/

Novo Banco vai receber 11 milhões de fundo imobiliário do GES

O banco reclama um valor perto dos 60 milhões de euros e vai agora recuperar parte do crédito que foi dado ao Invesfundo ainda no tempo do BES.

O Novo Banco vai receber mais 2,4 milhões de euros de um fundo imobiliário do antigo Grupo Espírito Santo (GES), que entrou em insolvência no ano passado, avança o ECO.

O Invesfundo III nasceu em 2006 e foi criado pelo GES para o desenvolvimento do Douro Atlantic Garden, um projecto imobiliário em Vila Nova de Gaia que foi financiado a 100% pelo Banco Espírito Santo, mas que nunca foi para a frente. O fundo entrou em insolvência em Junho de 2020.

Depois do colapso do BES em 2014, o Invesfundo III deixou dívidas de quase 58 milhões de euros para com o Novo Banco, mas o valor foi baixando com a alienação dos imóveis feita pelo administrador de insolvência, o quer permitiu reembolsar 8,7 milhões de euros à instituição liderada por António Ramalho.

Com este novo pagamento, o Novo Banco vai por enquanto recuperar 11 milhões dos 58 milhões de euros reclamados. Segundo avança o administrador de insolvência, propostas no valor de 19 milhões de euros para a venda de 13 lotes já foram aceites, faltando apenas a escritura de compra-venda.

A massa insolvente já recebeu 3,2 milhões de euros referentes a sinais e há ainda quatro lotes sem ofertas avaliados em 8,4 milhões. As “entradas futuras expectáveis” serão superiores a 24 milhões de euros e servem para aliviar as perdas do Novo Banco.

  ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.