/

Cientistas descobrem novo tipo de supercondutor

1

Uma equipa de cientistas identificou, pela primeira vez, um supercondutor de onda G. A investigação marca um grande desenvolvimento nesta área da Física.

Investigadores da Universidade de Cornell, nos Estados Unidos, encontraram um novo tipo de supercondutor, uma classe de materiais que pode transmitir energia com eficiência de quase 100%, sem oferecer resistência elétrica, avança o Science Alert.

Se, por um lado, são materiais com um enorme potencial, os supercondutores têm também uma característica que dificulta o seu uso, uma vez que precisam de ser arrefecidos a temperaturas muito baixas. Aliás, um dos materiais mais comuns, composto por Ítrio, Bário e Óxido de Cobre (YBCO), precisa de ser arrefecido a -180 ºC para exibir características supercondutoras.

É por este motivo que o “santo graal” dos físicos é descobrir um supercondutor à temperatura ambiente, capaz de funcionar acima dos 0 ºC. Uma descoberta deste tipo revolucionaria por completo a tecnologia.

O Science Alert explica que os supercondutores podem ser divididos em duas categorias, de acordo com a orientação dos pares de coopper, formados pelos seus eletrões. Num supercondutor onda S, os eletrões apontam diretamente um para o outro, cancelando o momento angular.

Já os supercondutores onda D têm os eletrões numa orientação diferente, o que gera um momento angular positivo num eixo e negativo no outro – ou seja, duas unidades de momento angular.

A nova categoria – onda G – foi descoberta graças a uma análise espectroscópica ressonante de um material chamado rutenato de estrôncio, que tem um momento angular que não pode ser classificado em nenhuma das categorias acima descritas. O artigo científico com a descoberta foi publicado recentemente na Nature Physics.

  ZAP //

1 Comment

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.