Novo Banco vendeu 13 mil imóveis, deu crédito e foi compensado pelo Estado pelas perdas

Na alienação de 13 mil imóveis do portefólio Viriato, realizada em 2018, o Novo Banco foi o vendedor e, ao mesmo tempo, o financiador de um fundo de investidores anónimos nas ilhas Caimão.

O Novo Banco vendeu 13 mil imóveis do portefólio Viriato a um fundo de investimento com sede nas ilhas Caimão, cuja identidade dos proprietário é desconhecida. O banco financiou o fundo de investimento na compra dos imóveis, mas este negócio gerou perdas. Estas foram compensadas pelo Fundo de Resolução, avança o Público esta terça-feira.

O fundo de investidores anónimos nas ilhas Caimão comprou milhares de casas em Portugal e Espanha, a um preço baixo, sendo que não arriscou os mais de mil milhões de dólares dos seus investidores porque a compra que fez ao Novo Banco foi garantida por um empréstimo do próprio banco vendedor.

Apesar de estarem avaliados em 631 milhões de euros, os 5.552 imóveis e 8.791 frações foram vendidos por 364 milhões.

Em março do ano passado, a Helena Roseta criticou esta operação, classificando-a de “pechincha”. A deputada defendia que, aquele preço, o imobiliário não estratégico do Novo Banco deveria ficar na posse do Estado.

O prejuízo contabilístico do negócio foi coberto pelo Fundo de Resolução que, adianta o Público, se compromete a injetar dinheiro sempre que as contas do Novo Banco fiquem ameaçadas.

O diário refere ainda que este foi o maior negócio imobiliário realizado em Portugal nos últimos anos e o segundo maior da Península Ibérica.

Recorde-se que, esta segunda-feira, a instituição liderada por António Ramalho entregou à Procuradoria-Geral da República (PGR) a documentação relativa aos grandes pacotes de vendas de imóveis. Os projetos Viriato e Sertorius foram os mais desastrosos.

O banco antecipa-se, assim, ao pedido de António Costa para que o Novo Banco fosse impedido de realizar mais alienações até que fosse divulgada a auditoria aos seus atos de gestão.

ZAP //

PARTILHAR

9 COMENTÁRIOS

  1. O Novo Banco é mais um desastre para todos nós, que estamos a pagar os fundos de resolução e o desgoverno a injector dinheiro nosso, para depois fazerem negócios desastrosos, como está aqui dito. Acabem com esse banco de ladrões. Já….

  2. E a historia continua. Até quando vão os contribuintes PAGAR este tipo de disparates ? E não venham dizer que é o Fundo de Resolução que paga, porque no FINAL de tudo quem PAGA é o contribuinte… BANDALHOS

  3. Isto é uma vergonha a todos os níveis, e de uma desfaçatez e arrogância máximos, estamos a falar de negociatas que além de mexer e abusar diretamente do dinheiro de todos os contribuintes ainda vão causar danos colaterais ao manipular e especular o mercado imobiliário acabando por prejudicar duplamente quem compra e aluga habitação nestas cidades. Uma vergonha absoluta e que deveria ter consequências políticas sérias.

  4. Pronto aí estão eles em bicos de pés! há quantos anos andam a fechar os olhos, já não deve haver nada para sacar? Chamem a Polícia.

  5. Isto vai lindo e nem Banco de Portugal, nem governo dão por nada, só se apercebem quando o mesmo Banco nos pede mais dinheirinho e aí sim! São ouvidos e atendidos. Agora vamos ter um governador do BP que, na prática, tem andado metido no meio de toda esta tramoia, estamos tramados!

    • Hahahaaa…
      O governo do Passos e o anterior governador do BdP criam o Novo Banco (o tal banco bom, como lhe chamaram!!), mas o Centeno, que é governador BdP há dias, é que “tem andado metido no meio de toda esta tramoia”??
      Brilhante!…

  6. Para quando o fim deste cancro nacional que é a corrupção descarada que se encontra instalada?Já não hà vergonha?Basta!Isto não pode continuar…o que andam a fazer as entidades competentes?O sr salgado ainda não foi condenado porquê? Quando é que Portugal se torna um país decente e como deve ser?Se o pais é ingovernável, então chamem alguém da União Europeia para colocar ordem nesta bandalheira total, soberania qual soberania? Já não importa…o povo Português não merece isto…estes bandalhos estão a gamar os Portugueses diariamente…só nos resta rezar e esperar um milagre…

  7. Continuo fascinado com a doutrina de Bruxelas e por acréscimo Portugal em relação a uma entidade comercial com cunho e acionistas privados. Eu tenho um curso direito e como tal sou uma pessoa informada legalmente. O princípio da empresa comercial quando ch3ga a este estado so tem de chamar os acionistas, salvam a empresa ou fecham a empresa. O estado não deveria ser chamado. Isto não é uma empresa estatal e muito menos estratégica. Continuam a delapidar o dinheiro do povo com estas injecoes de dinheiro intermináveis. Quando se diz que Bruxelas aprovou ou alguns países aprovaram… quer dizer que o povo vai pagar a factura + estudos+ supervisores + mais juros + troikas = a penhora das futuras gerações. O nosso pais perdeu a independência e os nossos politicos não batem o pé a esta sangria. Isto so posso chamar de incompetência. E a ilegalidade da suposta ajuda a Portugal por Bruxelas quando veio a Troika foi completamente ilegal passar o fardo bancário e empresas de credito para o contribuinte. Simplesmente tínhamos fechado todas as empresas de crédito ou empresas estatais não estratégicas imediatamente. Temos o exemplo da Islandia…vejam a sua economia hoje e foi um exemplo de prisões que foram efectuadas.

RESPONDER

Marques Mendes antecipa "princípio do fim do ciclo de António Costa"

No seu habitual espaço de comentário televisivo na SIC, Luís Marques Mendes disse que os recentes erros de António Costa nas últimas semanas revelam "sinais de que estamos no princípio do fim de um ciclo …

Para o Bloco, só há uma saída para vencer a crise: proteger o emprego

Para vencer a crise provocada pela pandemia de covid-19, as soluções apresentadas pelo Governo devem "responder às pessoas", considera Catarina Martins. A coordenadora do Bloco de Esquerda, Catarina Martins, considerou este domingo que “proteger o emprego …

Nélson Semedo está a caminho do Wolverhampton

Há mais um português a caminho do Wolverhampton. Nélson Semedo deverá ser oficializado esta semana, voltando a aumentar o contingente português na equipa de Nuno Espírito Santo. Nélson Semedo está muito perto de ser anunciado como …

Plano Costa e Silva. Costa procura consensos, partidos apresentam lista de preocupações

António Costa vai receber hoje e amanhã os partidos para falar sobre o programa de recuperação da economia, com o plano de Costa Silva como ponto de partida do encontro. Os partidos já deixaram algumas pistas …

Pirlo tem plano para gerir cansaço de Cristiano Ronaldo

O novo treinador da Juventus, Andrea Pirlo, tem um plano para gerir a forma física de Cristiano Ronaldo ao longo da temporada. O internacional português tem 35 anos e cumpre a sua 19.ª temporada como …

Entre lágrimas e após três tentativas, lista dirigente de Ventura foi aprovada

O presidente do Chega conseguiu, este domingo, à terceira tentativa, a maioria de dois terços dos votos exigida para eleger a sua direção na II Convenção Nacional, em Évora. Apenas às 20h02 foram proclamados os resultados …

Marcelo é o único que resiste ao desgaste da pandemia. Governo e oposição em queda

O único que está a conseguir resistir ao desgaste político provocado pela pandemia de covid-19 é o Presidente da República, numa altura em que o PS e o PSD surgem em queda nas intenções de …

Três camisolas e uma vitória histórica. Tadej Pogacar é o vencedor do Tour

O ciclista esloveno Tadej Pogacar (UAE Emirates) venceu a 107.ª Volta a França, ao cortar a meta, nos Campos Elísios, integrado no pelotão, no final da 21.ª e última etapa conquistada pelo irlandês Sam Bennett …

Afinal, os vikings não eram loiros nem tinham olhos azuis (e também não eram da Escandinávia)

Um estudo revelou que os Vikings afinal não eram loiros nem provenientes da Escandinávia. O estudo, realizado através da análise de ADN, conclui ainda que indivíduos que não eram vikings foram enterrados como tal. Normalmente, a …

Emmys 2020: "Succession" é a série do ano, "Schitt’s Creek" e "Watchmen" em destaque

A segunda temporada de “Succession”, da HBO, venceu esta madrugada o prémio de Melhor Série Dramática na 72.ª cerimónia dos prémios Emmy, que decorreu em Los Angeles, EUA, sem público por causa da pandemia. Centrada em …