Ministra da Saúde chilena demite-se após polémica declaração sobre aborto

pahowho / Flickr

A ex-ministra da saúde do Chile, Helia Molina

A ex-ministra da saúde do Chile, Helia Molina

A Presidente do Chile, Michelle Bachelet, aceitou, esta terça-feira, a demissão da titular da pasta da Saúde, Helia Molina, após polémicas declarações da ministra sobre o abordo, prática criminalizada no Chile.

Esta é a primeira renúncia de um ministro da Presidente chilena Michelle Bachelet desde que assumiu o cargo a 11 de março último.

As declarações da ministra chilena, que recebeu múltiplas demonstrações de apoio nas redes sociais, voltaram a reabrir o debate sobre o abordo no Chile.

“Muitas famílias conservadoras fizeram as suas filhas abortarem em todas as clínicas ‘cuicas’ [elegantes]. As pessoas com mais dinheiro não exigem leis porque têm os recursos”, afirmou Helia Molina, em entrevista ao diário La Segunda.

A renúncia ao cargo foi confirmada pelo porta-voz do Governo, Álvaro Elizalde.

“Devemos informar que a ministra Helia Molina apresentou a sua demissão para evitar polémicas artificiais que possam distrair o Governo da tarefa de melhor a saúde de todos e de todas”, disse.

O mesmo responsável acrescentou que a Presidente chilena, além de aceitar o pedido de demissão, manifestou o seu reconhecimento pelo contributo da agora ex-ministra e pela sua longa carreira profissional.

Helia Molina sublinhou, em declarações ao Canal 13 da televisão chilena, não se arrepender de nada do que tinha afirmado.

A 21 de maio, Bachelet anunciou um projeto para a descriminalização do aborto em três situações, incluindo violação sexual, mas, até ao momento, a iniciativa não avançou.

Segundo uma sondagem realizada pela empresa Adimark, em meados do ano, 71% dos chilenos mostrou-se a favor da aprovação de um projeto para descriminalizar o aborto nos casos propostos pelo Governo.

/Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. A América Latina registou enormes avanços políticos, sociais e económicos nos últimos anos. Pode até falar-se de uma revolução.

    Infelizmente, na área do aborto, este continente continua muito agarrado às ideias conservadoras e fundamentalistas religiosas.

    Mas é preciso ter paciência. Com os avanços no nível de vida, na saúde e educação, a despenalização do aborto será uma consequência lógica, tal como aconteceu recentemente em Portugal.

    É um avanço civilizacional inevitável, por muito que haja Velhos do Restelo a zurrar ruidosamente contra. Mas não importa o que eles dizem, estão do lado errado da História.

RESPONDER

Um dos maiores sites de dados sobre a covid-19 na Austrália é, afinal, gerido por adolescentes

Aproveitando o momento em que passaram a integrar as estatísticas que os próprios fazem chegar diariamente à população australiana, o grupo de três jovens revelou a sua identidade para surpresa de muitos dos seus seguidores. …

Mais cinco mortes e 713 casos confirmados em Portugal

Portugal registou, este sábado, mais cinco mortes e 713 casos confirmados de covid-19, de acordo com o mais recente boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). Este sábado registaram-se mais cinco mortes e 713 novos casos …

Dirigente da Huawei detida no Canadá pode voltar à China após acordo com EUA

A justiça dos EUA aceitou hoje o acordo entre o Departamento da Justiça e a Huawei, que vai permitir à filha do fundador e diretora financeira do conglomerado chinês de telecomunicações regressar à China. Uma juíza …

Depois do coro de críticas, brasões da Praça do Império passam do jardim para a calçada

Os brasões florais que representam as capitais de distrito e as ex-colónias portuguesas vão mesmo ser retirados da Praça do Império, em Lisboa, mas passarão a estar representados em pedra da calçada. É a solução …

Vulcão, La Palma

Aeroporto de Las Palmas inoperacional devido à acumulação de cinzas

O aeroporto de La Palma, na Ilha de Tenerife, nas Canárias, está inoperacional por acumulação de cinzas, resultante da erupção do vulcão Cumbre Vieja, informou hoje a empresa gestora dos aeroportos e do tráfego aéreo …

Siza Vieira reforça que é "trabalho" dos Bancos discutir com os clientes o reembolso das moratórias

O ministro da Economia, Pedro Siza Vieira, reforça que cabe aos Bancos "discutir com os seus clientes que têm moratórias nos sectores mais afectados" pela pandemia o reembolso das dívidas após o fim destes mecanismos …

Domingos Soares de Oliveira de saída do Benfica

Além de João Varandas Fernandes e José Eduardo Moniz, o administrador Domingos Soares de Oliveira também não vai integrar a lista de Rui Costa para as próximas eleições. Rui Costa confirmou na terça-feira que é candidato …

Depois do Bayern, Barcelona também está atento a Luis Díaz

Luis Díaz continua a somar boas exibições e clubes interessados na sua contratação. Agora fala-se do desejo do Barcelona em contratar o colombiano em janeiro. Luis Díaz atravessa um momento de forma excecional ao serviço do …

Fuse Valley, Matosinhos

Está a nascer em Matosinhos a Silicon Valley portuguesa (e até Siza Vieira está "espantado")

O "Fuse Valley" promete ser a Silicon Valley portuguesa, em Matosinhos, num empreendimento inovador da Farfetch e da Castro Group que até deixa o ministro da Economia, Pedro Siza Vieira, "espantado". A abertura está prevista …

Portugal aguarda "luz verde" da EMA para avançar com terceira dose aos idosos

Portugal aguarda a autorização da Agência Europeia de Medicamentos para avançar com a administração da terceira dose da vacina contra a covid-19 a maiores de 65 anos. Com base nos resultados de dois grandes estudos científicos …