Nuvem de poeira do norte de África vai atingir o país. Onda de calor pode chegar a máximos históricos

Malton Dibra / EPA

A partir desta quarta-feira, Portugal vai enfrentar uma onda de calor que pode atingir “máximos históricos”. Face a isto, há 9 distritos com avisos vermelhos e 4 concelhos em risco máximo de incêndio. A estes fatores junta-se ainda uma nuvem de poeira oriunda do norte de África.

Pelo menos até ao próximo domingo, uma nuvem de poeira vai atingir todo o país. Pessoas com problemas respiratórios, crianças, idosos e grávidas são os grupos de maior risco que podem ser afetados com as partículas que vão pairar no ar.

Segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera, esta nuvem de areias finas será arrastada por uma massa de ar quente e seco vindo do norte de África e vai deixar o céu num tom amarelado. A Universidade de Atenas faz uma previsão do percurso desta nuvem de poeiras, que pode ser acompanhado em direto no seu site.

(dr) Foecast / Universidade de Atenas

Previsão da dispersão da nuvem de poeiras no próximo domingo pelas 00h

O país vai começar a sentir os efeitos das poeiras a partir desta quarta-feira, mas a nuvem poderá espalhar-se por todo o país até ao próximo domingo, dia 5 de agosto, de acordo com a previsão da Universidade de Atenas.

A presença de pequenas partículas no ar pode afetar toda a população, especialmente os que já sofrem com problemas respiratórios. Crianças, idosos e grávidas são os grupos que apresentam de maior risco. A poeira poderá causar tosse e irritação nos olhos, nariz e garganta.

Para evitar estes problemas, as autoridades aconselham a população a fechar as janelas, beber bastante água e evitar atividades ao ar livre. Além disso, devemos ainda evitar a exposição a outros fatores de risco – como o tabaco ou outros produtos irritantes.

Avisos vermelhos e risco máximo de incêndio

Portugal está, nesta terça-feira, com nove distritos com avisos vermelhos. Segundo o IPMA, a temperatura vai subir de forma acentuada a partir desta quarta-feira, mantendo-se muito elevada até ao fim de semana, com os avisos laranja a passarem a vermelhos – o nível mais grave.

Os distritos abrangidos pelo aviso vermelho por causa da persistência de valores elevados da temperatura máxima são Bragança, Évora, Guarda, Vila Real, Santarém, Beja, Castelo Branco, Portalegre e Guarda.

O IPMA adverte que as temperaturas máximas vão estar “muito acima dos valores normais para a época”, próximas dos 40ºC, com exceção da costa sul do Algarve, onde serão entre os 30 e os 35ºC.

No interior do Alentejo, Vale do Douro e do Tejo e Beira Baixa, a temperatura máxima deverá atingir valores da ordem dos 45°C, “podendo ser alcançados máximos absolutos em vários locais”.

Face à subida das temperaturas, há quatro concelhos em risco máximo de incêndio, nomeadamente os concelhos algarvios de Alcoutim, Tavira e Castro Marim e o município de Marvão, em Portalegre.

Perante à onda de calor que vai assolar o país, a Marinha e o Exército vão reforçar, com mais 19 patrulhas e 76 militares, o apoio à Proteção Civil entre hoje e domingo.

“Este reforço surge no seguimento do pedido de apoio da Autoridade Nacional da Proteção Civil às Forças Armadas, tendo como objetivo o incremento das ações de patrulhamento dissuasor no período referido, podendo estas ações ser prolongadas no tempo caso a previsão meteorológica assim o justifique”, lê-se no comunicado do Estado Maior General das Forças Armadas.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Em apenas três anos, a Austrália perdeu um terço dos seus coalas

A seca, os incêndios florestais e a desflorestação na Austrália levaram o país a perder um terço dos seus coalas nos últimos três anos. A Austrália perdeu cerca de 30% dos seus coalas nos últimos …

Há modelos matemáticos que preveem se uma música vai ser viral — os mesmos utilizados com a covid-19

O uso de modelos matemáticos para antecipar o nível de sucesso de uma música pode começar a ser usado, a partir da publicação do presente estudo, por artistas e editoras para melhorar o desempenho dos …

Alemanha. Funcionário de posto de combustível abatido a tiro por cliente que se recusou a usar máscara

Um homem de 49 anos matou um funcionário de um posto de combustível na Alemanha, após tentar comprar cerveja sem utilizar a máscara. No país, o uso deste equipamento de proteção é obrigatório para entrar …

Um violino gigante flutuou no Grande Canal de Veneza (ao som de Vivaldi)

No passado fim de semana, um violino gigante, com quase 12 metros de comprimento, desceu o Grande Canal de Veneza. A bordo estava um quarteto de cordas, que tocou Four Seasons de Vivaldi. O Noah's Violin …

Assembleia de credores aprova recuperação da Groundforce

Esta quarta-feira, os credores da Groundforce aprovaram a recuperação da empresa. Em causa está uma dívida de 154 milhões de euros. Os credores da Groundforce, reunidos esta quarta-feira em assembleia de credores, no tribunal de Monsanto, …

Europeus acreditam numa "guerra fria" entre os EUA e a China e Rússia

A maioria dos cidadãos da União Europeia (UE), 62%, considera que os Estados Unidos (EUA), com apoio das instituições comunitárias, estão numa nova "guerra fria" com a China, mas recusam envolvimento nacional, revelou um inquérito …

Desenho de Van Gogh esteve guardado mais de 100 anos. Agora, é exibido pela primeira vez

O Museu de Amesterdão, nos Países Baixos, ganhou um novo inquilino: Study for 'Worn Out', um desenho recém-descoberto de Vincent van Gogh. O holandês Vincent van Gogh ainda continua a impressionar o mundo inteiro com a …

No Afeganistão, as professoras estão prontas para desafiar o regime talibã

No Afeganistão, as professoras estão prontas para desafiar o regime talibã, com receio de que os avanços dos últimos 20 anos tenham sido conquistados em vão. A Vice falou com algumas professoras afegãs que garantem continuar …

Apenas um terço das crianças em 91 países tem acesso a uma alimentação adequada, alerta UNICEF

Apenas um terço das crianças com menos de dois anos em 91 países em desenvolvimento têm acesso aos alimentos que necessitam para um crescimento saudável, revelou um relatório da UNICEF, apontando que nenhum progresso foi …

Preços das casas voltaram a aumentar no segundo trimestre

Entre abril e junho, o índice de Preços da Habitação (IPHab) cresceu 6,6% em termos homólogos. A revelação foi feita esta quarta-feira pelo Instituto Nacional de Estatística (INE). O Índice de Preços da Habitação (IPHab) cresceu …