Morreu o “último nazi” canadiano, aos 97 anos

Um ucraniano que serviu como tradutor no regime nazi morreu na quinta-feira na sua casa, em Ontário, no Canadá, encerrando uma luta de décadas para deportá-lo e acusá-lo de cúmplice no assassinato de dezenas de milhares de judeus.

Helmut Oberlander integrou um esquadrão de morte que vitimou quase 100.000 pessoas durante a Segunda Guerra Mundial, a maioria judeus. Embora não seja acusado de envolvimento direto nas mortes, revelou que foi convocado para servir naquele grupo durante a adolescência, após ser ameaçado, avançou o Independent.

Tendo servido como intérprete entre 1941 e 1943, chegou ao Canadá onze anos depois, onde obteve a cidadania passados seis anos. Oberlander não informou as autoridades canadianas sobre o papel que desempenhou no Holocausto, tendo estas descoberto os crimes na década de 1960.

Quase 30 anos depois, o governo canadiano começou a trabalhar na revogação da sua cidadania, enquanto várias organizações de judeus pediam a sua deportação.

A administração canadiana revogou a sua cidadania pela quarta vez em junho de 2017, com base no envolvimento de Oberlander em crimes de guerra. O homem enfrentava o processo de deportação quando faleceu, na quinta-feira.

“A B’nai Brith Canada expressa a sua frustração com o fracasso do país em deportar um ex-tradutor de um esquadrão da morte nazi, que entrou no Canadá depois de mentir sobre o seu passado na guerra”, avançou em comunicado a organização. “A morte pacífica de Helmut Oberlander em solo canadiano é uma mancha na nossa consciência nacional”.

  Taísa Pagno //

PARTILHAR

RESPONDER

Dois caranguejos à beira-mar

Os caranguejos são "hipnotizados" pelos campos eletromagnéticos dos cabos submarinos

Um novo estudo mostrou que os cabos submarinos podem estar a ter um "efeito hipnotizante" nos caranguejos castanhos. Mais preocupante: o campo eletromagnético produzido pelos cabos pode causar alterações celulares nos caranguejos comestíveis, tornando-os mais …

Método usa "capa de invisibilidade sonora" para fazer desaparecer objetos

Uma equipa de investigadores do Instituto de Geofísica de Zurique, na Suíça, desenvolveu um método que usa a acústica para ocultar objetos.  Quando ouvimos música, não ouvimos apenas as notas produzidas pelos instrumentos: estamos também imersos …

O planeta Vénus

Vénus já teve oceanos? De maneira nenhuma, dizem astrofísicos

Vénus já teve oceanos? Não, segundo o novo estudo de uma equipa de astrofísicos da Universidade de Genebra e da NCCR PlanetS, na Suíça. Nos últimos anos, vários estudos têm sugerido que Vénus pode já ter …

Cientistas estão a plantar mesas de xadrez de corais para restaurar recifes - e contam com a ajuda de garrafas de Coca-Cola

Nas últimas três décadas, os recifes de coral têm sofrido uma grande tensão e consequente destruição, devido ao impacto das alterações climáticas. Agora, os cientistas querem minimizar os danos e já encontraram uma solução. O objetivo …

Belenenses 0-4 Sporting | Melhor o resultado que a lesão

O Sporting, da I Liga, venceu hoje o Belenenses, do Campeonato de Portugal, por 4-0, em jogo da terceira eliminatória da Taça de Portugal de futebol, garantindo o apuramento para a próxima fase da competição. No …

Sintrense 0-5 FC Porto | Dragões goleiam e seguem em frente na Taça

O FC Porto, da I Liga, venceu hoje o Sintrense, do Campeonato de Portugal, por 5-0, em jogo da terceira eliminatória da Taça de Portugal de futebol, e segue em frente na competição. A jogar em …

Nova tecnologia usa calor dos estacionamentos subterrâneos para aquecer apartamentos

A startup Enerdrape, que funciona dentro da Escola Politécnica de Lausanne (EPFL), na Suíça, desenvolveu uma tecnologia que aproveita o calor emanado pelo solo no aquecimento de apartamentos. Quase 60% do aquecimento utilizado nos edifícios residenciais …

Pela primeira vez, um drone transportou os pulmões de um dador em segurança. Voo demorou seis minutos

Pela primeira vez na história da medicina, um drone aéreo transportou os pulmões de um dador com rapidez e segurança entre dois hospitais. O voo, que durou apenas seis minutos, ocorreu no passado dia 25 de …

Grupo de hackers clonou a voz de empresário para roubar 35 milhões de dólares do banco

Um grupo de hackers clonou a voz do diretor de uma empresa, conseguindo assim roubar mais de 35 milhões de dólares de um banco nos Emirados Árabes Unidos. No início do ano passado, o gerente de …

Portugueses comem duas vezes mais do que o recomendando

Os portugueses consumiram, em média, duas vezes mais calorias do que o recomendando para um adulto entre 2016 e 2020, ano em que a pandemia provocou uma redução do consumo de alimentos diário, mas ainda …