Há uma nova maneira de medir a gravidade da Terra

Uma equipa de cientistas descobriu uma nova forma única de medir a gravidade da Terra. O método anterior envolvia medir a influência da gravidade nos átomos, rastreando a rapidez com que os átomos caíam.

O problema é que nas experiências feitas com este método, os tubos em que os átomos caíam eram difíceis de proteger de interferências ambientais. Como tal, uma equipa de cientistas norte-americanos da Universidade da Califórnia arranjaram uma nova maneira de medir a gravidade.

O Tech Explorist explica que esta nova técnica envolve observar como é que os átomos se comportam quando estão suspensos no ar, em vez de estarem em queda. Na opinião dos cientistas, este método pode ser melhor para sondar as forças gravitacionais exercidas em pequenos objetos.

Esta inovação pode ainda ter aplicações práticas na nossa sociedade, uma vez que esta técnica pode ser usada para medir ligeiras variações gravitacionais. Isto pode ajudar a mapear o fundo do mar ou encontrar petróleo e minerais no subsolo da Terra.

Para chegarem a esta conclusão, os investigadores lançaram uma nuvem de átomos de césio no ar e usaram flashes de luz para dividir cada átomo num estado de superposição. Seguidamente, prenderam esses átomos divididos no ar com a luz de um laser.

A partir daí, para medir a força gravitacional da Terra naquele local basta rastrear a rapidez com que a ondulação das duas versões de um átomo fica fora de sincronia. A experiência está descrita com mais detalhe no estudo publicado este mês na revista científica Science.

Alan Jamison, físico do MIT, disse que esta nova técnica é “muito impressionante” e acredita que “é uma grande promessa para medições mais controladas” da gravidade. O físico realçou ainda que, com o método antigo, era muito mais complicado fazer a medição.

“Digamos que você não queria medir a gravidade de toda a Terra, mas deseja medir a gravidade de uma coisa pequena, como mármore. Precisamos de colocar a mármore perto dos nossos átomos. Numa instalação tradicional de queda livre, os átomos passavam pouco tempo perto da mármore — milissegundos — e teríamos muito menos sinal“, explicou o coautor do estudo, Holger Müller.

ZAP //

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. Esta gentinha nem sabem o que estão a medir, nunca provaram nem explicaram empiricamente o fenómeno, que não é mais que a densidade. Leram todos pelos mesmos livros… É pior eram obrigados a saber o que lá estava escrito, sem pensarem se era verdade. Ilusionistas…

  2. A gravidade…que não existe…é um ilusão dominante…mas afinal a gravidade nunca foi provada, não passa de uma teoria e isso…é grave!!!

RESPONDER

Empresa quer vender dispositivos que extraiem água potável do ar

A empresa israelita Watergen está a planear começar a vender uma versão para o consumidor do seu aparelho que extrai água potável do ar ainda este ano. A tecnologia do gerador atmosférico da empresa está em …

"Sem padrinhos, nem donos". Líder da JP levanta congresso centrista

O candidato à liderança do CDS Francisco Rodrigues dos Santos arrancou este sábado no congresso centrista, que está a decorrer em Aveiro, a maior ovação dos delegados, com um discurso inflamado, em defesa de um …

Quando chegaram à Europa pela primeira vez, as batatas eram "hereges"

Os espanhóis foram os primeiros europeus a encontrar batatas na América do Sul nos anos 1530. Porém, quando foram trazidas para o Velho Continente, não foram bem recebidas por todos. Depois de terem sido encontradas pelos …

Ano vai ser "inevitavelmente" de contestação social, avisa CGTP

O secretário-geral da CGTP, Arménio Carlos, disse esta sexta-feira que este ano vai ser “inevitavelmente” de contestação social se o Governo e as empresas continuarem a insistir num modelo de baixos salários. O líder da intersindical …

Maior ameaça ao crescimento português vem de Espanha

Diz o ditado popular que de Espanha nem bom vento, nem bom casamento. Mas, na verdade, o crescimento económico do país vizinho tem contribuído para puxar pela economia portuguesa. Agora, quando se prevê um abrandamento …

Cabo Verde esteve sem Internet durante 24 horas

O arquipélago de Cabo Verde voltou a ter acesso à Internet na tarde desta sexta-feira, cerca de 24 horas depois de uma instabilidade provocada por falhas no fornecedor internacional do serviço. O país tinha ficado sem …

Ventura em operação de charme no Porto depois de um atraso muito criticado no Parlamento

O deputado André Ventura, eleito pelo Chega, tem agendada para este sábado uma verdadeira operação de charme no Porto, com encontros com o presidente da Associação Comercial do Porto e com apoiantes do partido. Iniciativas …

Assistente social acusada de maltratar 14 crianças em centro de acolhimento

O Ministério Público (MP) acusa uma mulher de 46 anos, que era assistente social e diretora técnica de um centro de acolhimento na Maia, no distrito do Porto, de maltratar 14 crianças nesta instituição. De …

Marcelo não vê razão de preocupação com empresas portuguesas de Isabel dos Santos

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, disse esta sexta-feira ter sinais de que não há razão para preocupação nos setores económicos e empresas portuguesas nas quais a Isabel dos Santos está a vender …

Mina de lítio em Montalegre. "Impactes negativos minimizáveis” e 370 empregos

O Estudo de Impacte Ambiental (EIA) da concessão de exploração de lítio, em Montalegre, conclui que o projeto possui “impactes negativos” que, no entanto, “não são significativos”, “são minimizáveis” e de “abrangência local”. O EIA do …