Moedas com 2 mil anos encontradas numa caverna

Richard Davenport National Trust

As moedas do período romano e do final da Idade do Ferro encontradas numa caverna

As moedas do período romano e do final da Idade do Ferro encontradas numa caverna

Uma reserva preciosa de moedas do período romano e do final da Idade do Ferro – o último período usado para classificar as sociedades pré-históricas – foi descoberta numa caverna onde permaneceu intacta por mais de 2 mil anos.

O tesouro foi encontrado em Dovedale, no condado de Derbyshire, no centro de Inglaterra, por um indivíduo que encontrou inicialmente quatro moedas. A descoberta deu início à escavação completa do local.

Segundo especialistas, é a primeira vez que se encontram moedas dessas duas civilizações distintas, enterradas juntas.

Riqueza e poder

Os arqueólogos descobriram 26 moedas, incluindo três do período romano, que datam de antes da invasão das ilhas britânicas pelo Exército de Roma, em 43 d.C..

Foram encontradas também 20 peças de ouro e prata que datam dos últimos anos da Idade do Ferro, que na Grã-Bretanha engloba o período 800 a.C.-100 d.C..

Os artefatos pertenceriam à tribo Corieltavi, que vivia na ilha antes da invasão romana.

Apesar de moedas romanas serem normalmente encontradas no campo, acredita-se que esta seja a primeira vez que são encontradas numa caverna.

George Mahoney

A caverna onde as moedas foram encontradas

A caverna onde as moedas foram encontradas

“As moedas sugerem a quantidade de riqueza e poder do indivíduo que as possuía”, diz a arqueóloga da entidade britânica do património histórico, o National Trust.

“Durante a Idade do Ferro, as moedas eram usadas mais como um símbolo de poder e status do que para comprar e vender alimentos e outras necessidades.”

Descoberta emocionante

O maior tesouro de ouro e prata da Idade do Ferro já encontrado na Grã-Bretanha foi descoberto por um arqueólogo amador próximo de Hallaton, no condado de Leicestershire, em 2000.

Mais de 5 mil moedas, jóias e um capacete romano banhado a prata estavam entre os tesouros encontrados durante a escavação.

O curador de moedas romanas e da Idade do Ferro do Museu Britânico, Ian Leins, disse que apesar de não ser tão numeroso quanto a descoberta de Hallaton, o tesouro encontrado em Dovedale é “emocionante“.

Pela primeira vez, a National Trust contou com a ajuda de ex-soldados que estiveram no Afeganistão para ajudar na escavação.

As moedas foram limpas por especialistas em conservação do Museu Britânico e da University College London, e ficarão expostas permanentemente no museu de Buxton a partir do final deste ano.

ZAP / BBC

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Para mim o interessante foi o terem encontrado as moedas numa gruta. Agora moedas com mais de dois mil anos são conhecidas muitas… as gregas, dinastia, ptolomaica, rep. romana e muitas mais…

  2. 1) “artefactos” e não “artefatos” !!!

    2) “as moedas eram usadas mais como um símbolo de poder e status”
    Totalmente errado! As moedas custavam “dinheiro” e bens, pelo que a sua mera guarda não tem qualquer sentido! Elas eram, sim, amplamente usadas, quer internamente quer externamente!

Responder a PL Cancelar resposta

Mulan a preço premium estreia na Disney+ em setembro

A adaptação live-action de Mulan tem nova data de estreia. O anúncio foi feito pela Disney nesta terça-feira (4). O filme chega à plataforma de streaming Disney+ no dia 4 de setembro, estando disponível em …

Belgas trocam as voltas à pandemia e passam férias nas árvores

Enquanto uns passam o verão em casa, outros atrevem-se a ter uma experiência diferente. Alguns belgas estão a passar as noites de verão pendurados em árvores, em tendas em forma de lágrima. A pandemia de covid-19 …

Máscara inteligente traduz até oito línguas (mas não protege do coronavírus)

Esta máscara inteligente, criada por uma empresa japonesa, consegue traduzir o discurso do seu utilizador em várias línguas (mas, por si só, não o protege do novo coronavírus). Quando a pandemia de covid-19 transformou as máscaras …

Empresa fica com excedente de 40 mil quilos de frutos secos devido à covid-19

A GNS Foods, a empresa que nos últimos 30 anos forneceu os frutos secos à American Airlines, ficou com um excedente de 40 mil quilos por causa de restrições impostas devido à covid-19. Servir frutos secos …

Astronautas da NASA fizeram partidas por telefone para "matar" tempo durante o regresso à Terra

Os astronautas da NASA Bob Behnken e Doug Hurley fizeram algumas partidas por telefone durante o regresso à Terra a bordo cápsula Dragon, da empresa SpaceX de Elon Musk, num voo que foi duplamente histórico. …

Em plena pandemia, há um venezuelano que assegura os funerais no Peru

Ronald Marín é a última esperança para os habitantes de Comas, em Lima. O venezuelano é o único que realiza funerais católicos num cemitério longe do centro da capital, em plena pandemia. Vestido com uma túnica …

Covid-19 pôs mais de um milhão de portugueses em teletrabalho no 2.º trimestre

Um milhão de pessoas esteve em teletrabalho no segundo trimestre, sobretudo devido à covid-19, o equivalente a 23,1% da população empregada, enquanto mais de 600 mil não trabalharam nem no emprego nem em casa. De acordo …

Dia da Defesa Nacional regressa ao formato presencial a 2 de setembro

O Dia da Defesa Nacional, que está suspenso desde o dia 9 de março devido à pandemia de covid-19, irá regressar ao formato presencial a 2 de setembro, anunciou o Governo esta quarta-feira. Em comunicado, o …

Norte-americano detido depois de usar fundos da covid-19 para comprar um Lamborghini

As autoridades dos Estados Unidos detiveram um empresário que comprou um carro de luxo da marca Lamborghini com dinheiro que recebeu de programas federais para ajudar os afetados pelo novo coronavírus (covid-19). A notícia é …

FC Porto e Benfica disputam Supertaça a 23 de dezembro

O jogo da Supertaça, que vai opor o FC Porto ao Benfica e que deveria a abrir a temporada 2020/21, vai disputar-se a 23 de dezembro, anunciou, esta quarta-feira, a Federação Portuguesa de Futebol (FPF). Em …