Numa década urgências duplicam nos hospitais privados

 

ABr

-

O atendimento em serviço de urgência quase duplicou numa década nos hospitais privados, que registaram também um reforço do número de camas de internamento, ao contrário dos hospitais públicos, segundo dados do Instituto Nacional de Estatística (INE).

A propósito do Dia Mundial da Saúde, que se assinala na segunda-feira, o INE divulgou hoje estatísticas referentes à área da saúde, tendo analisado dados entre 2002 e 2012.

“A evolução nos hospitais privados é marcada por sucessivos acréscimos”, refere o boletim do INE, mostrando que o atendimento em urgência nos hospitais privados praticamente duplicou.

Em 2002, os hospitais privados efetuaram cerca de 460 mil atendimentos nos serviços de urgência e em 2012 esse número ultrapassou os 800 mil, correspondendo a 11,6% do total de atendimentos nos hospitais portugueses.

Já nos hospitais oficiais, públicos, o atendimento nas urgências manteve-se estável entre 2002 e 2010, tendo decrescido depois até 2012, com uma redução de 4,8%.

Ainda assim, os hospitais públicos atendem 88% dos casos de serviços de urgência, tendo, em 2012, atendido 7,3 milhões de situações.

No que respeita às camas de internamento, a década de 2002 a 2012 é marcada “por duas tendências de sentido contrário: diminuição contínua do número de camas nos hospitais oficiais e um reforço constante de camas nos hospitais privados”.

Em dez anos, o número de camas de internamento nos hospitais do Serviço Nacional de Saúde baixou em três mil, enquanto os privados passaram a ter mais 1.400 camas.

Também os internamentos diminuíram nos hospitais públicos na década em análise, enquanto cresceram nos privados.

Contudo, 80,5% dos internamentos nos hospitais portugueses ocorrem nas unidades públicas.

/Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Estes dados só surpreendem quem anda distraído, pois há mais de uma década que os insignes ministros da saúde têm sido “recrutados” aos Serviços Privados de Saúde, designadamente da Banca e Seguradoras. O “único” problema nesta opção política (legítima, mas que deveria ser enunciada de forma clara e não às escondida para que pudesse ser sufragada ou rejeitada num ato eleitoral) é falar-se sistematicamente em defesa do SNS enquanto na prática se trabalha em sentido contrário.

Responder a Eu! Cancelar resposta

Esta sexta-feira, a condenação ao comunismo e ao nazismo vai ser debatida no Parlamento

O debate sobre a resolução do Parlamento Europeu que condenou o comunismo e o nazismo chega esta sexta-feira à Assembleia da República, em Lisboa. De acordo com o Observador, de um lado, os partidos mais à …

Mexia não vai deixar que chineses interfiram no plano estratégico da EDP

O presidente da EDP, António Mexia, garantiu que não vai deixar que nenhum acionista impeça o desenvolvimento do plano estratégico da empresa, deixando o aviso à China Three Gorges. Em entrevista concedida ao Jornal Económico, António …

Impostos indiretos subiram com Governo de Costa e são já 55% da carga fiscal

Os impostos indiretos têm vindo a aumentar em Portugal. Dados da Direção-Geral do Orçamento mostram que o peso da tributação indireta no total da receita fiscal do subsector Estado, em 2018, ascendeu a 55,4%, o …

Espanha pode ficar isenta de cumprir caudais do rio Tejo por causa da falta de chuva

Os caudais do Tejo podem ficar ainda mais baixos dentro de semanas. Com a falta de chuva, Espanha deverá invocar a exceção prevista na Convenção de Albufeira para não libertar os valores mínimos de água …

Haaland tem cinco namoradas e meio mundo atrás dele (mas pode seguir o caminho da Red Bull)

Apesar do interesse de grandes clubes do futebol mundial, Haaland pode seguir o trilho da Red Bull e transferir-se para do Salzburg para o Leipzig. O norueguês é uma das maiores jovens promessas da atualidade. Erling …

PSD pondera propor fim dos debates quinzenais e torná-los mensais

O PSD está a ponderar apresentar uma proposta para acabar com os debates quinzenais com o primeiro-ministro e torná-los mensais. A proposta passa também pela substituição de um desses "duelos" atuais por um debate temático …

Segunda vítima mortal nos protestos de Hong Kong. Xi Jinping condena manifestações

O quarto dia consecutivo de protestos ficou marcado pela morte de um homem de 70 anos. Esta é a segunda vítima mortal desde o início das manifestações em Hong Kong. De acordo com a imprensa internacional, …

Governo prepara dois novos escalões de IRS para a classe média

O primeiro-ministro afirmou esta quinta-feira que o objetivo do Governo no próximo Orçamento é dar “um primeiro passo” para conferir uma maior progressividade no IRS e diminuir o peso deste imposto sobre os vencimentos da …

Dois procuradores do caso Tancos vão sair do DCIAP

Os procuradores Vítor Magalhães e João Valente, da equipa que investigou o caso Tancos, vão sair do Departamento Central de Investigação e Ação Penal (DCIAP) no âmbito do movimento de magistrados do Ministério Público (MP), …

Cerca de 40% dos hospitais têm ruturas diárias de medicamentos

Os preços "excessivamente baixos dos medicamentos genéricos" são a causa mais importante identificada pelos hospitais para as ruturas de fornecimento. Quase 40% dos hospitais do Serviço Nacional de Saúde (SNS) indicam ter diariamente ruturas no fornecimento …