O Nepal proibiu, mas mulheres continuam a ser forçadas a dormir em “cabanas menstruais”

(dr) Thomson el al. 2019

Exemplo de uma “cabana menstrual” no Nepal

“Chaupadi” é uma tradição hindu, característica do Nepal, que força as mulheres a dormirem num abrigo quando estão menstruadas por serem consideradas impuras.

Segundo o IFLScience, uma nova investigação mostra que 77% das raparigas que vivem no centro-oeste do país continuam a ser forçadas a dormir em “cabanas menstruais” durante a menstruação, mesmo quando esta prática foi proibida em 2018.

Em abril, os investigadores entrevistaram 400 adolescentes, com idades compreendidas entre os 14 e os 19 anos, de meios rurais e urbanos, bem como conduziram um grupo focal de mulheres com idades entre os 25 e os 45 anos.

Três em quatro raparigas revelaram ser obrigadas a adotar esta prática, embora quase dois terços soubessem que é ilegal. Segundo o mesmo site, jovens de famílias urbanas e com mais condições monetárias eram as menos propensas a fazê-lo.

“Muitas das suas experiências são à base de fortes tabus e estigmas. As meninas frequentemente relataram não ter permissão para tocar em membros da família do sexo masculino, entrar nos templos, participar nas celebrações, cozinhar ou entrar nas suas cozinhas, comer alimentos normais (como laticínios) ou dormir na sua própria cama”, escreveram os autores na revista científica Sexual and Reproductive Health Matters.

Os investigadores acrescentam ainda que estas práticas parecem ser amplamente aplicadas pelas “pessoas mais velhas dentro da sua família e na comunidade, incluindo mães, avós e outras mulheres idosas”.

Nos casos em que as raparigas não têm acesso a estas “cabanas menstruais” — ou se por acaso estiverem danificadas —, são obrigadas a dormir no exterior, o que, de acordo com os cientistas, se traduz num isolamento geralmente acompanhado de sentimentos como “stress, ansiedade e fragilização”.

“As mulheres e meninas com quem falámos dizem que têm pavor que cobras e outros animais entrem durante a noite, ou de serem atacadas por estranhos”.

“Trata-se de mudar práticas e comportamentos culturais profundamente enraizados e, embora a alteração da lei seja importante, este estudo demonstra que vai ser preciso muito mais do que isso. Estas são práticas que se prolongam por gerações e gerações”, disse em comunicado a autora do estudo Jennifer Thomson.

Este ano, uma mulher de 35 anos e os seus dois filhos morreram depois de esta ter feito uma fogueira no abrigo para se aquecerem.

De acordo com a Reuters, o Nepal fez, na semana passada, a primeira detenção relacionada com esta prática. Trata-se do cunhado de uma jovem de 21 anos, que morreu exatamente pelo mesmo motivo. Se for considerado culpado, poderá ser condenado a até três meses de prisão e a pagar uma multa de três mil rupias nepalesas, cerca de 24 euros.

Para combater esta tradição, a agência avança que uma aldeia, no distrito de Doti, anunciou agora uma recompensa de cinco mil rupias, aproximadamente 40 euros, para cada mulher que se recusar a ser isolada nestas cabanas.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

RESPONDER

"Ataque contra a imprensa livre." Justiça brasileira acusa jornalista Glenn Greenwald de cometer cibercrimes

O Ministério Público Federal acusou o jornalista Glenn Greenwald por "auxiliar, orientar e incentivar" um grupo de hackers que acedeu aos telemóveis do ex-juiz e ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, e dos …

United faz nova proposta por Bruno Fernandes. Saída pode ficar fechada esta quarta-feira

Sporting e Manchester United retomaram as negociações por Bruno Fernandes esta semana, podendo a saída do médio dos leões ser confirmada ainda esta quarta-feira, segundo escreve o desportivo A Bola. De acordo com o jornal, …

Portugal tem de ser "implacável" no combate à corrupção, diz Santos Silva

O ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, assegurou na terça-feira que o Governo vai continuar a aprofundar a cooperação com Angola, a respeitar a independência judicial e "não ser precipitado a tirar conclusões", após as …

Ministério das Finanças já admite “documento de trabalho” sobre injeção no Novo Banco

Depois de negar ter recebido uma proposta do Banco de Portugal (BdP) com a hipótese de uma injeção final de 1,4 mil milhões no Novo Banco, o Ministério das Finanças, liderado por Mário Centeno, já …

Lobo d'Ávila: "No dia em que quisermos ser um Chega II não seremos o CDS"

O candidato à liderança do CDS Filipe Lobo d’Ávila acha que o partido “não deve cair na tentação” nem cometer o “erro tremendo” de tornar-se num “Chega II”, porque há “um mundo de diferenças” entre …

Em busca da câmara oculta. Cientistas querem voltar a "bombardear" a Grande Pirâmide de Gizé com raios cósmicos

Uma equipa de cientistas quer "bombardear" a Grande Pirâmide de Gizé, no Egito, com raios cósmicos para confirmar a existência de uma câmara interna, detetada numa outra investigação anterior. A informação é avançada pelo portal …

Primo de Sócrates garante que o dinheiro que tinha nas contas era seu

José Paulo Pinto de Sousa, primo de José Sócrates e arguido na Operação Marquês, afirmou ao juiz que era dono do dinheiro que o Ministério Público diz pertencer ao antigo primeiro-ministro, segundo fonte ligada ao …

Telemóvel de Jeff Bezos terá sido hackeado por príncipe herdeiro saudita

O telemóvel do dono da Amazon Jeff Bezos terá sido hackeado pelo príncipe da coroa saudita Mohammed bin Salman em maio de 2018, revela uma investigação do The Guardian. O multimilionário norte-americano Jeff Bezos, CEO da …

"Muu". O mugido de uma vaca pode revelar como se sente

https://vimeo.com/386240607 Ao ouvido humano, os mugidos parecem indistintos. No entanto, um estudo recente revelou que cada vaca tem a sua própria voz - e esta persiste em inúmeras situações. De acordo com um estudo recente, levado a …

Aeroporto do Montijo avança com luz verde da Agência Portuguesa do Ambiente

O projeto do novo aeroporto no Montijo, na margem sul do Tejo, recebeu esta terça-feira uma decisão favorável condicionada em sede de Declaração de Impacte Ambiental (DIA), anunciou a Agência Portuguesa do Ambiente (APA). Em comunicado, …