NASA descobre indícios de água em lua de Júpiter

NASA / YouTube

NASA descobre indícios de água em lua de Júpiter

A NASA anunciou esta segunda-feira que o telescópio Hubble espacial detetou possíveis emissões de vapor de água na gelada lua Europa, do planeta Júpiter.

“Localizamos possíveis emissões de vapor que emanam da lua Europa de Júpiter, usando o Hubble”, afirmou, em comunicado, a NASA.

Segundo o comunicado, o telescópio fez imagens do que “podem ser emissões de vapor de água que emergem da superfície” da lua. As imagens ultravioleta captadas pela agência especial detetaram geiseres de água na superfície do satélite.

O astrónomo que lidera o estudo, William Sparks, afirma que não conhece outro fenómeno natural que possa produzir tais imagens a não ser jatos de água.

“Não sabemos de nenhum artefato que possa causar essas características, elas são significativas estatisticamente. Mas continuamos cautelosos, porque estamos a trabalhar com comprimentos de onda difíceis para o Hubble”, explicou Sparks à imprensa.

A localização dos supostos jatos é bastante semelhante à região onde o Hubble detetou um excesso de oxigénio e de hidrogénio – os componentes da água – no início da década.

Segundo a cientista sénior de projetos do Hubble, Jennifer Wiseman, isto torna o caso mais intrigante.

“A primeira observação usou espectroscopia, sendo realmente possível discernir evidências de moléculas de água dissociadas”, afirmou. “Agora, a equipa de Sparks descobriu evidências visuais de jatos. São abordagens diferentes que se complementam e parecem ser provas independentes da existência jatos de água ativos em Europa”.

W. Sparks (STScI) / CCA-USGS / ESA / NASA

Esta composição mostra plumas “suspeitas” em erupção à posição das 7 horas, no limbo da lua de Júpiter, Europa

A descoberta aumenta a possibilidade de futuras missões à Europa analisarem o oceano gelado daquela lua, sem perfurarem o gelo, refere a NASA. Segundo os especialistas, a hipótese de vida no local pode ser confirmada em 2018, quando o Telescópio Espacial James Webb, da NASA, entrar em órbita.

“O oceano da Europa é considerado um dos lugares que poderá abrigar vida no sistema solar”, disse o diretor interino de Missões de Ciência da NASA em Washington, Geoff Yoder.

As emissões atingem uma altura de cerca de 200 quilómetros de altura. A superfície da lua Europa tem um enorme oceano com duas vezes a água de todos os oceanos da Terra, mas o líquido está protegido por uma camada de gelo, cuja espessura é desconhecida.

O trabalho de Sparks e colegas será publicado na edição de 29 de setembro da Astrophysical Journal.

Caso se confirme a descoberta ontem anunciada, a Europa será a segunda lua do sistema solar conhecida por ter emissões de vapor de água.

Em 2005, a nave internacional Cassini, da NASA, detetou jatos de vapor de água e poeira na superfície da lua Enceladus, do planeta Saturno.

ZAP / Lusa / Canal Tech / CCVAlg / BBC

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Este casaco foi desenhado para nos ajudar a dormir em qualquer lado

A britânica Vollebak lançou um casaco, inspirado nos astronautas, que facilita a ideia de poder dormir, literalmente, em qualquer lado. A pensar em todas aquelas pessoas que gostam de fazer uma sesta ou outra, independentemente do …

DJ Juice WRLD morre aos 21 anos

A estrela do hip-hop norte-americano Juice WRLD faleceu este domingo (8), depois de sofrer convulsões no Aeroporto de Midway, em Chicago, avança o TMZ. O rapper tinha feito 21 anos a 2 de dezembro. De acordo …

"A Favorita" arrebata prémios do cinema europeu

O filme "A Favorita", do realizador grego Yorgos Lanthimos, arrecadou oito prémios da Academia de Cinema Europeu, numa cerimónia realizada em Berlim. "A Favorita" conquistou, entre outros, os prémios de Melhor Filme Europeu, Melhor Comédia, Realização …

Belenenses 1-1 Porto | "Dragão" escorrega e deixa fugir líder

O FC Porto não foi além de um empate na visita ao Jamor, ante o Belenenses. André Santos abriu as “hostilidades” e Alex Telles, na marcação de uma grande penalidade, fixou o resultado final. Com esta …

Caligrafia desleixada de Isabel I denuncia-a como a tradutora anónima de um livro romano

A rainha Isabel I de Inglaterra foi identificada como a tradutora anónima do livro "Anais" de Tácito. As idiossincrasias da sua caligrafia acabaram por ser fundamentais para a descoberta. Na análise a uma tradução de século …

Hashtags políticas como #MeToo tornam as pessoas menos propensas a acreditar em notícias

Tendem a passarem despercebidas, mas as hashtags são mais importantes do que julgamos. A questão que se impõe é: serão benéficas para a saúde democrática da Internet? Uma hashtag (#) é uma marca funcional, amplamente usada …

Sporting 1-0 Moreirense | "Leão" resolve à cabeçada

O Sporting regressou às vitórias na Liga NOS, embora não sem sentir algumas dificuldades, em especial no ataque. Os "leões" bateram o Moreirense por 1-0, numa partida em que remataram muito (28, máximo na Liga até …

Orçamento do Estado. "Sentido de voto do BE está completamente em aberto"

A coordenadora do BE afirmou, este domingo, que o sentido de voto do partido sobre o Orçamento do Estado para 2020 está "completamente em aberto", desejando que o Governo socialista atenda às reivindicações bloquistas. "Fizemos uma …

João Cotrim Figueiredo eleito presidente da Iniciativa Liberal com 96% dos votos

João Cotrim Figueiredo foi eleito, este domingo, presidente da Comissão Executiva da Iniciativa Liberal, uma candidatura única que recolheu 96% dos votos na III Convenção Nacional do partido. A III Convenção Nacional do partido decorre hoje …

Inteligência artificial decifra manuscrito que pode mudar história da Austrália

A Terra Australis Incognita, hoje conhecida como Austrália, foi descrita por um jesuíta espanhol quase cem anos antes da descoberta em 1770 pelo marinheiro britânico James Cook, segundo um manuscrito decifrado através de inteligência artificial. A …