Novo planeta anão descoberto no nosso Sistema Solar

JPL-Caltech/T. Pyle (SSC) / NASA

Conceito artístico do 2014 UZ224, o novo planeta anão do nosso sistema solar

Conceito artístico do 2014 UZ224, o novo planeta anão do nosso sistema solar

Uma equipa de cientistas norte-americanos identificou um novo planeta anão no Sistema Solar, a cerca de 13,6 mil milhões de quilómetros de distância do sol – quase o dobro da distância da maior lua de Plutão, Caronte (7,3 mil milhões de quilómetros).

O objeto, conhecido como 2014 UZ224, demora 1.100 anos a completar uma única órbita à volta do sol – e poderá juntar-se, em breve, ao grupo de cinco planetas anões que inclui Ceres, Eris, Haumea, Makemake e Plutão.

Os cientistas ainda não sabem qual é a direção da órbita do 2014 UZ224, mas destacam que é o terceiro objeto mais distante da estrela central do Sistema Solar.

O planeta anão foi descoberto por uma equipa de estudantes liderados pelo físico David Gerdes, da Universidade de Michigan, nos EUA.

Este objeto transneptuniano – para lá da órbita de Neptuno – foi detetado a partir de um enorme mapa de galáxias criado para um projeto chamado de Dark Energy Survey – que inclui a observação do céu uma vez por semana.

Enquanto que as estrelas e galáxias aparecem sempre no mesmo lugar, um objeto que esteja relativamente próximo da Terra, em órbita do sol, pode mover-se ao longo de uma ou algumas semanas.

A equipa usou um software de computador especializado para confirmar que o que estavam a observar era realmente um objeto – o que demorou anos.

Segundo David Gerdes, às vezes os especialistas observam algo que só voltam a conseguir observar duas semanas mais tarde, e que depois desaparece e só volta cinco noites depois.

“O problema de unir os pontos é muito desafiador”, destacou.

Planeta anão ou não, eis a questão

A descoberta foi confirmada pela União Astronómica Internacional, mas ainda não se sabe se o objeto irá ou não ser considerado um planeta anão do nosso Sistema Solar.

Tanto o 2014 UZ224 como outro planeta anão descoberto em julho, chamado 2015 RR245, preenchem os critérios necessários para serem considerados planetas anões – o mais importante é que seja grande o suficiente para se tornar redondo devido à sua própria atração gravitacional.

O notório “assassino de Plutão”, Mike Brown, astrónomo do Instituto de Tecnologia da Califórnia, nos EUA, explica que qualquer coisa maior que 400 km de diâmetro no Cinturão de Kuiper é redonda, e, portanto, poderia qualificar-se como um planeta anão.

Estima-se que 2014 UZ224 tenha um diâmetro de cerca de 530 km.

No entanto, a classificação de planetas anões é relativamente nova – foi criada em 2006, com a proposta de Brown para retirar Plutão – e pode ser subjetiva.

Alguns astrónomos poderão argumentar que o objeto recém-encontrado é demasiado pequeno para ser considerado um planeta anão, visto que o menor objeto que ganhou esse título foi Ceres, com 950 km de diâmetro.

Até hoje, apenas cinco planetas anões foram oficialmente reconhecidos, mas os cientistas desconfiam que existam centenas de outros à espreita no Cinturão de Kuiper, para lá da órbita de Netuno, repleta de cometas, asteróides e pequenos organismos planetários.

ZAP / Ciberia

PARTILHAR

RESPONDER

Centeno com apoios de peso para recandidatura ao Eurogrupo

Ao que tudo indica, o ministro das Finanças não deverá ter grande oposição em Bruxelas caso queira um segundo mandato como presidente do Eurogrupo. De Bruxelas chegam notícias de que Mário Centeno já terá apoios para …

Bruno Lage: "Respeito as opiniões, mas sou eu o treinador"

O Benfica venceu com uma goleada, esta sexta-feira, no terreno do Boavista (4-1) e aumentou provisoriamente para cinco pontos a vantagem sobre o FC Porto na liderança do campeonato. No final do jogo, o treinador do …

Homem fez-se passar por assessor de Marcelo para roubar donativos para Pedrógão

Um homem fez-se passar por assessor de Marcelo Rebelo de Sousa tentar enganar os donos do Grupo Solverde e da Casa Ermelinda Freitas, pedindo dinheiro para as vítimas de Pedrógão Grande, que foi devorada pelas …

PCP quer referendo à regionalização em 2021

O líder parlamentar comunista anunciou, esta sexta-feira, a entrega no Parlamento de um projeto de resolução com o calendário da criação das regiões administrativas em 2021, incluindo um referendo entre abril e junho daquele ano. "PS, …

Alcochete. Jogadores vão testemunhar por videoconferência

O coletivo de juízes que está a julgar o processo do ataque à academia de Alcochete, no Tribunal de Monsanto, decidiu, esta sexta-feira, que os jogadores do Sporting testemunhem por videoconferência. O Sporting, na qualidade de …

"Todos os caminhos levam a Putin". Donald Trump deverá ser acusado formalmente nos próximos dias

Os democratas estão a desenvolver o processo de destituição de Donald Trump, reforçando o foco na Federação Russa e nas ligações ao Presidente da Rússia, Vladimir Putin, quando começam a esboçar o texto acusatório do …

Marcha pelo Clima juntou milhares em Madrid. Greta saiu por recomendação da polícia

Milhares de pessoas participaram, esta sexta-feira, em Madrid, na Marcha pelo Clima, encabeçada pela jovem ativista ambiental sueca, que teve de abandonar a manifestação por recomendação da polícia. A Marcha pelo Clima começou às 18h00 locais, …

City vs United. Em Manchester, há uma guerra anónima a ser travada entre oriente e ocidente

Este sábado, Manchester City e Manchester United defrontam-se dentro de campo. Mas fora das quatro linhas decorre uma batalha oculta pelo domínio ideológico de gestão. O dérbi de Manchester é sempre um confronto importante no calendário …

Múmias milenares tinham tatuagens escondidas (e já podemos vê-las)

As tatuagens escondidas em antigas múmias egípcias estão agora a ser reveladas pelos cientistas, usando uma nova tecnologia de infravermelho, permitindo vislumbrar como os membros da sociedade há três mil anos viviam e trabalhavam. Tatuagens semelhantes …

Miguel Albuquerque avisa: deputados madeirenses do PSD podem viabilizar OE

O presidente da estrutura regional do PSD/Madeira, Miguel Albuquerque, disse esta sexta-feira que os três deputados na Assembleia da República poderão votar o Orçamento do Estado caso as reivindicações da região estejam asseguradas. “O Orçamento do …