Vídeo mostra fuga dramática de soldado norte-coreano

O Comando das Nações Unidas publicou, esta quarta-feira, um vídeo que mostra a deserção de um soldado norte-coreano que, no passado dia 13, cruzou a fronteira para a Coreia do Sul enquanto era baleado pelos colegas.

As imagens foram capturadas pelas câmaras de segurança da parte sul da fronteira e mostram como o soldado chega num todo-terreno até escassos metros da linha de demarcação que divide a península e corre depois para essa direção sob os disparos de quatro colegas militares, a muito curta distância.

O militar, que foi baleado pelo menos cinco vezes, recuperou a consciência na terça-feira depois de ter sido submetido a duas operações num hospital na Coreia do Sul.

O homem tentou aparentemente cruzar no todo-terreno a linha de demarcação que divide em duas a zona desmilitarizada onde teve lugar o raro incidente e o único ponto em que os soldados das duas Coreias se encontram frente-a-frente.

Segundo as imagens agora divulgadas pelo Comando das Nações Unidas (UNC), liderado pelos Estados Unidos, que vigia o armistício da guerra da Coreia, o todo-terreno ficou preso numa vala a poucos metros da linha de demarcação e esse ruído alertou vários soldados norte-coreanos estacionados nas imediações que correram na direção do veículo.

O militar desceu então do jipe e atravessou a fronteira a correr, enquanto quatro soldados se aproximaram e começaram a disparar a apenas umas dezenas de metros de distância.

Um dos soldados norte-coreanos chegou mesmo a atravessar a linha durante escassos segundos, o que, a par com os tiros – que foram efetuados em direção ao Sul – constituiu, segundo o UNC, uma violação do cessar-fogo que colocou termo à Guerra da Coreia (1950-53).

Outras imagens capturadas por uma câmara térmica mostraram o resgate posterior do soldado por três militares sul-coreanos que o arrastaram pelo chão para evitar que fosse novamente baleado, levando-o depois para lugar seguro até ser transportado para o hospital.

Esta quarta-feira, em conferência de imprensa, o cirurgião que liderou as operações a que o soldado desertor foi submetido afirmou que o paciente se encontra estável e consciente.

O militar, que terá entre 20 e 30 anos, vai permanecer na unidade de cuidados intensivos nos próximos dias até que haja garantias de que não sofrerá mais infeções.

Durante as intervenções cirúrgicas foram encontradas várias lombrigas intestinais no corpo do soldado que contribuíram para infetar os órgãos afetados pelos tiros.

O soldado mostrou, além disso, sintomas de “stress psicológico severo e depressão” após o incidente, segundo o médico.

Não são comuns os disparos contra desertores da Coreia do Norte que tentam a fuga através da Linha de Panmunjom.

Cerca de trinta mil soldados da Coreia do Norte desertaram para a Coreia do Sul desde o final da guerra, mas a maior parte usou rotas de fuga através da China.

// Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Juiz bloqueia 3,6 mil milhões para construção do muro com México

Um juiz norte-americano deu uma ordem permanente que impede a transferência de fundos militares no valor de 3,6 mil milhões de dólares (3,25 mil milhões de euros) para a construção do muro na fronteira dos …

Houve abusos, mas não há crime nos milhões de Angola que passaram por Malta. MP arquiva caso Deloitte

O Ministério Público (MP) decidiu arquivar o caso de investigação que envolvia 48 sócios da consultora Deloitte que receberam lucros de negócios em Angola, através de Malta. Houve "uso abusivo" das regras fiscais, mas não …

Ex-governador do Rio de Janeiro libertado. Luiz Pezão passará a usar pulseira eletrónica

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) brasileiro libertou na terça-feira o ex-governador do Rio de Janeiro Luiz Fernando Pezão, substituindo a sua prisão preventiva por medidas cautelares alternativas, como uso de pulseira eletrónica, anunciaram fontes …

EUA, Canadá e México assinam revisão do NAFTA. Pacto comercial tem 25 anos

Representantes dos Estados (EUA), do Canadá e do México assinaram na terça-feira uma nova revisão do Tratado Norte-Americano de Livre Comércio (NAFTA), um pacto comercial entre os três países, que já tem 25 anos. Segundo noticiou …

Bósnia fecha campo improvisado e transfere quase 800 pessoas para Sarajevo

A Bósnia fechou, esta quarta-feira, um campo de refugiados, montado num local onde antes funcionava um aterro de lixo, que não tem água potável nem eletricidade. As autoridades bósnias fecharam esta quarta-feira um campo acolhimento de …

Trabalhadores dos Registos em greve a 26, 27 e 28 de dezembro

O Sindicato Nacional de Registos vai estar em greve contra o decreto-lei aprovado pelo Governo, acusando Marcelo Rebelo de Sousa de não ter tido "sensibilidade na análise do diploma do sistema remuneratório". O Sindicato Nacional de …

Artistas exigem 1% do Orçamento do Estado para a Cultura

Mais de 300 artistas concentrados esta terça-feira em frente ao Teatro Nacional de São Carlos, em Lisboa, exigiram um valor imediato de 1% do Orçamento do Estado para a Cultura, em 2020. O protesto, convocado pela …

Depois do Idai, ainda há carência de comida e água potável

São milhares os desalojados que, após o ciclone Idai, continuam sem acesso a água potável. Além disso, a necessidade de comida mantém-se em níveis inalterados. Os dados da Organização Internacional para as Migrações (OIM), patentes no …

Há mulheres-polícia que recebem menos quando estão grávidas

De acordo com um relatório sobre as iniquidades de género dentro da Polícia de Segurança Pública (PSP), ao qual a revista Sábado teve acesso, há mulheres-polícia que recebem menos quando ficam grávidas. Segundo o inquérito realizado …

França. Governo adia entrada em vigor das novas pensões

O novo sistema universal de pensões em França vai abranger apenas as gerações nascidas a partir de 1975 e só terá nova formulação, através de pontos, a partir de 2025. O novo sistema universal de pensões …