O “novo rei dos leões” admitiu hoje treinar (um dia) o FC Porto

O treinador do Sporting, Jorge Jesus, admitiu hoje, em entrevista ao jornal espanhol Marca, vir a treinar o FC Porto ou outro clube europeu, como o Atlético de Madrid, mas ressalvou que “de momento, está focado no Sporting”.

Numa entrevista em que é apelidado de “o novo rei dos leões”, Jorge Jesus foi questionado sobre a possibilidade de vir a treinar o FC Porto, depois das passagens pelo Benfica e, agora, o Sporting.

“Sim. Tenho de estar preparado para treinar todas as equipas do Mundo. Não seria o primeiro a treinar os três grandes, mas seria o primeiro se conseguisse ganhar o título com os três”, disse Jorge Jesus.

Após uma consideração do entrevistador de que se Jorge Jesus “ganhar o campeonato pelo Sporting será quase impossível ficar em Portugal”, a Marca pergunta pelo interesse do Atlético de Madrid.

Jesus responde que “se as circunstâncias forem apropriadas, logo se verá”.

“Mas neste momento estou feliz e vou aguardar serenamente. Ainda tenho dois anos de contrato com o Sporting, mas tudo é imprevisível para um treinador”, salientou Jorge Jesus, que elogiou também o Atlético de Madrid como “uma clube potente, um dos grandes de Espanha”.

Também elogiou o trabalho de Simeone à frente dos ‘colchoneros’ e ressalvou que “não seria simpático” da sua parte “dizer que poderia estar interessado no Atlético”.

O treinador do Sporting também admite, após insistência do jornalista sobre se é o melhor treinador português da atualidade, que é o melhor treinador português em Portugal.

À primeira pergunta, Jorge Jesus ainda respondeu que não faz ideia e que disso só poderiam falar os jogadores que trabalharam com ele.

Após a insistência, afirmou: “Não posso dizer, porque é subjetivo. O melhor treinador do mundo foi o Luís Enrique, porque ganhou a ‘Champions’ e ganhou tudo. Em Portugal, ganhei tudo nos últimos anos com o Benfica. Suponho que em Portugal devo ser o melhor“.

Sobre Julen Lopetegui, o treinador do Sporting disse que o problema do treinador basco, que saiu em janeiro do FC Porto sem ter conquistado títulos, tem um nome: “Jorge Jesus”.

“Lopetegui teve um problema em Portugal: um treinador ao qual não conseguiu ganhar nada. Chama-se Jorge Jesus. O problema de Lopetegui foi o Jorge Jesus, mas penso que é um bom técnico”, salientou.

Reafirmando que não se arrepende de ter saído do Benfica, Jorge Jesus reiterou que está confiante de que o Sporting poderá ser campeão esta época, 14 anos depois da última liga conquistada.

“Pensamos que sim, que é possível. Somos líderes, mas os nossos rivais são fortes. Estamos a fazer um trabalho com muita paixão, muito competente. Não acreditávamos que o primeiro ano nos poderia correr tão bem. Os adeptos voltaram a ter orgulho no seu clube”, disse Jorge Jesus.

Futebol 365

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

Benfica 2-0 Vitória SC | "Águia" vence e adia festa do Porto

Não foi esta terça-feira que o FC Porto festejou o 29º título de campeão nacional. Na recepção ao Vitória Sport Clube, o Benfica venceu por 2-0, num embate relativo à 32ª jornada da Liga NOS, …

Elon Musk lança concurso para ver quem consegue bater um caracol

O multimilionário, através da sua empresa especializada em construção de túneis, lançou um concurso mundial para ver quem é capaz de bater um caracol. De acordo com o jornal Daily Mail, Elon Musk lançou um concurso …

Covid-19. Tóquio quer pagar até quatro mil euros a bares que fiquem fechados

As autoridades de Tóquio, no Japão, estão a ponderar pagar um subsídio, que pode chegar aos quatro mil euros, aos bares que se mantenham fechados para conter a propagação da covid-19 na cidade. De acordo com …

Médicos franceses detetaram primeiro caso de bebé infetado no útero

Médicos em França pensam ter identificado aquele que será o primeiro caso confirmado de um bebé infetado com covid-19 no útero materno. De acordo com o site Business Insider, a equipa médica conta que a …

17 anos depois, Estados Unidos voltam a aplicar a pena capital a nível federal

Os Estados Unidos procederam, esta terça-feira, à primeira execução federal de um prisioneiro no "corredor da morte" em 17 anos, através de uma injeção letal. Daniel Lewis Lee, 47 anos, natural de Yukon (Oklahoma), foi executado …

Com o pretexto de paz, "senhor da guerra" vai ganhando poder na República Centro-Africana

O "senhor da guerra" Ali Darassa foi pago pelo presidente da República Centro-Africana e já influenciou a demissão de um ministro numa tentativa de manter a paz no país. A República Centro-Africana é um país atormentado …

Ministério Público acusa 25 arguidos pela queda do BES

O Ministério Público deduziu acusação, esta terça-feira, contra 25 arguidos, 18 pessoas singulares e sete pessoas coletivas, no âmbito do processo sobre a queda do Universo Espírito Santo. "O Ministério Público do Departamento Central de Investigação …

Agora, até o Toyota Corolla é um crossover

O Toyota Corolla Cross é o mais recente SUV da marca japonesa. Apesar de a marca estar a reforçar a sua gama de SUV, Portugal terá de esperar mais um pouco. Na semana passada, a Toyota …

Da Escócia à Grécia, Kleon pedalou durante 48 dias para regressar a casa

Um jovem grego, "preso" na Escócia devido ao cancelamento dos voos por causa da pandemia de covid-19, decidiu pedalar durante 48 dias consecutivos para conseguir regressar a casa. De acordo com a CNN, Kleon Papadimitriou, de …

Após fugirem da Venezuela, milhares foram obrigados a regressar por causa da pandemia (mas não é assim tão fácil)

Desde 2016, quase cinco milhões de venezuelanos deixaram o país, fugindo da pobreza e dos serviços sociais e de saúde em colapso. Agora, a pandemia de covid-19 forçou-os a regressar à Venezuela - se o …