Novas regras para viagens internacionais nos EUA entram em vigor esta segunda-feira

Novas regras que exigem que passageiros de viagens aéreas internacionais que chegam aos Estados Unidos tenham um teste covid-19 negativo, realizado nas 24 horas anteriores ao voo, entram em vigor na próxima segunda-feira.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

De acordo com as regras atualmente em vigor, os passageiros vacinados provenientes de outros países podem apresentar um teste à covid-19 negativo que tenha sido realizado até três dias antes da partida. Já os viajantes não vacinados devem apresentar um teste covid-19 negativo realizado nas 24 horas anteriores à partida.

Mas as restrições vão mudar já a partir de segunda-feira.

Rochelle Walensky, diretor do Centro de Controlo e Prevenção de Doenças (CDC, na siga em inglês), considera que devem ser tomadas “medidas rápidas e específicas para ajudar a reduzir a introdução e propagação da variante Omicron nos Estados Unidos” e o CDC garantiu que a partir de segunda-feira “todos os viajantes aéreos, independentemente da cidadania ou do estatuto de vacinação, terão de apresentar um teste negativo antes da partida, realizado na véspera do embarque”.

O calendário de testes mais apertado “proporciona um grau adicional de proteção da saúde pública à medida que os cientistas continuam a avaliar a variante Omicron”, disse o governo norte-americano, esta quinta-feira.

As restrições não incluem, no entanto, as viagens internacionais terrestres entre os Estados Unidos e o Canadá ou o México.

Espera-se que o CDC conceda às companhias aéreas um período de carência de três dias para permitir que alguns viajantes regressem aos Estados Unidos com testes realizados fora do período de um dia, escreve a Reuters.

  ZAP //

 

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.