O lince ibérico à altura de Picasso ou Saramago

Cerca de meia centenas de especialistas apresentaram uma proposta para colocar o lince ibérico “à altura de Picasso, Velázquez ou José Saramago”, num livro editado no âmbito da estratégia para conservar o felino mais ameaçado do mundo.

Intitulado “Ideias para conservar o lince ibérico. Novos contributos para a sobrevivência do felino mais ameaçado do mundo“, o livro reúne especialistas de diversas áreas, incluindo a ciência, a justiça, o meio agrícola ou a comunicação.

Entre outros, o presidente da Sociedade Espanhola para a Conservação e o Estudo dos Mamíferos (SECEM) – que edita a obra no âmbito do projeto Iberlince, defende ser necessário que a sociedade tenha orgulho de pensar na Ibéria como terra de linces.

“É preciso que os nossos embaixadores falem do lince ibérico e que inclusivamente o mencionem os altos responsáveis nas suas mensagens de Natal”, afirmou Miguel Delibes.

O lince ibérico está catalogado pela União Internacional para a Conservação da Natureza (UICN) como o felino mais ameaçado do mundo, com apenas 250 exemplares.

Uma das ideias é que este animal passe a ter conta no Twitter e nas outras redes sociais, segundo propõe o coordenador do Centro de Criação do Lince Ibérico “El Acebuche” de Doñana, Antonio Rivas.

“Seria uma grande ideia que o lince ibérico surgisse como espécie de bandeira e modelo de conservação a seguir e para isso é necessário que comece a piar no Twitter e que se informe sobre a situação deste felino, sobre os esforços que se estão a realizar para a sua conservação e sobre os resultados das investigações”, afirmou Rivas.

Além da comunicação, o documento contempla outras iniciativas, como a construção de uma “Rede de Municípios Linceiros de Espanha e Portugal”, que coordenassem ações comuns sobre medidas de conservação, difusão, comunicação e participação social, explica o biólogo António Gentil.

Esta rede de municípios deveria envolver todas as autarquias que alberguem populações estáveis de linces ou que sejam objeto de planos de reintrodução da espécie a curto e médio prazo.

Entre 1999 e 2002 só restavam 160 linces adultos e dois anos depois, durante o II Encontro Internacional sobre a Conservação do Lince Ibérico, concluiu-se que, ao recalcular os dados, a situação era afinal pior: restavam menos de 100.

Vinte anos antes havia 1.200 exemplares e em apenas duas décadas o número de linces caiu 86%, a área de distribuição 87%, o número de fêmeas reprodutoras 90%, e a área onde se registava reprodução regular 93%, pode ler-se no livro.

O lince ibérico começa a ocupar novos territórios, como Córdova, Jaén ou Castela a Mancha e o agente de meio ambiente de Andújar (Jaén), Aquilino Duque, acredita que o futuro próximo passa por aplicar “melhorias contínuas ao seu habitat”.

“O seu principal alimento, o coelho, já existe em densidades muito altas, portanto a atuação deve dirigir-se a proporcionar um mínimo de refúgio”, assinalou.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Balas que assassinaram John F. Kennedy preservadas em modelo 3D

A partir do próximo ano, os Arquivos Nacionais dos Estados Unidos vão disponibilizar, no seu catálogo online, imagens 3D das balas que assassinaram o antigo presidente norte-americano John F. Kennedy. Para criar os modelos das …

Pela primeira vez, neurónios artificiais foram criados para curar doenças crónicas

Uma equipa de investigadores conseguiu recriar as propriedades biológicas dos neurónios em chips, que podem ser úteis ajudar na cura de doenças neurológicas crónicas. Naquele considerado um feito única na ciência, investigadores da Universidade de Bath …

Cientistas encontram uma relação negativa "muito forte" entre inteligência e religiosidade

Uma equipa de investigadores sugere que pessoas religiosas tendem a ser menos inteligentes do que pessoas sem crenças religiosas. O estudo tem gerado uma grande controvérsia. A religião é um tema forte, capaz de juntar ou …

Descoberta nova espécie de tubarão pré-histórico que podia chegar aos sete metros

Uma nova espécie de tubarão pré-histórico foi descoberta no Kansas, nos Estados Unidos. Este predador podia crescer até quase sete metros de comprimento. De acordo com a revista Newsweek, Kenshu Shimada, da Universidade DePaul, e Michael …

Conhecido medicamento para diabetes pode conter um carcinógeno

A Food and Drug Administration, agência federal e reguladora do Departamento de Saúde e Serviços Humanos dos Estados Unidos, está a testar amostras de metformina, um medicamento para diabetes que pode conter o carcinógeno N-Nitrosodimetilamina …

Nobel da Física diz que o ser humano não está concebido para viver fora da Terra

Didier Queloz disse, este sábado, estar convencido de que o ser humano não está concebido para viver fora da Terra, razão pela qual está "zangado" com alguns argumentos do cofundador da Tesla, Elon Musk. Os suíços …

Ford está a reciclar palha de café do McDonald's. Quer transformá-la em peças de carro

https://vimeo.com/377768195 A Ford está a fabricar peças de carro através de palha de café reciclada do McDonald's. A iniciativa contribui para a redução da pegada ecológica e do desperdício alimentar. O combate às alterações climáticas cabe um …

Comité da ONU preocupado com condições das prisões em Portugal

As condições de detenção, a sobrelotação das prisões, o alegado uso da força e outros abusos contra pessoas pertencentes a grupos raciais e étnicos são as principais preocupações do Comité da ONU contra a Tortura …

Cientistas identificaram organismo que prospera ao comer meteoritos

O micróbio Metallosphaera sedula tem uma propensão para comer minerais. E não estamos a falar de granito ou giz, mas de rochas muito mais especiais como meteoritos. Segundo o Science Alert, uma equipa internacional de cientistas …

Médicos estrangeiros em Portugal atingem o valor mais alto da última década

O número de médicos estrangeiros registados em Portugal atingiu, em 2019, o valor mais elevado da última década, situando-se em 4192, mais 9,1% face a 2009, revelam dados da Ordem dos Médicos (OM). A maioria dos …