Mudanças rápidas apontam para a origem dos ventos ultrarrápidos dos buracos negros

ESA

Impressão de artista que ilustra um buraco negro supermassivo com emissão de raios-X e ventos ultrarrápidos

Impressão de artista que ilustra um buraco negro supermassivo com emissão de raios-X e ventos ultrarrápidos

Os telescópios espaciais da ESA e da NASA fizeram a observação mais detalhada de um vento ultrarrápido que flui da vizinhança de um buraco negro, a quase um-quarto da velocidade da luz.

A saída de gás é uma característica comum dos buracos negros supermassivos que residem no centro de grandes galáxias. Milhões a mil milhões de vezes mais massivos do que o Sol, esses buracos negros alimentam-se do gás circundante que gira em torno deles. Os telescópios espaciais veem isso como emissões brilhantes, incluindo raios-X, da parte mais interna do disco ao redor do buraco negro.

Ocasionalmente, os buracos negros “comem” demais e expelem um vento ultrarrápido. Estes ventos são uma característica de estudo importante, porque poderiam ter uma forte influência na regulação do crescimento da galáxia hospedeira, removendo o gás circundante e, portanto, suprimindo o nascimento de estrelas.

Usando os telescópios XMM-Newton da ESA e o NuStar da NASA, os cientistas fizeram a observação mais detalhada, até hoje, de tal efusão, vinda de uma galáxia ativa identificada como IRAS 13224-3809. Os ventos registados a partir do buraco negro atingem 71.000 km/s – 0,24 vezes a velocidade da luz – colocando-os no top 5% dos ventos de buracos negros mais rápidos conhecidos.

O XMM-Newton concentrou-se no buraco negro durante 17 dias seguidos, revelando a natureza extremamente variável dos ventos.

“Temos muitas vezes apenas uma observação de um determinado objeto; depois, vários meses ou mesmo anos mais tarde, observamo-lo novamente e vemos se houve uma mudança”, diz Michael Parker do Instituto de Astronomia de Cambridge, Reino Unido, autor principal do artigo publicado na Nature.

“Graças a esta longa campanha de observação, observámos, pela primeira vez, mudanças nos ventos numa escala de tempo de menos de uma hora. ”

As mudanças foram observadas no aumento da temperatura dos ventos, uma assinatura da sua resposta a uma maior emissão de raios-X do disco adjacente ao buraco negro.

Além disso, as observações também revelaram mudanças nas impressões digitais químicas do gás expelido: à medida que a emissão de raios-X aumentou, removeu eletrões dos seus átomos no vento, apagando as assinaturas de vento observadas nos dados.

“As impressões químicas do vento mudaram com a força dos raios-X em menos de uma hora, centenas de vezes mais rápido do que alguma vez observado”, diz Andrew Fabian, também do Instituto de Astronomia e investigador principal do projeto.

“Isso permite-nos vincular a emissão de raios-X, que surge do material de arremesso no buraco negro, para a variabilidade do vento de saída mais distante. ”

“Encontrar essa variabilidade, e encontrar evidências para esta conexão, é um passo fundamental para entender como os ventos de buracos negros são lançados e acelerados, o que por sua vez é uma parte essencial da compreensão da sua capacidade de abrandar a formação de estrelas na galáxia de acolhimento”, acrescenta Norbert Schartel, cientista do projeto XMM-Newton da ESA.

ZAP // CCVAlg

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Comem demais, mas o nosso centro galáctico está praticamente inalterado. Nada consegue escapar à sua gravidade, nem a luz, mas existem uns gases que conseguem escapar a essa “lei”… LOL
    Nunca ninguém observou um buraco negro, são uma teoria, mas tudo leva a crer que existem. Sò não são os devoradores de matéria que a ciência nos tem ensinado…
    Para quem quiser saber mais: ver vida e trabalho extensivo do Dr. Halton Arp. Teoria do Big Bang refutada há muito tempo, comunidade científica teima em não querer deixar para trás velhos e errados paradigmas. A teoria do Big Bang é baseada numa má interpretação do Redshift.
    Disclaimer: Ao pesquisar Dr. Halton Arp, aviso-vos que as vossas percepções e tudo o que aprenderam na Universidade sobre astronomia desmorona-se. Até Einstein. Por isso é que a comunidade científica teima em não querer aceitar deixar ir as velhas ideias porque convém que o Universo não tenha certas propriedades, como por exemplo, permitir as viagens superluminais e retirar energia infinitamente do próprio espaço.
    Já agora, o trabalho do Dr. Harold Aspen complementa o de Arp. Podem ver toda a obra grátis, tornada disponível pela sua esposa, que não quer ver o trabalho do marido esquecido. http://haroldaspden.com/

    • “Nada consegue escapar à sua gravidade, nem a luz, mas existem uns gases que conseguem escapar a essa “lei”… LOL”

      Nada consegue escapar ao buraco negro quando o material passa PARA LÁ DO HORIZONTE DE EVENTOS (o círculo preto na imagem desta notícia). Se o material “raspa” perto do buraco negro (ou perto do seu disco de acreção), então, sim, o material pode até ser impulsionado para mais longe e com mais velocidade (repare que na imagem o material expelido não sai da singularidade, sai do disco de acreção).

      O material que o artigo fala não diz que está DENTRO do buraco negro. Está na parte mais interna do disco em redor da singularidade.

      Percebe a diferença entre os dois cenários?

      O material consegue escapar da VIZINHANÇA do buraco negro, mas não consegue escapar se passa para lá do horizonte de eventos, isto é, para DENTRO do buraco negro. PERTO DE e DENTRO DE são dois conceitos diferentes.

RESPONDER

Arguidos no processo da queda da árvore na Madeira vão a julgamento

O Tribunal da Comarca da Madeira decidiu, esta segunda-feira, após a fase de instrução, levar a julgamento os dois arguidos no caso da queda da árvore no Funchal que, em agosto de 2017, provocou a …

Ausência de máscara na via pública dá multa a pelo menos 7 pessoas por dia

Entre 28 de outubro e 16 de novembro, a GNR e a PSP aplicaram 825 coimas por incumprimento relativo ao uso de máscara, sendo que mais de 130 foram por falta dela na via pública. De …

França cria "crime de ecocídio" para punir danos graves ao ambiente

A ministra da Transição Ecológica, Barbara Pompili, e o ministro da Justiça de França, Eric Dupont-Moretti, anunciaram a criação do "crime de ecocídio", que visa prevenir e punir os danos graves ao ambiente. Ao Journal du Dimanche, explicaram …

BCE reitera que retoma económica só em 2022 (e "enfraquecida")

Para Philip Lane, economista-chefe do Banco Central Europeu, a vacina traz uma perspetiva para o final do próximo ano e para 2022, mas não para os próximos seis meses. O economista-chefe do Banco Central Europeu (BCE), …

Ventura notificado para apresentar defesa em processo por discriminação

A Comissão para a Igualdade e contra a Discriminação Racial (CICDR) notificou André Ventura para apresentar a sua defesa na sequência de alegadas declarações de carácter discriminatório em relação à etnia cigana no Facebook. A comissão …

UNICEF prepara maior operação da história para administrar dois mil milhões de vacinas

A UNICEF anunciou hoje que está a analisar a logística de transporte de cerca de dois mil milhões de vacinas contra a covid-19 para 92 países e que esta será a maior operação internacional da …

China deteta surtos em três cidades e impõe bloqueios e milhões de testes

As autoridades chinesas estão a testar milhões de pessoas, a impor bloqueios e a fechar escolas depois de vários casos do novo coronavírus transmitidos localmente terem sido diagnosticados nos últimos dias, em três cidades. À medida …

Joe Biden escolhe Antony Blinken para secretário de Estado

O Presidente-eleito escolheu Antony Blinken - um dos seus assessores mais antigos e mais próximos de Joe Biden - para o cargo de secretário de Estado, decisão que ainda terá de ser validada pelo Senado …

Portugal regista mais 74 mortes e 4044 novos casos de covid-19

Portugal regista, esta segunda-feira, mais 74 mortes e 4044 novos casos de infeção por covid-19, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da DGS, dos 4044 novos casos, 2258 …

Ordem dos Médicos quer alargar proibição de circulação aos dias entre os feriados

O Gabinete de Crise para a covid-19 da Ordem dos Médicos está a pedir ao Governo que pondere a possibilidade de manter a proibição de circulação entre concelho nos 12 dias das duas pontes - …