Nação Cherokee pede à Jeep que deixe de usar o nome da tribo nos seus carros

Jeep

“É hora de a Jeep reconsiderar chamar os seus SUVs Cherokee e Grand Cherokee”. Pela primeira vez, a tribo norte-americana Nação Cherokee pediu diretamente à Jeep para parar de usar o seu nome nos seus veículos.

A fabricante automóvel Jeep usa o nome “Cherokee” nos seus veículos há 45 anos. Agora, de acordo com o Car And Driver, a tribo norte-americana Nação Cherokee pediu diretamente à Jeep para não usar o seu nome nos seus veículos.

Embora a tribo já tivessse comentado este assunto no passado, o debate foi reiniciado pelo portal, que falou com o chefe da nação Cherokee Chuck Hoskin, Jr.

“Tenho certeza de que vem de um lugar bem intencionado, mas não nos honra por ter o nosso nome colado na lateral de um carro. A melhor forma de nos homenagear é aprender sobre o nosso Governo soberano, o nosso papel neste país, a nossa história, cultura e idioma, e temos um diálogo significativo com tribos reconhecidas federalmente sobre a adequação cultural”, disse o líder da tribo.

“Acho que estamos numa época neste país em que é hora de as empresas e os desportos coletivos abandonarem o uso de nomes, imagens e mascotes dos índios norte-americanos dos seus produtos, camisolas de equipa e desportos em geral”, continuou.

O primeiro modelo Cherokee da Jeep chegou no ano 1974, e embora se tenha “reformado” em favor do Jeep Liberty entre 2002 e 2014, a Jeep continuou a vender um modelo Grand Cherokee ao longo desse tempo.

Aliás, o modelo Grand Cherokee é o campeão de vendas da Jeep, com quase 210 mil vendas nos Estados Unidos em 2020.

Em 2017, o portal ArsTechnica noticiou que o Supremo Tribunal dos Estados Unidos tinha decidido que as marcas comerciais ofensivas estavam autorizadas de acordo com a lei norte-americana.

No entanto, em 2020, houve uma renovação de consciência sobre a justiça racial nos Estados Unidos. A equipa da NFL da área de Washington DC deixou de usar o seu nome em julho e, em dezembro, a equipa da MLB de Cleveland descartou o seu nome e mascote racista.

Por sua vez, Jeep disse, em declarações ao Car And Driver, que “os nomes dos nossos veículos foram cuidadosamente escolhidos e nutridos ao longo dos anos para homenagear e celebrar o povo nativo americano pela sua nobreza, bravura e orgulho. Nós estamos, mais do que nunca, comprometidos com um diálogo respeitoso e aberto com o principal chefe da nação Cherokee, Chuck Hoskin, Jr”.

  Maria Campos, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Cientistas estão a plantar mesas de xadrez de corais para restaurar recifes - e contam com a ajuda de garrafas de Coca-Cola

Nas últimas três décadas, os recifes de coral têm sofrido uma grande tensão e consequente destruição, devido ao impacto das alterações climáticas. Agora, os cientistas querem minimizar os danos e já encontraram uma solução. O objetivo …

Belenenses 0-4 Sporting | Melhor o resultado que a lesão

O Sporting, da I Liga, venceu hoje o Belenenses, do Campeonato de Portugal, por 4-0, em jogo da terceira eliminatória da Taça de Portugal de futebol, garantindo o apuramento para a próxima fase da competição. No …

Sintrense 0-5 FC Porto | Dragões goleiam e seguem em frente na Taça

O FC Porto, da I Liga, venceu hoje o Sintrense, do Campeonato de Portugal, por 5-0, em jogo da terceira eliminatória da Taça de Portugal de futebol, e segue em frente na competição. A jogar em …

Nova tecnologia usa calor dos estacionamentos subterrâneos para aquecer apartamentos

A startup Enerdrape, que funciona dentro da Escola Politécnica de Lausanne (EPFL), na Suíça, desenvolveu uma tecnologia que aproveita o calor emanado pelo solo no aquecimento de apartamentos. Quase 60% do aquecimento utilizado nos edifícios residenciais …

Pela primeira vez, um drone transportou os pulmões de um dador em segurança. Voo demorou seis minutos

Pela primeira vez na história da medicina, um drone aéreo transportou os pulmões de um dador com rapidez e segurança entre dois hospitais. O voo, que durou apenas seis minutos, ocorreu no passado dia 25 de …

Grupo de hackers clonou a voz de empresário para roubar 35 milhões de dólares do banco

Um grupo de hackers clonou a voz do diretor de uma empresa, conseguindo assim roubar mais de 35 milhões de dólares de um banco nos Emirados Árabes Unidos. No início do ano passado, o gerente de …

Portugueses comem duas vezes mais do que o recomendando

Os portugueses consumiram, em média, duas vezes mais calorias do que o recomendando para um adulto entre 2016 e 2020, ano em que a pandemia provocou uma redução do consumo de alimentos diário, mas ainda …

Aos 95 anos, a rainha Isabel II terá de abdicar da sua bebida favorita

A monarca foi aconselhada pelos médicos a abdicar do seu habitual martini de fim de dia, em antecipação a uma fase de agenda especialmente preenchida. Com 95 anos, a rainha Isabel II tem tido uma semana …

Médicos vão avaliar estado mental do atacante da Noruega

A investigação ao ataque com arco e flecha que na quarta-feira fez cinco mortos na Noruega reforçou, até agora, a tese de um ato devido a doença, anunciou hoje a polícia norueguesa. “A hipótese que foi …

Há mais de 100 anos, o Hawai teve uma monarquia - mas a força da princesa Ka'iulani não chegou para a preservar

Antes de morrer, com apenas 23 anos, a princesa Victoria Ka'iulani foi a última herdeira da coroa havaiana. A jovem era uma das últimas esperanças em manter a monarquia viva, mas nem a sua determinação …