OMS alerta para crescimento “preocupante” de casos no mundo

O diretor-geral da Organização Mundial de Saúde (OMS) alertou esta sexta-feira para o continuo crescimento de casos de covid-19 no mundo, referindo que o número de novos casos confirmados por semana quase duplicou nos últimos dois meses.

Tedros Adhanom Ghebreyesus disse, em conferência de imprensa, que o número de novos casos “está a aproximar-se da maior taxa de infeção que vimos até agora na pandemia”.

O responsável da OMS disse ainda que alguns países que conseguiram evitar surtos generalizados de Covid-19 estão agora a registar aumentos acentuados, citando a Papua-Nova Guiné como exemplo.

“Até o início deste ano, a Papua-Nova Guiné tinha relatado menos de 900 casos e nove mortes”, disse Tedros Adhanom Ghebreyesus, adiantando que agora o país já identificou mais de nove mil casos e 83 mortes, metade das quais no mês passado.

“A Papua-Nova Guiné é um exemplo perfeito de como a vacina é tão importante”, disse o diretor-geral da OMS, acrescentando que a nação insular do Pacífico conta com doações de vacinas da Austrália e da COVAX, apoiada pelas Nações Unidas.

Até o momento, a COVAX já enviou cerca de 40 milhões de vacinas para mais de 100 países, o suficiente para proteger cerca de 0,25% da população mundial.

Pandemia já matou 2,98 milhões de pessoas no mundo

A pandemia do novo coronavírus matou até hoje pelo menos 2.987.891 pessoas no mundo desde o final de dezembro de 2019, segundo um levantamento realizado pela agência de notícias AFP a partir de fontes oficiais.

Mais de 139.008.120 casos de novas infeções foram oficialmente diagnosticados desde o início da pandemia.

Os números são baseados em relatórios diários das autoridades de saúde de cada país até às 10h00 TMG (11h00 em Lisboa) desta sexta-feira e excluem as revisões posteriores de agências estatísticas, como ocorre na Rússia, Espanha e Reino Unido.

Na quinta-feira, 13.646 novas mortes e 809.849 novos casos foram registados em todo o mundo.

Os países que registaram o maior número de novas mortes nos seus últimos relatórios são o Brasil com 3.560 novas mortes, Índia (1.185) e Estados Unidos (974).

Os Estados Unidos são o país mais afetado em termos de mortes e casos, com 565.289 mortes para 31.495.652 casos, de acordo com o levantamento realizado pela Universidade Johns Hopkins.

Em seguida, vêm o Brasil com 365.444 mortes e 13.746.681 casos, o México com 211.213 óbitos (2.295.435 casos), a Índia com 174.308 mortes (14.291.917 casos) e o Reino Unido com 127.191 óbitos (4.380.976 casos).

Entre os países mais atingidos, a República Checa apresenta o maior número de mortes em relação à sua população, com 264 mortes por 100.000 habitantes, seguida pela Hungria (254), Bósnia-Herzegovina (235), Montenegro (225) e Bulgária (214).

A Europa totalizou esta sexta-feira, às 10h00 TMG (11h00 em Lisboa), 1.016.003 mortes em 47.440.536 casos, a América Latina e Caribe 852.118 óbitos (26.812.010 casos), os Estados Unidos e Canadá 588.779 mortes (32.589.214 casos), a Ásia 292.169 óbitos (20.566.289 casos), o Médio Oriente 120.787 mortes (7.161.469 casos), a África 117.015 óbitos (4.397.613 casos) e a Oceania 1.020 mortes (40.992 casos).

Desde o início da pandemia, o número de testes realizados aumentou substancialmente e as técnicas de rastreamento e despistagem melhoraram, levando a um aumento no número dos contágios declarados.

O número de casos diagnosticados, entretanto, reflete apenas uma fração do total real dos contágios, com uma proporção significativa dos casos menos graves ou assintomáticos ainda não detetados.

Esta avaliação foi realizada com base em dados recolhidos pelos escritórios da AFP junto das autoridades nacionais competentes e informações da Organização Mundial de Saúde (OMS).

Em Portugal, morreram 16.933 pessoas dos 829.358 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

ZAP ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Autoagendamento a partir dos 60 anos deve arrancar no final da próxima semana

O autoagendamento para a vacinação contra a covid-19 deverá passar a contemplar as pessoas a partir dos 60 anos, em vez dos atuais 65, já no final da próxima semana, adiantou hoje à Lusa fonte …

Emprego, formação e pobreza. Cimeira Social arranca com apelos a mudança para recuperar da crise

A Cimeira Social arrancou, nesta sexta-feira, no Porto, com a presença de 24 dos 27 chefes de Estado e de Governo da UE, num evento que pretende definir a agenda social da Europa para a …

Comandos. MP pede condenação de cinco arguidos a penas entre dois e 10 anos de prisão

O Ministério Público (MP) pediu hoje a condenação de cinco dos 19 arguidos no processo relativo à morte de dois recrutas dos Comandos, em 2016, a penas de prisão entre dois e 10 anos. Nas alegações …

Juventus quer Zidane para o lugar de Pirlo

O insucesso desportivo da Juventus esta temporada deve fazer com que Pirlo saia do clube. Zidane, que também estará de saída do Real Madrid, é o favorito da vecchia signora. Zinédine Zidane estará a pensar seriamente …

“Incompetência e arrogância”. Cabrita está (novamente) debaixo de fogo. Partidos pedem a sua demissão

Eduardo Cabrita, ministro da Administração Interna, está mais uma vez no centro da polémica. Depois de ter avançado com uma requisição civil para que mais de 20 imigrantes fossem transportados para o Zmar, durante a …

Fernando José é o candidato do PS a Setúbal. Ana Catarina Mendes concorre à Assembleia Municipal

O deputado e vereador socialista Fernando José é o cabeça de lista do PS às próximas eleições autárquicas para a Câmara de Setúbal e Ana Catarina Mendes à Assembleia Municipal, revelou fonte oficial do Partido …

Portugal na zona de queda dos restos do foguetão chinês

O foguete de Longa Marcha chinês que foi lançado a 29 de abril, e agora está a preocupar o mundo. As previsões é que a reentrada na atmosfera se dê até ao próximo dia 9 …

CIP propõe "almofada" pública de 8.000 milhões para resolver moratórias

A Confederação Empresarial de Portugal (CIP) propôs ao Governo criar uma "almofada" de garantias públicas no valor de oito mil milhões de euros para dar poder às empresas e levar a banca a renegociar os …

Reino Unido. Variante indiana é “preocupante“ e já infetou idosos vacinados

No Reino Unido, já foram encontradas 48 cadeias de transmissão da variante indiana e sabe-se que há transmissão comunitária. A Public Health England classifica esta variante como “preocupante”. A direção geral de saúde de Inglaterra (PHE …

Petição para cancelar Jogos Olímpicos conta já com 200 mil assinaturas

Uma petição 'online' a pedir o cancelamento dos Jogos Olímpicos Tóquio2020 devido à pandemia da covid-19 ultrapassou esta sexta-feira as 200 mil assinaturas, avançou a agência Lusa. A campanha, lançada na quarta-feira pelo advogado e ativista …