O misterioso Urano está a emitir raios-X (mas não se sabe como)

Uma equipa de astrónomos detetou, pela primeira vez, raios-X emitidos por Urano, usando o Observatório de Raios-X Chandra da NASA. 

Urano é o sétimo planeta do Sol e tem dois conjuntos de anéis ao redor do seu equador. O planeta, que tem quatro vezes o diâmetro da Terra, gira de lado, o que o torna diferente de todos os outros planetas do Sistema Solar.

A Voyager 2 é a única nave espacial que voou por Urano. Assim, os astrónomos contam com telescópios mais próximos da Terra, como o Telescópio Espacial Hubble, para aprender sobre este planeta distante e frio que é composto quase inteiramente de hidrogénio e hélio.

Para aprender mais sobre Urano, uma equipa de investigadores usou o Chandra para observar o planeta em 2002 e novamente em 2017. Os cientistas viram uma deteção clara de raios-X a partir da primeira observação, que foi analisada recentemente, e um possível surto de raios-X nas observações obtidas 15 anos depois.

O que pode fazer com que Urano emita raios-X? Segundo um comunicado, principalmente o Sol. Os astrónomos observaram que tanto Júpiter como Saturno espalham a luz de raios-X emitida pelo Sol, de forma semelhante à forma como a atmosfera da Terra espalha a luz do Sol e torna o céu diurno azul claro.

Embora os autores deste novo estudo sobre Urano inicialmente esperassem que a maioria dos raios-X detetados também fossem de espalhamento, há indícios tentadores de que existe pelo menos uma outra fonte de raios-X.

Se outras observações confirmarem esta teoria, isto pode ter implicações intrigantes para o planeta.

Uma possibilidade é que os anéis de Urano produzam mais raios X do que o resto do planeta, como acontece com os anéis de Saturno. Urano tem um grande número de partículas muito energéticas no ambiente espacial ao seu redor. Se essas partículas energéticas colidirem com os anéis, farão com que os anéis brilhem em raios-X em comprimentos de onda que dependem da composição dos anéis.

Outra explicação pode ser que pelo menos alguns dos raios-X possam vir de auroras em Urano, um fenómeno que já foi observado neste planeta noutros comprimentos de onda.

Urano é um alvo especialmente interessante para observações de raios-X por causa das orientações incomuns do seu eixo de rotação e do seu campo magnético.

Enquanto os eixos de rotação e campo magnético dos outros planetas do Sistema Solar são quase perpendiculares ao plano da sua órbita, Urano é o único planeta cujo eixo de rotação é quase paralelo ao seu caminho ao redor do Sol.

O eixo do seu campo magnético também é deslocado por um ângulo anormalmente grande do seu eixo de rotação. Isso também pode resultar em auroras em Urano que são estranhamente complexas e variáveis ​​em diferentes comprimentos de onda.

Determinar a verdadeira fonte – ou fontes – dos raios-X de Urano pode ajudar os astrónomos a entender melhor como objetos mais exóticos no Espaço emitem raios-X e a aprender mais sobre este enigmático planeta gigante de gelo. 

  Maria Campos, ZAP //

 

PARTILHAR

RESPONDER

Cientistas estão a plantar mesas de xadrez de corais para restaurar recifes - e contam com a ajuda de garrafas de Coca-Cola

Nas últimas três décadas, os recifes de coral têm sofrido uma grande tensão e consequente destruição, devido ao impacto das alterações climáticas. Agora, os cientistas querem minimizar os danos e já encontraram uma solução. O objetivo …

Belenenses 0-4 Sporting | Melhor o resultado que a lesão

O Sporting, da I Liga, venceu hoje o Belenenses, do Campeonato de Portugal, por 4-0, em jogo da terceira eliminatória da Taça de Portugal de futebol, garantindo o apuramento para a próxima fase da competição. No …

Sintrense 0-5 FC Porto | Dragões goleiam e seguem em frente na Taça

O FC Porto, da I Liga, venceu hoje o Sintrense, do Campeonato de Portugal, por 5-0, em jogo da terceira eliminatória da Taça de Portugal de futebol, e segue em frente na competição. A jogar em …

Nova tecnologia usa calor dos estacionamentos subterrâneos para aquecer apartamentos

A startup Enerdrape, que funciona dentro da Escola Politécnica de Lausanne (EPFL), na Suíça, desenvolveu uma tecnologia que aproveita o calor emanado pelo solo no aquecimento de apartamentos. Quase 60% do aquecimento utilizado nos edifícios residenciais …

Pela primeira vez, um drone transportou os pulmões de um dador em segurança. Voo demorou seis minutos

Pela primeira vez na história da medicina, um drone aéreo transportou os pulmões de um dador com rapidez e segurança entre dois hospitais. O voo, que durou apenas seis minutos, ocorreu no passado dia 25 de …

Grupo de hackers clonou a voz de empresário para roubar 35 milhões de dólares do banco

Um grupo de hackers clonou a voz do diretor de uma empresa, conseguindo assim roubar mais de 35 milhões de dólares de um banco nos Emirados Árabes Unidos. No início do ano passado, o gerente de …

Portugueses comem duas vezes mais do que o recomendando

Os portugueses consumiram, em média, duas vezes mais calorias do que o recomendando para um adulto entre 2016 e 2020, ano em que a pandemia provocou uma redução do consumo de alimentos diário, mas ainda …

Aos 95 anos, a rainha Isabel II terá de abdicar da sua bebida favorita

A monarca foi aconselhada pelos médicos a abdicar do seu habitual martini de fim de dia, em antecipação a uma fase de agenda especialmente preenchida. Com 95 anos, a rainha Isabel II tem tido uma semana …

Médicos vão avaliar estado mental do atacante da Noruega

A investigação ao ataque com arco e flecha que na quarta-feira fez cinco mortos na Noruega reforçou, até agora, a tese de um ato devido a doença, anunciou hoje a polícia norueguesa. “A hipótese que foi …

Há mais de 100 anos, o Hawai teve uma monarquia - mas a força da princesa Ka'iulani não chegou para a preservar

Antes de morrer, com apenas 23 anos, a princesa Victoria Ka'iulani foi a última herdeira da coroa havaiana. A jovem era uma das últimas esperanças em manter a monarquia viva, mas nem a sua determinação …