Nissan anuncia despedimento de 12.500 trabalhadores

O grupo automóvel japonês Nissan anunciou o despedimento de 12.500 trabalhadores e a redução de sua produção automóvel em 10% até 2022-2023, após uma queda nos lucros.

No primeiro trimestre do ano fiscal 2019/20 (abril-junho), a Nissan, que tem como parceira a francesa Renault, viu o seu lucro líquido cair quase 95%, para 6,4 mi milhões de ienes (53 milhões de euros), enquanto o seu volume de negócios recuou 12,7% no mesmo período.

Em maio, quando o grupo apresentou resultados anuais catastróficos, o presidente executivo, Hiroto Saikawa, tinha prometido “reformas drásticas” que podiam afetar 4.800 trabalhadores.

No ano fiscal de 2018, que terminou em março passado, a Nissan anunciou uma redução anual de 57,3% nos lucros e 3,2% nas receitas. As vendas nos Estados Unidos caíram 9,3% e as vendas na Europa, excluindo a Rússia, caíram 17,8%.

O clima empresarial foi também afetado pela detenção do então presidente, Carlos Ghosn, em 19 de novembro, por supostas irregularidades financeiras.

Em Portugal, os trabalhadores da Nissan não deverão ser afetados pelos cortes anunciados pelo grupo automóvel japonês, devido à inexistência de fábricas de produção no país, disse à Lusa fonte da Nissan Ibéria.

O diretor de Comunicação da Nissan Ibéria, António Pereira Joaquim, disse não ser expectável que os 22 trabalhadores do grupo em Portugal sejam afetados pelos cortes hoje anunciados, dado que apenas desempenham funções de front office, como por exemplo nas áreas de Marketing e Vendas.

Em Portugal existe uma sucursal da Nissan Ibéria, cuja central fica em Barcelona. A Nissan tem cerca de 139.000 empregados em todo o mundo.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Ferro Rodrigues arrasado por pedir deslocação "massiva" de portugueses a Sevilha para apoiar Selecção

Numa altura em que o Governo se prepara para anunciar um travão no desconfinamento devido ao aumento de casos de covid-19, Ferro Rodrigues, presidente da Assembleia da República, é duramente criticado por ter apelado à …

Certificado digital vai permitir livre circulação em todo o país

O Certificado digital Covid-19 da União Europeia vai também servir de "passaporte" em todo o país para cidadãos em determinadas situações, prevê o decreto-lei que o governo vai apresentar esta quinta-feira. Segundo apurou o jornal Público, …

covid, Lisboa

Travão no desconfinamento em todo o país. Porto à beira do alerta e Lisboa pode recuar 2 meses

Os números da pandemia de covid-19 "continuam a aumentar", reconhece Marta Temido numa altura em que o Governo deverá anunciar o travão no desconfinamento em todo o país. Mas a situação em Lisboa é mais …

Todos contra o Chega. Parlamento chumba projeto sobre enriquecimento injustificado

O Parlamento rejeitou projecto de lei de André Ventura sobre enriquecimento injustificado com os votos contra de todos os partidos, exceto do PAN, que se absteve, e da deputada Cristina Rodrigues. O projeto de lei de …

Canon obriga funcionários na China a sorrir para irem trabalhar

Os funcionários do escritório de Pequim da multinacional japonesa são avaliados por um sistema de inteligência artificial que determina se estão felizes o suficiente para trabalhar. A medida foi criticada por invadir a privacidade dos …

Cristiano Ronaldo é o terceiro jogador mais decisivo do Euro 2020 (atrás de um belga e de um italiano)

O italiano Marco Verratti, o belga Kevin de Bruyne e o português Cristiano Ronaldo são os três jogadores mais decisivos do Euro 2020 até agora, altura em que acabou a fase de grupos da prova. …

John McAfee encontrado morto em prisão espanhola

O criador do antivírus McAfee, John McAfee, foi encontrado morto esta quarta-feira na sua cela numa prisão espanhola, aparentemente por suicídio, horas depois de a justiça espanhola ter aprovado a extradição para seu país de …

PS nacional impõe filho de dinossauro do PSD como candidato à Maia. "Inexplicável e duvidoso"

Alguns dias depois da polémica com a escolha do candidato do PS à Câmara do Porto devido a divergências internas, há mais um caso semelhante na Maia. Teresa Almadanim retirou-se da corrida depois de ter …

Computador principal do Hubble deixou de funcionar (e a NASA ainda não sabe porquê)

O Telescópio Espacial Hubble, da NASA, está em "modo de segurança" depois de o computador principal ter deixado de funcionar repentinamente no dia 13 de junho. A 13 de junho, o computador principal do Hubble deixou …

Relatório: Lisboa enviou dados para o Irão, Arábia Saudita e (27 vezes) para a Rússia

O Relatório interno da Câmara de Lisboa sobre o caso do envio de dados de ativistas a embaixadas de países estrangeiros desculpabiliza Fernando Medina, mas revela que a CML enviou dados para o Irão, a …