Morreu Charlie Gard, o bebé britânico com doença rara

Charlie Gard, o bebé britânico de 11 meses que sofria de uma doença rara, morreu nesta sexta-feira, anunciaram os seus pais. As máquinas que o mantinham vivo foram desligadas após uma longa e mediática batalha judicial.

O bebé sofria de um problema de escassez de ADN mitocondrial, uma doença rara que retira ao corpo a capacidade de dar energia aos músculos, já que afecta as células responsáveis pela produção de energia e respiração.

A poucos dias de completar um ano de vida, as máquinas que o mantinham vivo foram desligadas, após uma batalha legal de cinco meses. Os pais da criança queriam levá-la para os EUA para a submeter a um tratamento experimental, mas as autoridades britânicas não autorizaram a transferência.

Depois de o estado de saúde do bebé se ter deteriorado, os pais tentaram levá-lo para casa, para morrer junto da família. Mas, como explica o The Guardian, não conseguiram encontrar uma equipa de cuidados intensivos disponível 24 horas por dia para o manter vivo e assim, também não cumpriram este “último desejo”, nas palavras da mãe.

Charlie acabou por ser transferido para um hospício pediátrico, onde morreu nesta sexta-feira. “O nosso bonito menino partiu. Estamos tão orgulhosos de ti, Charlie”, referiu a mãe do bebé, Connie Yates, num comunicado citado pela imprensa britânica.

Até o Papa e Donald Trump intercederam por Charlie

A luta judicial começou em Abril quando o hospital Great Ormond Street, em Londres, decidiu desligar a máquina de ventilação artificial do bebé. Os pais recorreram à justiça, mas o Tribunal Superior de Londres deu razão aos médicos.

Seguiram-se vários recursos, mas os pais perderam todos os casos, com o tribunal de recurso, o Supremo britânico e o Tribunal Europeu dos Direitos do Homem a confirmarem a decisão dos médicos.

Mas após os apelos internacionais, nomeadamente de várias organizações cristãs, do próprio Papa Francisco e do Presidente norte-americano, Donald Trump, no sentido de lutar pela vida de Charlie Gard, o hospital pediu uma nova audiência no Tribunal Superior, admitindo então a possibilidade de realizar “um tratamento experimental” nos EUA ou em Itália.

Todavia, nesta segunda-feira, os pais anunciaram a renúncia à batalha judicial, alegando que é “demasiado tarde”. “Ficou demasiado tempo à espera no hospital”,  lamentou o pai, Chris Gard, à saída do tribunal,  acrescentando que se o seu filho tivesse feito o tratamento experimental nos EUA “poderia sobreviver”.

A mãe sublinhou que a decisão de desligar as máquinas foi “a coisa mais difícil” que tiveram de fazer. “Os últimos onze meses foram os melhores e os piores das nossas vidas. Só queríamos dar-lhe uma oportunidade de viver”, referiu ainda Connie Yate.

Todas as esperanças se desvaneceram nesta sexta-feira, com Charlie Gard a dar o último suspiro a sete dias de completar um ano de vida.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Oceanbird: O navio movido a energia eólica que vai revolucionar a indústria da navegação

A transportadora Oceanbird deverá transportar 7 mil carros e será movido a energia eólica, e por isso deverá tornar o processo de deslocação de veículos mais sustentável. De acordo com um relatório do The Driven, um …

"Esqueceu-se disto". Parque Nacional na Tailândia envia lixo deixado pelos visitantes por correio

Se deitar lixo ao chão no Parque Nacional Khao Yai, na Tailândia, esse mesmo lixo será enviado de volta para sua casa. Os infratores também serão registados na polícia local. O Parque Nacional Khao Yai, no …

Banco britânico HSBC permitiu branqueamento de esquema de Ponzi de milhões de dólares

O banco britânico HSBC permitiu que fossem transferidos milhões de dólares para todo o mundo de forma fraudulenta, mesmo depois de ter tomado conhecimento da fraude, de acordo com documentos secretos revelados, divulgou hoje a …

Este é o primeiro aeroporto 5 estrelas do mundo devido aos seus protocolos contra covid-19

A Skytrax, órgão que examina e classifica aeroportos em todo o mundo, costuma chamar a atenção do setor pelo menos uma vez por ano, durante a sua cerimónia de prémios. Este ano, o World Airline Awards, …

Há alguma ligação entre stress, insónias e sistema imunitário? Estudo americano sugere que sim

Um estudo realizado por neuro-cientistas da Universidade de Stanford, nos Estados Unidos, sugere que poderá existir uma relação entre o stress, as insónias e um fraco sistema imunitário. Investigadores do laboratório Cold Spring Harbor e da …

Governador das Filipinas diz que cantores de karaoke prejudicam combate à pandemia

Um governador de uma província das Filipinas voltou a sua atenção para um grupo de pessoas que, segundo ele, estão a prejudicar a luta contra a pandemia: cantores de karaoke. Numa publicação no Facebook na madrugada …

Histórico: Filipe Albuquerque vence 24 Horas de Le Mans e sagra-se campeão mundial de LMP2

O português Filipe Albuquerque, da United Autosports, venceu este domingo as 24 Horas de Le Mans em automobilismo, na categoria LMP2, a segunda mais importante, e sagrou-se campeão mundial de resistência a uma corrida do …

Convenção do Chega chumba (duas vezes) lista de André Ventura para a direção nacional

A proposta do presidente do Chega, André Ventura, para a direção nacional do partido foi hoje chumbada na convenção que decorre em Évora, ao não conseguir reunir os dois terços dos votos dos cerca de …

Portugal com mais 13 mortos e 552 novos casos nas últimas 24 horas

Portugal contabiliza hoje mais 13 mortos relacionados com a covid-19 e 552 novos casos de infeção com o novo coronavírus, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). Segundo os dados a DGS, a região …

TikTok anuncia acordo com Oracle e Walmart e adia proibição nos EUA

A aplicação TikTok, detida pela sociedade chinesa ByteDance e ameaçada de ser proibida nos Estados Unidos, anunciou este domingo um acordo de princípio com a Oracle, como parceiro tecnológico, e com a Walmart, em termos …