãos. Verifiquei o artigo original a pouco.
    Abraço!

    • Na vdd pelo que eu entendi, não seria uma forma de anti-gravidade, mas sim atingida pela gravidade de forma contrária, subindo em vez de descer. Sendo assim seria um tipo de anti-matéria, digamos assim. Uma matéria ou semi-matéria(se é que da para definir assim) com massa negativa.

      • Sim! Sim! É isso mesmo. Entre as aspas eu coloquei o título da matéria.
        Na verdade essa massa negativa e só a massa efetiva. No caso do artigo, os autores deixam claro que não precisa apelar para relatividade e nem para a quântica. A massa negativa seria um saldo negativo de massa devido a um pequeno fluxo material de sentido contrário ao da propagação do fonão. Eles explicaram bem pra um modelo fluido, mas não conseguiram explicar o motivo do fenômeno poder acontecer no estado sólido também.

Estivadores do Porto de Lisboa iniciam greve de três semanas

Os estivadores do Porto de Lisboa iniciam, esta quarta-feira, uma greve de três semanas em protesto contra os salários em atraso e incumprimento dos acordos celebrados por parte da Associação de Empresas de Trabalho Portuário …

Michael Vang. Passou despercebido por Portugal, mas carrega os sonhos de toda uma etnia

Michael Vang é dos pouquíssimos jogadores de origem Hmong a jogar futebol profissionalmente. Agora nos Estados Unidos, o jovem teve uma passagem apagada por Portugal. Os Hmong são um grupo étnico asiático originário das regiões montanhosas …

Há pessoas sem a parte olfativa do cérebro que conseguem cheirar (e cientistas não sabem porquê)

Cientistas encontraram casos em que as pessoas não tinham bulbo olfativo, a parte do cérebro responsável pelo olfato, mas mesmo assim conseguiam cheirar. Anosmia consiste na perda total ou parcial do olfato e esta é uma …

Cientistas detetam estranhos movimentos de gás na Via Láctea (em redor de algo "invisível")

Os astrónomos detetaram movimentos de nuvens de gás incomuns perto do centro da Via Láctea, que podem sugerir a presença de um desconhecido buraco negro de classe intermediária. Os investigadores que rastrearam os gases no centro …

Hackers podem facilmente piratear satélites (e transformá-los em armas)

Piratear satélites pode não ser assim tão complicado quanto pensamos. Os hackers podem simplesmente desligá-los ou até mesmo usá-los como armas. No mês passado, a SpaceX tornou-se a operadora da maior constelação de satélites ativos do …

Gelo a cair num buraco faz barulhos estranhos (e parece uma batalha de lasers)

Alguma vez pensou o que se ouve quando deixamos cair gelo num buraco gelado profundo? Já não precisamos de pensar mais - e já podemos ouvir. O vídeo do pedaço de gelo a cair num buraco …

Tribunal recusa exumar corpo. Rosa Grilo conhece sentença a 3 de março

A leitura do acórdão no processo do homicídio do triatleta ficou agendada, esta terça-feira, para o dia 3 de março. De acordo com o Diário de Notícias, a defesa de Rosa Grilo pediu a exumação do …

Revelados documentos que provam a investigação de OVNIs por parte do Pentágono

Documentos recentemente divulgados mostram que o Departamento de Defesa dos Estados Unidos (EUA) financiou estudos sobre Objetos Voadores Não Identificados (OVNI's), contradizendo declarações recentes do Pentágono. Em 2017, o New York Times revelou a existência de …

"Nem sei onde é Alcochete". Pinto da Costa ouvido como testemunha de Bruno de Carvalho

O presidente do FC Porto foi ouvido, esta terça-feira, como uma das testemunhas do ex-dirigente leonino no julgamento da invasão à academia do Sporting, em Alcochete, que está a decorrer no tribunal de Monsanto, em …

A nova obra de Banksy só durou dois dias

A nova obra do artista britânico Banksy, que apareceu na véspera do Dia dos Namorados em Bristol, foi coberta por um grafite cor-de-rosa dois dias depois. A imagem de uma menina a atirar flores vermelhas com uma …