Neurocientistas removeram com sucesso fobias dos cérebros das pessoas

Um grupo de neurocientistas da Universidade de Cambridge, no Reino Unido, descobriu como remover medos específicos dos cérebros de pacientes, usando uma combinação de inteligência artificial e uma tecnologia de digitalização do cérebro.

O processo, chamado de “Neurofeedback Decodificado”, não requer nenhum esforço consciente da parte do sujeito para superar fobias – depende apenas da identificação de padrões cerebrais relacionados com um certo medo, que são “substituídos” através de um sistema de recompensa.

Os cientistas criaram uma “memória de medo” em 17 voluntários, associando uma determinada imagem com um choque elétrico.

Durante os três dias seguintes, os participantes receberam uma pequena quantia de dinheiro como recompensa, sempre que o mesmo padrão cerebral foi detetado.

Os sujeitos foram informados de que a recompensa dependia de sua atividade cerebral, mas não sabiam de que maneira. O objetivo era associar gradualmente o padrão cerebral com uma recompensa, em vez de algo assustador.

“As características da memória que foram previamente ajustadas para prever o choque doloroso foram reprogramadas para prever algo positivo”, disse Ai Koizumi, investigador de inteligência artificial do Instituto Internacional de Pesquisa Avançada em Telecomunicações, em Kyoto, no Japão.

Assim, quando os participantes viram o conjunto original assustador de imagens, após receberem a recompensa, não foram detetados sinais de medo ou atividade aumentada na amígdala – a região do cérebro que processa essa emoção.

“Isto significa que fomos capazes de reduzir a memória do medo sem que os voluntários experimentassem conscientemente essa memória no processo”, explica Koizumi.

O tratamento tradicional para fobias é a terapia de exposição, que envolve expor as pessoas à causa do medo num ambiente seguro – a velha ideia de “enfrentar os medos” para conseguir superá-los.

Com o desenvolvimento do novo estudo, publicado na Nature Human Behavior, os especialistas esperam conseguir melhorar o tratamento de fobias, sem ser necessário fazer com que, por exemplo, uma pessoa com medo de aranhas segure uma.

Os especialistas dizem que esta nova técnica pode eventualmente ser usada para ajudar a tratar certas condições como o transtorno de stress pós-traumático, de maneira mais fácil.

ZAP / Hypescience

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Terramotos na falha de San Andreas podem ser explicados por um lago antigo

A falha de San Andreas, que se situa ao longo da costa oeste da América do Norte e atravessa centros populacionais densos como o de Los Angeles, na Califórnia, é uma das falhas mais estudadas …

Uma estranha e rara molécula foi detetada na atmosfera de Titã

Uma equipa de cientistas da NASA identificou uma estranha e rara molécula na atmosfera de Titã, o maior satélite natural de Saturno. Em comunicado, os cientistas detalham que em causa está a molécula de ciclopropenilideno …

Paços 3-2 Porto | “Castor” épico tomba “dragão” com pés de pau

Surpresa na Capital do Móvel. O campeão nacional FC Porto foi a Paços de Ferreira averbar a segunda derrota nesta Liga NOS, saindo com um resultado desfavorável de 3-2. Num terreno tradicionalmente difícil – os “dragões” …

Teoria da Relatividade de Einstein observada em estrelas distantes

O que é que Albert Einstein, o GPS e um par de estrelas a 29.000 anos-luz da Terra têm em comum? A resposta é um efeito da Teoria Geral da Relatividade de Einstein chamado "desvio gravitacional …

Encontrada possível localização do gigante Snow Cruiser. Está perdido na Antártida há 60 anos

O Snow Cruiser era um veículo de exploração enorme enviado ao Pólo Sul em 1939 que ficou preso após desembarcar na Antártida e foi abandonado alguns anos depois. Redescoberto sob vários metros de neve e gelo …

Mbappé tem uma "mancha" na Liga dos Campeões

Números invulgares do avançado do PSG, que em 2020 ainda não marcou qualquer golo no torneio europeu. Pires e Rami falaram sobre o seu futuro. Kylian Mbappé. Visto por muita gente como o melhor avançado do …

Administração de Nixon recebeu um Nobel por um cessar-fogo que não existiu

O prémio Nobel da Paz foi atribuído em 1973 ao secretário de Estado da Administração de Richard Nixon, e seu assessor de segurança nacional, Henry Kissinger, e ao político vietnamita Le Duc Tho. As duas personalidades foram …

Cidade usa satélite para medir poluição luminosa (e os candeeiros de rua não são o maior problema)

As cidades do mundo desperdiçam uma grande quantidade de eletricidade - e dinheiro - ao deixar ligadas luzes brilhantes durante a noite toda. Porém, os candeeiros de rua não são os maiores culpados. Uma experiência de …

Prevenir uma futura pandemia pode estar dependente de apenas três medidas (e podem ser aplicadas já)

Até 70% das doenças infecciosas que surgiram nos humanos nos últimos 30 anos tiveram origem em animais e foram causadas por patogénicos originados em animais domésticos ou selvagens. Agora, um relatório lança aos princípios básicos …

"Não se torne um fantasma real". Coreia do Sul teme aumento de casos devido ao Halloween

A Coreia do Sul teme que as festividades do Halloween levem a um aumento de casos de covid-19 no país. Assim, para evitar que tal aconteça, investiram numa campanha de informação pública para apelar aos …