O Relógio do Juízo Final foi adiantado – já só faltam três minutos para o Apocalipse

Wikimedia

Hiroshima, logo após o lançamento da bomba atómica em 1945

Hiroshima, logo após o lançamento da bomba atómica em 1945

O comité do Boletim de Cientistas Atómicos alertou esta semana para as ameaças à Humanidade, como a guerra nuclear e as alterações climáticas, e adiantou os ponteiros do “relógio do Juízo Final” para três minutos antes da meia-noite. 

O relógio, que é uma imagem figurada em que a meia-noite representa o “Juízo Final”, converteu-se num indicador universalmente reconhecido da vulnerabilidade do mundo às ações do homem e ao avanço da tecnologia para fins que podem levar à nossa destruição.

A última vez que estivemos tão “próximos do Apocalipse” foi em 1984, em plena Guerra Fria.

A diretora executiva do Boletim, Kennette Benedict, indicou, durante uma conferência de imprensa, em Washington, que a modernização das armas nucleares e o aquecimento global representam uma ameaça “extraordinária e desigual” para a existência da Humanidade.

BulletinOfTheAtomicScientists / Facebook

-

“A probabilidade de uma catástrofe global é muito alta”, advertiu o grupo de cientistas, que inclui 17 Prémios Nobel, que se reúnem anualmente para avaliar o dano que a ação do homem pode causar ao planeta.

Os cientistas indicaram que os líderes mundiais falharam na redução dos arsenais nucleares para um nível necessário que garanta a segurança dos cidadãos perante uma hipotética catástrofe nuclear.

Pelo contrário, países como a Índia, o Paquistão ou Israel continuaram a investir na modernização das suas armas nucleares, indicou Sharon Squassoni, membro do programa de prevenção da proliferação do Centro de Estudos Estratégicos e Internacionais, que destacou que os EUA e a Federação Russa ficaram aquém do necessário para reduzir os respetivos arsenais.

O grupo entendeu também que não se fez o suficiente para evitar o aquecimento global, que pode elevar a temperatura média do planeta entre três e oito graus centígrados até ao final do século, algo que, assegurou, será “catastrófico” para a Terra.

A gravidade destes perigos levou os cientistas a adiantar o relógio em dois minutos, depois de ter estado nos últimos três anos nos cinco minutos para a meia-noite.

Os cientistas pediram aos políticos e aos cidadãos que tomem medidas quanto antes porque, fundamentou um investigador da Instituição Scripps de Oceanografia, da Universidade da Califórnia, Richard Somerville, “ainda não é tarde para agir no combate às alterações climáticas, mas as oportunidades também acabam”.

Este cientista acrescentou que as alterações climáticas “não têm nada que ver com política ou ideologia, mas sim com as leis da química, da física e da biologia”, as quais, sublinhou, “não são negociáveis”.

Somerville disse ainda que a ciência já demonstrou “amplamente” que a ação humana é a causa do aquecimento global e alertou que a falta de recursos naturais, como a água devido a secas, pode ser um fator de agravamento de conflitos internacionais.

Desde que foi criado, em 1947, o relógio já foi ajustado 18 vezes.

A última vez que o relógio foi alterado foi em Janeiro de 2012, quando avançou um minuto dos seis para os cinco para a meia-noite.

A vez em que esteve mais perto da meia-noite foi em 1953, quando os EUA e a então União Soviética estavam a desenvolver a bomba de hidrogénio.

Ao contrário, as mudanças políticas na Europa de Leste permitiram que os ponteiros fossem afastados da meia-noite para os 17 minutos, em 1991.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

PSD vai votar contra propostas para legalizar o lobbying

O PSD vai votar contra a legalização do lobbying. Os sociais-democratas defendem que as regras criam um maior afastamento entre cidadãos e entidades públicas e políticas. CDS, PAN e PS querem discutir propostas para legalizar o …

Feitiço vira-se contra o feiticeiro. Flamengo é humilhado na Libertadores

O Flamengo sofreu a mais pesada derrota do clube na Taça Libertadores, após ter sido goleado por 5-0 pelos equatorianos do Independiente del Valle. Depois da eliminação do SL Benfica da Liga dos Campeões, às mãos …

Governo sabia do amianto em carruagens compradas à Renfe. É de fácil remoção, diz ministro

O ministro das Infraestruturas e da Habitação, Pedro Nuno Santos, disse esta quinta-feira que o Governo sabia que carruagens compradas à espanhola Renfe contêm amianto, mas que é de fácil remoção e voltou a considerar …

PJ pediu ajuda à Doyen para identificar Rui Pinto. Aníbal Pinto diz-se "chocado"

Em mais uma sessão do julgamento de Rui Pinto, esta quinta-feira, o investigador da Polícia Judiciária (PJ) José Amador admitiu ter contactado um advogado da Doyen para que o fundo de investimento acelerasse uma investigação …

Gareth Bale está de regresso ao Tottenham

O extremo galês Gareth Bale regressa ao Tottenham num empréstimo válido por uma temporada. Os Spurs também compraram Sergio Reguillon ao Real Madrid. Gareth Bale despediu-se na quinta-feira dos companheiros do Real Madrid, avança a imprensa …

Revelados novos petróglifos neolíticos nas cavernas da "Montanha Alienígena"

Um astrobiólogo e geólogo do Sri Lanka descobriu "petróglifos neolíticos únicos" muito diferentes dos até agora descobertos no Sri Lanka. Estas verdadeiras obras de arte foram esculpidas nas paredes das cavernas na lendária “Montanha Alienígena”. Segundo …

Rio questiona significado de saída de políticos da comissão de honra de Vieira

O presidente do PSD, Rui Rio, questionou esta quinta-feira qual o significado da saída de políticos como o primeiro-ministro da comissão de honra do recandidato a presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira. Numa publicação na sua …

Contrariada, Jamila Madeira sai do Governo de "consciência tranquila". Fenprof estranha jurista na Educação

A ex-secretária de Estado Jamila Madeira, que se manifestou "surpreendida" com a sua exoneração do Governo, salientou esta quinta-feira que vai continuar na vida política e que sai do executivo com contas positivas no Serviço …

Encontrado urso das cavernas com 22 mil anos intacto em ilha do Ártico (e ainda tem dentes)

Pastores de renas na remota ilha siberiana de Bolshoy Lyakhovsky descobriram o esqueleto inteiro deum  urso da caverna com tecidos moles ainda preservados após 22 mil anos enterrado no solo congelado. A Ilha Bolshoy Lyakhovsky - …

João Ferreira apresenta-se candidato de Abril (e não a “percentagens eleitorais”)

O eurodeputado João Ferreira apresentou, esta quinta-feira, a sua candidatura a Presidente da República pelo PCP em nome dos “valores de Abril” como um “espaço de convergência” e recusou fixar metas ou percentagens para as …