Ministério quer acabar já este ano com professores sem turma

allio / Flickr

-

O ministro da Educação, Nuno Crato, disse esta segunda-feira que espera não ter qualquer professor sem turma atribuída nas escolas dentro de algumas semanas, considerando que este é “um objetivo atingível”.

Em declarações aos jornalistas no final da reunião com a Federação Nacional de Educação (FNE), o ministro da Educação, Nuno Crato, ressalvou que ter “zero horários-zero” daqui a algumas semanas é uma expetativa, não uma promessa.

“Não posso dar nenhuma garantia definitiva. Temos que ser completamente honestos em relação a este aspeto. O que posso dar é a garantia aos professores de que estamos a trabalhar para que seja residual, senão zero, o número de professores em horário-zero. A indicação que temos é de que esse é um objetivo atingível nas primeiras semanas do ano letivo”, declarou o ministro.

De acordo com o secretário-geral da FNE, João Dias da Silva, o número de professores nestas condições não chegaria a 500 no final do ano letivo passado.

O secretário de Estado da Administração Escolar, Casanova de Almeida, adiantou que, de acordo com as informações dos serviços do ministério, este ano letivo vai arrancar com menos de metade dos 2.185 “horários-zero” que existiam à partida para o ano anterior.

“Essa redução ainda não tem em conta os lugares que vão ser ocupados por todos os professores que forem rescindir de sua livre vontade e que até dia 10 o vão manifestar. Após dia 10 vamos dar prioridade a todos os professores que estavam nas escolas desses professores que rescindem para terem prioridade para regressarem à sua escola”, explicou o secretário de Estado.

Rodrigo Gatinho / portugal.gov.pt

O ministro da Educação, Nuno Crato

O ministro da Educação, Nuno Crato

Nuno Crato diz que o objetivo é não haver professores em condições de passar à requalificação profissional em fevereiro de 2015, estando o ministério ainda a prever algumas medidas que o possam evitar, como uma nova fase de colocações no Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP), em outubro.

Sobre as listas de colocação de professores nas escolas, referentes à mobilidade interna e à contratação inicial, o ministro apontou o dia de terça-feira como aquele em que serão divulgadas, desvalorizando a proximidade da data de início do ano letivo, que arranca na quinta-feira, por se estar a falar de concursos que vão colocar 5% de professores.

“Preferiríamos todos nós que o ano pudesse começar com um conhecimento mais antecipado. Há professores que ainda não sabem em que escola vão trabalhar e achamos que isto devia ser evitado”, defendeu João Dias da Silva, à saída da reunião, dizendo que com a sua “solidariedade”, não resolve o problema dos professores que vão conhecer a sua colocação a poucos dias de começarem a trabalhar.

No entanto, Casanova de Almeida sublinha que com as alterações aos concursos feitas este ano, o tempo médio de colocações nas escolas vai baixar dos 23 dias para os quatro a cinco dias, evitando que os alunos passem semanas sem professores atribuídos.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Tem dores nas articulações quando está de chuva? É mito

A relação entre o tempo de frio e chuva e as dores nas articulações é um mito que persiste desde a antiguidade, mas não há qualquer relação, garante um estudo feito nos Estados Unidos e …

Vieira da Silva "absolutamente tranquilo"

O ministro do Trabalho, da Solidariedade e da Segurança Social reafirma estar "absolutamente tranquilo" relativamente à sua implicação no caso relativo a suspeitas de gestão danosa na associação Raríssimas. "Uma equipa técnica do Instituto de Segurança …

China constrói campos de refugiados na fronteira com a Coreia do Norte

A China, que sempre defendeu uma solução pacífica para a crise da Coreia do Norte, pode estar a preparar-se para um eventual conflito militar ou para a queda do regime de Kim Jong-un. Isto numa …

Ministério abre processo disciplinar por fuga de informação no exame de Português

O inquérito à fuga de informação no exame nacional de Português deste ano determinou a abertura de um processo disciplinar a uma professora "para apuramento de responsabilidade", adiantou o Ministério da Educação. O processo disciplinar é …

"Super-homem chinês" cai de um edifício e filma a própria morte

O "super-homem" Wu Yongning, uma estrela na rede social chinesa Weibo, morreu ao cair do 62º andar de um edifício em Changsha, na China. Wu Yongning, de 26 anos, morreu numa queda ocorrida quando tentava subir …

Governo concede tolerância de ponto no dia 26 de dezembro na função pública

O Governo vai conceder tolerância de ponto em 26 de dezembro "aos trabalhadores que exercem funções públicas nos serviços da administração direta do Estado, sejam eles centrais ou desconcentrados, e institutos públicos", de acordo com …

Juncker envolvido em processo judicial por escutas ilegais

Jean-Claude Juncker pode ser envolvido num processo judicial por escutas ilegais e adulteração de conversas. A investigação é relativa a uma altura em que o Presidente da Comissão Europeia era primeiro-ministro do Luxemburgo. Jean-Claude Juncker, presidente …

ONU prepara projeto contra reconhecimento pelos EUA de Jerusalém como capital de Israel16

Um projeto de resolução contra o reconhecimento pelos Estados Unidos de Jerusalém como capital de Israel está a ser preparado na ONU para demonstrar o isolamento dos norte-americanos no Conselho de Segurança. Os Estados Unidos da …

Senador John McCain hospitalizado devido a tumor

O senador e ex-candidato republicano à Casa Branca foi hospitalizado, esta quarta-feira, nos arredores de Washington. John McCain foi diagnosticado em julho com um tumor cerebral. "O senador McCain está a receber tratamento no Centro Médico …

Último aviso da Cassini: se for a Saturno, leve guarda-chuva

Se está a pensar fazer uma viagem até Saturno deixamos um conselho: não se esqueça do guarda-chuva. Cientistas norte-americanos descobriram recentemente que os anéis de Saturno podem produzir uma espécie de chuva. A sonda Cassini viveu …